Esportivo define elenco para a Divisão de Acesso 2019

Plantel alviazul será composto por 25 jogadores e quatro membros da equipe técnica. Pré-temporada inicia em 03 de janeiro

O desafio de recolocar o clube Esportivo de Bento Gonçalves na elite do futebol gaúcho já tem seus protagonistas escalados: o quadro da comissão técnica, diretoria e o plantel completo estão definidos e têm data marcada para começar a agenda de trabalho. Na pré-temporada em 2019, o alviazul contará com 25 jogadores, além de quatro membros da equipe técnica (confira a relação completa abaixo). A apresentação oficial está marcada para o dia 03 de janeiro, quando também inicia a preparação para a Divisão de Acesso.

Mesclando experiência com novas apostas, o grupo que defenderá as cores do time bento-gonçalvense será composto por atletas remanescentes da última temporada, jovens das categorias de base e contratações que visam agregar competitividade ao plantel. Entre eles está o atacante Zulu, que já coleciona duas passagens pelo alviazul e tem grande identificação com o clube. O jogador de 35 anos passou por mais de 20 times na carreira e chega ao Esportivo com enorme bagagem para a disputa da competição. Zulu conta que vem ao Esportivo pelo projeto do centenário e por conhecer a grande maioria das pessoas que hoje estão envolvidas com o clube. “Acredito na força do grupo. Precisamos do apoio da torcida para estarmos bem sintonizados e fazermos uma boa competição rumo ao nosso objetivo”, comenta.

O técnico Carlos Moraes também confia no potencial da equipe. “A formação do elenco do Esportivo obedeceu alguns critérios, como experiência de alguns atletas dentro do futebol gaúcho e, principalmente, na Divisão de Acesso. Formamos um grupo que nos permite algumas possibilidades em termos técnicos e táticos, primando por ter uma equipe competitiva e que consiga se impor nas diferentes situações que irá encontrar na disputa pela vaga na elite”, esclarece.

Centenário como fator motivacional

A celebração de um marco tão importante para a história de uma instituição como é o centenário se torna um dos principais aspectos para a motivação do clube em galgar um espaço entre os melhores do Estado. O Vice-Presidente de Futebol Profissional do Esportivo, Guilherme Salton, exalta o otimismo na construção do elenco e a aposta certeira em profissionais competitivos. “Chegar aos 100 anos de existência com certeza nos motiva muito a lutarmos pelo acesso. É um momento histórico para o clube, que requer todo o nosso esforço e empenho. Por isso buscamos jogadores e comissão técnica que estejam comprometidos com o nosso projeto do centenário”, aponta.

Confira o plantel completo do alviazul para a Divisão de Acesso 2019

Goleiros:

– Jonatas Cunegato:

38 anos, 1,88m de altura, 83 quilos. Acumula passagens por São Luiz e Juventude;

– Jonathan Walker:

24 anos, 1,88m de altura, 78 quilos. Estava no Brasil de Pelotas;

– Filipi Lummertez:

18 anos, 1,83m de altura, 81 quilos. Atua na base do Esportivo.

Zagueiros:

– Jonas Brignoni dos Santos:

35 anos, 1,88m de altura, 80 quilos. Últimas atuações por Guarani e Veranópolis;

– Elton Avelino:

35 anos, 1,83m de altura, 86 quilos. Atuou pelo Metropolitano e Glória de Vacaria;

– Tiago Cortez:

21 anos, 1,90m de altura, 85 quilos. Chega ao Esportivo do Pailion-haka, da Finlândia.

Laterais-direito:

– Rodolfo Ferreira:

26 anos, 1,81m de altura, 81 quilos. Esteve no Rio Branco, do Acre, na última temporada;

– Adrian Eduardo Alves Rosa:

18 anos, 1,70m de altura, 65 quilos. Atua nas categorias de base do clube.

Laterais-esquerdo:

– Everton Cordova Corrêa, o Xaro:

31 anos, 1,77m de altura, 70 quilos. Passagens por Brasil de Pelotas e São José;

– Adriano Aparecido de Freitas, o Chuva:

31 anos, 1,77m de altura, 73 quilos. Passagem pelo Rio Branco, do Acre.

Volantes:

– Alisson Marion Silveira:

18 anos, 1,75m de altura, 70 quilos. Atua na base alviazul;

– Renan Silva de Lima, o Pedrada:

21 anos, 1,76m de altura, 63 quilos. Atua na base do Esportivo;

– Eduardo Martins, o Nunes:

34 anos, 1,86m de altura, 80 quilos. Passagens por Brasil de Pelotas e Grêmio;

– Renan Pereira da Silva:

34 anos, 1,81m de altura, 80 quilos. Passagens por Juventude e Caxias;

– Ismael Vicente Brezolin:

22 anos, 1,74m de altura, 74 quilos. Já atuou pelo Betis, de Minas Gerais, e Bagé;

 – Robert Ribeiro:

26 anos, 1,82m de altura, 78 quilos. Na última temporada atuou pelo Hercílio Luz, de Santa Catarina.

Meias:

– Cris Magno:

24 anos, 1,70m de altura, 68 quilos. Passagens por Bagé e União Frederiquense;

– Diogo de Lima Barcellos:

33 anos, 1,72m de altura, 68 quilos. Passagens por Caxias e Internacional;

– Bruno Santos Ordovas:

18 anos, 1,81m de altura, 79 quilos. Atua na base do Esportivo;

– Athos Dal Asta de Almeida:

38 anos, 1,78m de altura, 72 quilos. Passagens por Veranópolis, Paraná e Brasil de Pelotas.

Atacantes:

– Vinícius Santos:

25 anos, 1,70m de altura, 70 quilos. Últimas atuações por São José e Cruzeiro-RS;

– Antônio Marcos de Oliveira Júnior:

24 anos, 1,75m de altura, 68 quilos. Na última temporada atuou pelo Sileks FC, da Macedônia;

– Luiz Vinícius Martins:

27 anos, 1,79m de altura, 63 quilos. Passagens por Pelotas e Lajeadense;

– Ygor da Silva, o Nena:

36 anos, 1,84m de altura, 82 quilos. Passagens por Brasil de Pelotas e Ituano;

– Carlos Eduardo Alves Albina, o Zulu:

35 anos, 1,91m de altura, 96 quilos. Passagens por Juventude e Brasiliense.

Comissão técnica:

Treinador: Carlos Moraes;

Preparador físico: Gustavo Correa;

Auxiliar técnico: Márcio Ebert;

Preparador de goleiros: Emerson Bohm.

Fundaparque investirá quase R$ 600 mil em melhorias até 2020

Espaço recebeu durante o ano 42 eventos, 27% a mais do que a meta prevista 

Entre 2019 e 2020, o Parque de Eventos de Bento Gonçalves passará por uma série de melhorias em infraestrutura, com investimentos que chegarão a R$ 580 mil – ou mais de R$ 1,2 milhão se computadas as benfeitorias iniciadas a partir de 2017.  Muitas das ações entrarão em vigor ainda em 2019, como é o caso das melhorias na climatização do Pavilhão A (A1 e A2) e da troca de peças do sistema de ar-condicionado, que devem ficar prontas a tempo de receber os expositores e os visitantes da Fimma Brasil, em março.

Parque de Eventos

Depois, em julho, está prevista a entrega das obras complementares relacionadas ao Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI), orçadas em cerca de R$ 300 mil – mais da metade do total dos investimentos. Já para dezembro, a previsão é que esteja finalizado o serviço de pintura no complexo.

O planejamento da Fundaparque – administradora de um dos maiores espaços cobertos e climatizados para eventos da América Latina, com 58 mil m² – ainda contempla, para depois de 2019, reforma nos banheiros do Pavilhão E, asfalto nas áreas que requerem essa melhoria no estacionamento do mesmo pavillhão e reparos na iluminação externa, esses últimos previstos para serem realizados em março de 2020.

As obras fazem parte da estratégia da Fundaparque em captar novos negócios para ampliar o calendário de feiras e eventos da cidade. “Temos a convicção que um dos meios de trazer mais negócios à cidade é o contínuo desenvolvimento do Parque. Estamos trabalhando para que ele fique cada vez mais moderno, atendendo às exigências do mercado e o deixando apto para receber os mais diversos tipos de eventos”, diz o presidente da Fundaparque, Sílvio Sandrin.

Somente em 2018, duas feiras inéditas ocorreram no Parque de Eventos, a TranspoSul e a Wine South America – ambas já agendadas também para 2019, em junho e em setembro, respectivamente. Além disso, neste ano os pavilhões receberam o Congresso de Transformação Digital e shows como o de Nando Reis, comprovando a versatilidade dos espaços do Parque de Eventos.

Ao todo, o complexo recebeu 42 eventos em 2018 – sendo 14 de negócios –, nove a mais do que o previsto, ou seja, 27% superior à meta. Para 2019, o plano é repetir essa performance – mais da metade da meta está cumprida, com a confirmação dos 28 eventos captados até o dia 30 de novembro.

Em 2017 e 2018, os investimentos da Fundaparque no complexo somaram R$ 713, 7 mil, com melhorias no PPCI, na estrutura do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) – contíguo ao Parque de Eventos –, na entrada no mercado livre de energia e na iluminação externa.

Última Sessão de Cinema Italiano “La banda dei Babbi Natale” ocorre neste domingo

 No próximo domingo, 16 de dezembro,  será exibido o filme La banda dei Babbi Natale, de Paolo Genovese, a partir das 17 horas no Dall’Onder Grande Hotel. Para comemorar a última sessão de cinema italiano de 2018, os participantes são convidados a levar um prato de comida para compartilhar com os presentes.

Sinopse: Em Milão, durante a noite de Natal, Aldo, Giovanni e Giacomo, três amigos unidos pela paixão comum pela bocha, são presos pela polícia por um suposto assalto em um apartamento. Os três são considerados membros da Banda dei Babbi Natale que já assaltou oito apartamentos. Os presos se dizem inocentes e dizem a inspetora de polícia o motivo pelo qual se encontram naquela situação equivocada. Essa história promete muitas risadas!

cinema italino de natal
Direção: Paolo Genovese
Áudio: italiano
Legenda: italiano
Ano: 2010
Gênero: comédia
Duração: 97 minutos

ENTRADA FRANCA

DATA: dia 16 de dezembro de 2018 | domingo | às 17 horas

LOCAL: Dall’Onder Grande Hotel – Rua Herny Hugo Dreher, 197 (Sala de Eventos) – Bento Gonçalves

Contatos: (54) 98122 5190 com Gabrielle | E-mail: aneabra@gmail.com

PROMOÇÃO: ANEA – BRASIL

Pesquisa mostra que 67% dos lojistas esperam crescimento nas vendas de final de ano

Levantamento feito pela CDL-BG traz dados otimistas e mostra que campanhas incentivam negócios

O clima de Natal inspira o comércio de Bento Gonçalves – não apenas a decorar seus estabelecimentos com motivos temáticos, mas, principalmente, a concretizar bons negócios na reta final de 2018. A principal data geradora de vendas para o varejo vem carregada de otimismo no país: uma pesquisa realizada em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) indica injeção de aproximadamente R$ 53,5 bilhões na economia do país neste Natal. Em termos percentuais, 72% dos brasileiros planejam comprar presentes para terceiros nesta data.

Comercio espera boas vendas, conforme pesquisa da CDL-BG (3)

Em Bento Gonçalves, a perspectiva de aumento segue a estimativa nacional. Levantamento feito pela Câmara de Dirigentes Lojistas do município mostra que 67% dos lojistas entrevistados esperam algum percentual de crescimento nas vendas. Dessa quantidade, 34% acredita em um aumento de até 10% nas negociações e 15% aposta em uma melhora acima dos 20% nas transações efetuadas durante o período. A pesquisa ouviu cerca de 50 lojistas associados.

Para o presidente da CDL-BG, Marcos Carbone, os números que revelam o otimismo dos comerciantes são resultado de uma combinação de fatores – entre eles a crescente preparação do varejo para extrair, dessas datas, os melhores resultados nos negócios. “Durante todo o ano o comércio vem trabalhando na qualificação do atendimento, na oferta de mix atrativo e em uma série de diferenciais que fidelizam o cliente. Agora, vem colhendo os resultados desse esforço”, avalia.

Outro fator que ajuda na promoção das vendas são as campanhas de incentivo promovidas pela entidade – a exemplo do ‘Bento Natal Premiado’, que estimula os bento-gonçalvenses a fazerem suas compras no comércio local por meio do sorteio de prêmios. Quem optar pelas lojas da cidade ganha a chance de concorrer a televisores, bicicletas, caixas de som e um carro 0km, que serão sorteados na noite de 21 de dezembro, na Via Del Vino. “Assim, o cliente que fizer suas compras no comércio de Bento Gonçalves irá encontrar, além de atrativas opções de produtos, atendimento qualificado e preços diferenciados, a oportunidade de encerrar o ano concorrendo a prêmios especiais. São iniciativas que a CDL-BG vem promovendo e ampliado ano após ano como forma de contribuir com os esforços do comércio local para fomentar as vendas e prosperar. Nesta edição, a campanha Bento Natal Premiado teve distribuição recorde de cupons: meio milhão de cartelas.

Exemplos de boas perspectivas

Muitos lojistas apostam em uma crescente para a reta final do ano – e direcionam seus esforços para concretizar essas projeções. A Sonho de Consumo é um exemplo dessa onda positiva. A loja de moda masculina, feminina e infantil localizada no Bairro Vila Nova II atua no mercado bento-gonçalvense há mais de 25 ano e traz, para 2018, grandes expectativas: 70% de aumento em comparação com o mesmo período do ano passado. Quem garante a aposta é a gerente do empreendimento, Danusa Oliveira de Melo. “Estamos sendo bem otimistas, pois viemos de uma crescente ao longo deste ano. E isso se deve, principalmente, pela qualidade dos produtos que ofertamos”, esclarece.

Outra loja que faz parte da boa perspectiva é a Bazar Débora. Segundo uma das proprietárias, Bruna Somensi, o crescimento esperado é de 20% a 30%. “Estamos apostando nas roupas de verão e na maior divulgação que estamos fazendo dos nossos produtos. Além disso, acreditamos na continuidade da evolução que tivemos nos últimos três anos”, relata. O bazar trabalha com moda feminina e masculina e oferece blusas a partir de R$39,00 para quem comprar neste final do ano.

Crédito das fotos: Alessandro Manzoni

Parceiros Voluntários encerra agenda de ações em 2018 com balanço positivo

ONG mantida pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves promoveu atividades solidárias ao longo do ano com parcerias locais

O ano encerra com a certeza do dever cumprido para a Parceiros Voluntários de Bento Gonçalves. Ao longo de 2018, foram mais de 50 ações realizadas em diversas frentes. “Ao olharmos em retrospecto, ficamos muito orgulhosos da mobilização tanto de empresas quanto de pessoas físicas em prol da difusão da solidariedade, expressa por meio do voluntariado. São resultados como esses que nos motivam a seguir avançando na sensibilização da comunidade”, diz a coordenadora da Parceiros Voluntários em Bento Gonçalves, Angélica Somenzi.

Para encerrar o ciclo com chave de ouro, a Jane Beauty – parceira da ONG em atividades voltadas ao voluntariado – promoveu momentos de descontração e beleza na ala oncológica do Hospital Tacchini. Ao lado de voluntárias da Parceiros caracterizadas para animar os pacientes, a maquiadora do salão de beleza, Letícia Bertochi Pasqualotto, deu dicas de embelezamento às mulheres que passam pela doença e estão em tratamento. “Ser voluntário proporciona a diferença na vida de alguém, mas muda também a sua completamente. É a maneira mais eficaz de renovar as energias. Sou muito grata por ter oportunidades assim”, comenta. Neste ano, a ONG e a Jane Beauty promoveram cinco ações, de março a novembro, na oncologia da instituição. Além de Letícia, participaram dos encontros ao longo do ano as profissionais Natalia Bettoni, Jaqueline Bortolotto, Ana Diule Goulart e Aline Feldmann.

Ações constantes no ano

Os projetos encampados pela Parceiros em 2018 tiveram reflexos positivos em diversas instituições de Bento Gonçalves e região. No início do ano, a ONG lançou uma campanha com o intuito de conscientizar a comunidade local sobre a importância do voluntariado para o bem-estar social. Na sequência, iniciativas solidárias foram se desencadeando e gerando uma corrente de amor ao próximo. Ações em entidades beneficentes, como APAE, AAPECAN e Lar do Ancião, em escolas municipais, como a Anselmo Luigi Piccoli, no bairro Cohab, e campanhas, a exemplo da arrecadação de agasalhos, permearam o ano que se encerra.

Ação da Parceiros Voluntários em parceria com Jane Beauty

Além disso, as Tribos nas Trilhas da Cidadania promovidas pela ONG agregaram mais adeptos, como as escolas municipais de Monte Belo do Sul. Também foi realizado, no CIC-BG, o encontro do Fórum Regional de Tribos Serra, para selar os projetos desenvolvidos no período anual. O evento reuniu mais de 300 jovens estudantes e as equipes da Parceiros Voluntários que desempenharam, durante todo o ano, atividades nas cidades de Bento Gonçalves, Monte Belo do Sul, Caxias do Sul, Nova Prata e Marau. O programa da ONG estabelece parcerias com escolas através de três trilhas – meio ambiente, cultura e educação para a paz –, incentivando o voluntariado juvenil.

A projeção é que 2019 mantenha a corrente voluntária reforçada neste ano e fortaleça cada vez mais o espírito solidário na comunidade bento-gonçalvense. “Muitas vezes as pessoas só precisam um pouco mais de informação para se dispor ao voluntariado, pois ajudar é da própria natureza do ser humano. Por isso seguimos com a meta de conscientizar quem está ao nosso lado para propor um ambiente social melhor a todos”, aponta a coordenadora da Parceiros Voluntários em Bento Gonçalves, Angélica Somenzi.

O que é a Parceiros Voluntários

A Parceiros Voluntários é uma ONG implantada no município há quase 20 anos. Mantida pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC-BG), atua em uma campanha permanente para incentivar o trabalho voluntário e inspirar novas parcerias. Os interessados em participar – sejam pessoas físicas ou jurídicas – podem escolher ações que estiverem relacionadas as suas habilidades e que, ao mesmo tempo, proporcionam bem-estar. No caso das empresas, a Parceiros Voluntários tem um programa que auxilia no planejamento e execução de ações sociais em benefício da comunidade com a participação direta dos seus colaboradores. Mais informações podem ser obtidas pelo (54) 2105-1999.

Orquestra Municipal de Carlos Barbosa apresenta Concerto Integração Especial de Natal neste domingo

Sob a regência do maestro Dirceu Andrioli a Orquestra Municipal de Carlos Barbosa convida as Orquestras de Sopros de Veranópolis e Fanfarra Bersaglieri de Faria Lemos (Distrito de Bento Gonçalves) e os solistas Giovanni Marquezeli – tenor e Giovana Sartori – soprano, para o espetáculo Natalino que integra a programação do “Natal Caminho das Estrelas”, promovido pela Prefeitura Municipal de Carlos Barbosa.

O concerto acontece no dia

16 de dezembro, domingo, às 20h30min, no Palco da Estação em Carlos Barbosa.

A entrada é franca e em caso de chuva o evento será transferido para a Rua Coberta.

Evento tradicional da Orquestra Municipal de Carlos Barbosa – OMCB, o espetáculo de natal, assim como todos os concertos da orquestra, busca trazer um diferencial em suas apresentações, seja com convidados especiais ou temas distintos. Para essa edição, o foco é fortalecer o verdadeiro espírito que a data propõe e com esse propósito de fortalecer os laços, a convivência amigável, o amor ao próximo é que as três orquestras se juntam num verdadeiro exemplo de solidariedade e realizam uma turnê desse grande espetáculo nas cidades envolvidas, a começar por Carlos Barbosa.

Orquestra de CarlosBarbosa

O espetáculo que conta com mais de 60 artistas no palco apresenta um repertório que envolve música instrumental, valorizando a integração entre as orquestras e canções que provocam a reflexão e inspiram à comunhão e o deleite num estado de paz e harmonia, nos sons dos instrumentos e nas vozes dos solistas.

O espírito é, sem dúvida, proporcionar à comunidade de Carlos Barbosa uma noite memorável para festejar essa data que é tão especial para o mundo inteiro – O Natal!

Nesse sentimento comunitário convidamos todos a trazer sua cadeira, seu chimarrão, mentes e corações dispostos a envolver-se por este momento.

As demais apresentações acontecem nas seguintes datas e horários:

19.12 – Praça XV de Novembro | Veranópolis

21.12 – Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário | Faria Lemos-Bento Gonçalves

Esse concerto é uma realização da Orquestra Municipal de Carlos Barbosa e conta com o apoio cultural do Centro Educativo Crescer e da Prefeitura Municipal de Carlos Barbosa | Proarte.

Saiba mais sobre nossos convidados:

GIOVANA PAOLA SARTORI – Soprano

Soprano lírico nascida em Francisco Beltrão – PR, iniciou seus estudos musicais aos 7 anos de idade, em Caxias do Sul -RS. Aos 16 anos direcionou seus estudos musicais para o canto lírico. Estudou sob a orientação de grandes professores como Neyde Thomas, Vera Campos, Lori Kehler, Silvio Correia e Floriana Cavalli (Milano-IT). Em 2001, venceu o Concurso Jovens Solistas da Ospa.

Em 2002, transferiu-se para Itália onde permaneceu durante 3 anos estudando sob a orientação da soprano Floriana Cavalli. Apresentou-se em várias cidades italianas como solista da Casanova Venice Ensamble, sob a regência de Constatino Carollo. Ainda na Itália, no ano de 2003, foi a primeira brasileira a frequentar a Accademia d’Arti e Mestieri dello Spettacolo Del Teatro Alla Scala di Milano.

No seu retorno ao Brasil, seguiu apresentando-se em concertos acompanhada pelas Orquestras Sinfônica de Porto Alegre, Orquestra Sinfônica da Universidade de Caxias do Sul, Orquestra Sinfônica de Pelotas e Orquestra Municipal de Sopros de Caxias do Sul, sob a regência de renomados maestros, dentre os quais, Nestor Wennholz (in memorian), Manfredo Schmiedt, Túlio Bellardi, Sérgio Sisto, Leonardo Khun, Gilberto Salvagni. Ao longo de sua carreira cantou ao lado de grandes artistas como Agnaldo Rayol e Franco Simone (IT).

Giovanni Marquezeli  – tenor

Tenor paulista nascido em Rio Claro, estado de São Paulo. Começou seus estudos na música aos 4 anos de idade, tocando violão e piano. Seus estudos no canto lírico tiveram início em 2005, sob orientação do professor Silvio Correa e hoje continua seu aperfeiçoamento com a soprano Rosimari Oliveira.

Em 2003 foi integrante do Coral Nacional de São Paulo -SP com regência do maestro Paulo Moura, onde gravou junto com o compositor Mario Zan a música oficial dos 450 anos da cidade de São Paulo.

Em 2009 realizou uma turnê de doze dias na Itália, onde se apresentou em tradicionais metrópoles culturais como Torino, Roma e Veneza. Com canções italianas no repertório, gravou seu primeiro CD Romantici, com doze faixas cantadas na língua do país europeu.

Em 2012 surpreendeu o país ao quebrar uma taça com apenas o som emitido pela sua voz. Em 32 segundos, o tenor conseguiu quebrar um desafio que estava intacto há sete meses, transmitido no programa da apresentadora Eliana, do SBT.

Em 2013 foi convidado para participar do 1º Festival Canoro de Napoli – Itália, onde estudou com o tenor napolitano Vincenzo Villani e em 2015, passou 6 meses, também na Itália, para se aprofundar nos estudos e se apresentar em várias cidades da região do Vêneto.

Em 2018, participou do Master Class com a soprano Carla Maffioletti, cantora da orquestra do Maestro André Rieu.

Atua como solista junto a Orquestra Sinfônica de Gramado, Orquestra Sinfônica da Universidade de Caxias do Sul, Orquestra de Sopros de Caxias do Sul e Orquestra de Sopros de Carlos Barbosa. Cantou sob a regência de grandes maestros como: Manfredo Schmiedt (BRA), Linus Lerner (BRA/EUA), Bernardo Grings (BRA), Gilberto Salvagni (BRA) e Dirceu Andrioli (BRA). Como concertista, cantou árias dos seguintes personagens: Rodolfo (La Boheme), Caravadossi (Tosca), Calaf  (Tuandot), Radamés (Aida), Il Duca (Rigoletto), Manrico (Il Trovatore) e Alfredo Germont (La Traviata).

Principais cidades que se apresentou: São Paulo, Rio de Janeiro, Campo Grande, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Caxias do Sul. Na Itália: Torino, Napoli, Sorrento, Bologna, Roma e Veneza. Na Holanda: Amsterdã.

Orquestra Municipal de Carlos Barbosa:

Desde 2002, ano de sua criação, a Orquestra Municipal de Carlos Barbosa, trabalha para ter seu espaço no cenário cultural local e regional. Realiza atividades regulares e de qualidade como o concerto anual, de Natal, concerto em comemoração ao aniversário do município e apresentações com grupos de música de câmara com a orquestra jovem e escola de música, durante todo o ano. A Orquestra Municipal de Carlos Barbosa representa importante mecanismo de atuação musical para a comunidade em geral. Um dos seus principais objetivos é a integração com seu meio social, transformando seu trabalho em ponto de convergência dos músicos da região, além de fomento para o desenvolvimento regional e crescimento cultural da comunidade.

Criada pela administração municipal, atualmente tem como regente titular e diretor artístico o maestro Dirceu Andrioli, seu quadro de músicos é composto por aproximadamente 40 músicos que variam conforme o repertório. É gerida e administrada pela Associação Orquestra Municipal de Carlos Barbosa. A Orquestra apresenta um repertório diversificado, com interpretação desde a música de concerto, especialmente escrita para Orquestra de Sopros, à música popular brasileira, também muito utilizada para esse perfil orquestral.

Mantém desde 2009, uma Escola de Música com os objetivos voltados para a formação de músicos que futuramente terão na Orquestra a oportunidade de trabalho e realização profissional. Criou a Orquestra Jovem, que é formada exclusivamente por alunos da escola de música acompanhados por seus professores. A Orquestra Municipal de Carlos Barbosa tem como objetivo principal o crescimento cultural e social de toda a comunidade.

Orquestra de Sopros de Veranópolis:

Por iniciativa de Aníbal José Costa, com a colaboração de alguns amigos e apoio do poder público, no ano de 1987 tiveram início as atividades da atual Orquestra de Sopros de Veranópolis. Inicialmente denominada “Banda Municipal de Veranópolis”, o grupo que era regido pelo maestro Carlos Alberto Zancan, ensaiava regularmente no mesmo prédio do Corpo de Bombeiros, em uma sala cedida. Segundo o depoimento de Carlos, o grupo levou em torno de um ano até realizar a primeira apresentação em público, já nos anos seguintes, foram diversas apresentações em Veranópolis e também em outras cidades do Estado participando de diversos festivais. No decorrer dos anos outros maestros tiveram a tarefa de conduzir o grupo entre eles Gerson Carvalho o saudoso Pernambuco (in memorian), e mais tarde Davi Dessotti, mas foi em 1998 quando o grupo era regido pelo Maestro Gilberto Salvagni, que sua denominação passou para Orquestra de Sopros de Veranópolis, desde então passou a realizar concertos anualmente, sempre com temáticas diferentes de relevância cultural e artística proporcionando ao público através de uma maneira irreverente de fazer música, espetáculos de ótima qualidade. Atualmente mantém através de parceria com a Casa da Cultura e com o poder público de Veranópolis, a escola de música Matilde Cagliari. Os ensaios são realizados semanalmente em sala própria e a regência está nas mãos do maestro Dirceu Andrioli.

Fanfarra Bersaglieri:

A Fanfara Bersaglieri di Faria Lemos foi criada com intuito de resgatar a história do Distrito de Faria Lemos, município de Bento Gonçalves. A música é tradição e legado deixado pelos imigrantes italianos que colonizaram a região. O Distrito possuía banda de sopro desde a década de 40, e boa parte dos músicos do município tinha formação em Faria Lemos. A Associação Caminhos de Faria Lemos atuante no desenvolvimento do distrito e buscando manter viva as tradições culturais, criou em 2007, um grupo

de aprendizado em música instrumental, com a missão de promover, com excelência, a educação musical e a prática coletiva de música. Inicialmente com partituras de Fanfaras Bersaglieris da Itália, onde temos como madrinha a Fanfara Bersaglieri San Doná Del Piave. Fanfara Bersaglieri, em sua origem são bandas de soldados militares.

Depois, a Fanfara, foi acrescentando músicas de nossos antepassados italianos, e atualmente tocando músicas dos mais variados estilos musicais. Suas apresentações acontecem em toda a nossa região, em eventos religiosos, cívicos, populares e sociais.

 

Repertório:

  • Ode To Joy- Ludwig van Beethoven
  • Angels We Heave on high – tradicional
  • Nella Fantasia – Ennio Morricone

solista: Marcos Tironi

  • You Raise me up – música: Rolf Lovland | letra: Brendam Graham

solista: Giovana Sartori

  • Somewhere over the rainbow – música: Harold Arlen | letra: E.Y. Harburg

Solista: Giovana Sartori

Piano: Leandro Zen

  • Caruso – Lucio Dalla

Solista: Giovanni Marquezeli

Piano: Leandro Zen

  • Mia Gioconda- Antônio Vicente Filipe Celestino

Solista: Giovanni Marquezeli

  • Noite Feliz – Franz Gruber

Solistas: Giovana Sartori | Giovanni Marquezeli

  • The Sound of Silence – Paul Simon

Solistas: Giovana Sartori | Giovanni Marquezeli

  • Canto de La terra – Andrea Bocelli

Solistas: Giovana Sartori | Giovanni Marquezeli

SERVIÇO:

O quê: Concerto Integração – Especial de Natal

Apresentação: Orquestra Municipal de Carlos Barbosa | Orquestra de Sopros de Veranópolis e Fanfarra Bersaglieri

Solistas: Giovana Sartori – soprano e Giovanni Marquezeli – tenor

Quando: 16 de dezembro de 2018 – domingo

Onde:   Palco da Estação – Centro – Carlos Barbosa – RS

ENTRADA FRANCA

Apoio Cultural: CEC e Prefeitura de Carlos Barbosa | Proarte

Realização: Orquestra Municipal de Carlos Barbosa

* se chover o evento será transferido para a Rua Coberta

PREMIAÇÕES NO SETOR VITIVINÍCOLA EM 2018: Medalhas no exterior crescem 80%

Prêmios saltaram de 168 em 2017 para 302 em 2018, sendo 210 para espumantes e 92 para vinhos

2018 começou bem e termina melhor ainda para o setor vitivinícola brasileiro. Depois de registrar uma excelente safra, com projeção de vinhos e espumantes diferenciados e desempenho já confirmado na 26ª Avaliação Nacional de Vinhos – Safra 2018, a Associação Brasileira de Enologia (ABE) comemora o avanço dos vinhos e espumantes nacionais no ranking de premiações internacionais com a conquista de 302 medalhas somente neste ano, um salto de 80% em relação ao ano passado que registrou 168 distinções.

 JS4-1101

O reconhecimento é internacional e veio de 26 concursos realizados em 13 países (Argentina, Brasil, Canadá, Chile, China, Espanha, França, Grécia, Hungria, Inglaterra, Itália, México e Suíça). Esta é a terceira melhor performance já registrada, ficando atrás apenas de 2014 com 388 e 2016 com 338 distinções. “Este reconhecimento é resultado de muito desenvolvimento e pesquisa. Nós, enólogos, estamos em constante aperfeiçoamento. Este trabalho começa no vinhedo e acompanha todos os processos na vinícola. Estamos fazendo a nossa parte e o resultado está aí para o mundo ver”, destaca o presidente da ABE, enólogo Edegar Scortegagna. A ABE esteve representada com 21 enólogos.

Para 2019, 20 concursos estão no calendário oficial da entidade, para onde deverão ser enviadas amostras. Este trabalho vem sendo realizado sob coordenação da ABE desde 1995. De lá para cá, já foram conquistados 3.943 prêmios.

Maior crescimento foi entre os vinhos tranquilos

Apesar de quase 70% das premiações conquistadas este ano serem para espumantes, o maior crescimento percentual é registrado entre os vinhos tranquilos, que passaram de 45 para 92 medalhas na comparação com o ano passado (105%). Do total, 55 são tintos e 37 brancos. “Isso demonstra que o Brasil vem sendo reconhecido não apenas pela excelência de seus espumantes, mas também pelos seus vinhos”, comemora Scortegagna.

RETROSPECTIVA PREMIAÇÕES – 1995 A 2018

Ano Nº de condecorações
1995 a 2006 1.238
2007 109
2008 265
2009 202
2010 229
2011 146
2012 251
2013 164
2014 388
2015 143
2016 338
2017 168
2018 302
TOTAL 3.943

Fonte: Associação Brasileira de Enologia (ABE)

Foto: Jeferson Soldi

Laura Dalmás é atração do Natal Borbulhante 2018 em Garibaldi

Acompanhada da banda Cabelo Cacheado, a cantora apresenta o show Natal Pop com clássicos natalinos e sucessos dos Beatles, Elton John, John Lennon, Gilberto Gil e Lulu Santos.

A programação do Natal Borbulhante 2018, um dos mais tradicionais eventos natalinos da Serra Gaúcha, terá um grande show da cantora Laura Dalmás e banda Cabelo Cacheado nesta segunda-feira, dia 17 de dezembro. A partir das 21h, eles apresentam o show Natal Pop com um repertório especial de clássicos natalinos e sucessos de grandes nomes da música nacional e internacional, como Lulu Santos e John Lennon. Promovido pelo Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura da Prefeitura Municipal, o espetáculo acontece na Praça Loureiro da Silva. A entrada é franca.

Débora Zandonai 1

Laura Dalmás desponta no cenário musical e vem ganhando projeção nacional. Além de integrar a seleta lista de participantes do The Voice Brasil 2016, participou da série Malhação da Rede Globo e se prepara para lançar seu primeiro EP de músicas inéditas, produzido no Rio de Janeiro por Juliano Cortuah. Acompanhada pela banda Cabelo Cacheado, formada pelos músicos Márcio Staggemeier (baixo), Thomas Werner (guitarra) e Marcos Mangoni (bateria), ela realiza shows em diversas cidades do Rio Grande do Sul e de outros estados do país, apresentando um leque de influências, que mesclam o suingue da música brasileira , a elegância do jazz e a pulsação do rock n’ roll.

Sobre o show

A apresentação começa com “All You Need is Love”, dos Beatles, uma das bandas britânicas mais aclamadas do mundo, e “Tempos Modernos”, grande sucesso do brasileiro Lulu Santos.  Depois, Laura Dalmás e Cabelo Cacheado interpretam “Imagine”, de John Lennon, seguida por uma balada de Elton John. Um medley de clássicos do rock em ritmo de samba, mistura de influências que marcam o repertório do grupo, e canções de sucesso do pop anos 90 prometem animar o público.

Depois, a banda interpreta composições que convidam o público à reflexão: trata-se de “Amanhã” de Guilherme Arantes e “A Paz” de Gilberto Gil, artistas consagrados da música brasileira. “White Christmas”, de Irving Berlin, clássico animado de natal, além de canções pop dançantes finalizam o show em grande estilo.

Sobre o evento
Realizado pelo Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura da Prefeitura Municipal, o Natal Borbulhante 2018 conta com atrações diárias na Praça Loureiro da Silva, de 11 a 20 de dezembro – a programação iniciou no dia 29 de novembro, com o acendimento das luzes e o desfile cênico inclusivo da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). Talentos locais se unem a shows regionais, com destaque para o show da banda Nenhum de Nós, que marca o encerramento do evento no dia 20 de dezembro. O Natal Borbulhante 2018 tem o patrocínio da Caixa, Corsan, Governo do Estado e Tibre, além da Tramontina, Cooperativa Cairú, Metalúrgica Simonaggio e Coopershoes. Já o apoio é de Nutrire, Cooperativa Vinícola Garibaldi, Associação de Pequenas e Médias Empresas (Apeme), Hotel Casacurta, Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SHRBS) de Garibaldi e Associação de Vinicultores de Garibaldi (Aviga).

Laura Dalmás & Cabelo Cacheado no Natal Borbulhante 2018 em Garibaldi

Quando: 17 de dezembro, segunda-feira

Horário: 21h

Onde: Praça Loureiro da Silva

ENTRADA FRANCA

Concerto “Lembra Elis” será apresentado no Natal Borbulhante de Garibaldi

A Orquestra Municipal de Garibaldi reverencia a eterna Elis Regina em seu tradicional concerto de final de ano. Com participação especial de Camila Lopez, a apresentação será no dia 16 de dezembro de 2018, às 20h, na Praça Loureiro da Silva, integrando a programação do Natal Borbulhante 2018 de Garibaldi.

Sob a coordenação do maestro Luiz Carlos Zeni Junior, a Orquestra de Garibaldi dedica-se à música popular brasileira, em especial ao repertório que fez parte da carreira da memorável cantora gaúcha Elis Regina, a eterna Pimentinha. Apresentando composições de Lupicínio Rodrigues, Tom Jobim, Adoniran Barbosa passando também por Belchior e Milton Nascimento, com arranjos especiais para a Big Band.

Orquestra Municipal de Garibaldi - Cr+®ditos Bruna Marchioro (1)

A Orquestra promete levar o público para uma viagem no tempo e na carreira da Elis, trazendo à tona o quê de melhor a música brasileira produziu em termos de arranjo e interpretação e que consagrou a gaúcha como a maior estrela da MPB. O momento único será possível com a participação especial de Camila Lopez, cantora, compositora e uma das mais notáveis intérpretes de Elis Regina do país.

O concerto integra a programação da 21ª edição do Natal Borbulhante de Garibaldi. A Orquestra Municipal de Garibaldi é mantida por meio de convênio com a Prefeitura Municipal de Garibaldi, Secretaria de Turismo e Cultura e Centro Cultural e Artístico (Cecar).

PROGRAMAÇÃO:

Concerto ‘Lembra Elis’ da Orquestra Municipal de Garibaldi com participação Especial de Camila Lopez

Data – 16 de dezembro de 2018, domingo

Horário – 20 horas

Local – Praça Loureiro da Silva – Centro – Garibaldi – RS

Direção Musical Maestro Luiz Carlos Zeni Junior

Entrada franca

Parlamento Regional fecha ano com progresso nas pautas defendidas

Encontros resultaram na elaboração e envio de documentos, Fórum da Cadeia Produtiva da Uva e do Vinho e Painel de Candidatos ao Governo do RS

Nos últimos 12 meses, o Parlamento Regional da Serra Gaúcha deu voz aos anseios da região e trouxe à pauta assuntos de interesse comunitário. Nas reuniões mensais foram debatidos e encaminhados documentos abordando temas como Saúde, Segurança, Infraestrutura de rodovias, cadeia produtiva da uva e do vinho, telefonia, entre outros. Formado pela força de 19 Câmaras Municipais, a principal luta do grupo se concentra em buscar alternativas que resultem em melhorias e progresso para a região.

Como resultado desta gestão, além dos documentos elaborados e entregues a autoridades, o grupo organizou um painel de debates com os candidatos ao Governo do Rio Grande do Sul para o pleito de 2018. No primeiro semestre do ano, os ofícios pautaram problemas de abastecimento e tratamento da água, entregue ao superintendente da Corsan, Felipe Caimi; Outro foi sobre a conclusão da BR-470, no trecho de 40 quilômetros entre André da Rocha a Lagoa Vermelha, entregue a Senadora Ana Amélia Lemos; A Zona Franca do Vinho, também foi defendida pelo parlamento, com a elaboração de uma Carta Aberta, pontuando as principais reivindicações da cadeia produtiva da uva e do vinho explanadas durante o II Fórum de Debate do Setor Vitivinícola, realizado em Monte Belo do Sul. Esse documento foi entregue a representantes de órgãos federais e estaduais.

Já no segundo semestre documentos que pautaram problemas nas rodovias da região, como sinalização, trafegabilidade e consertos de placas e buracos, foram encaminhados ao diretor-geral do Departamento Autonomo de Estradas de Rodagem (Daer), Rogério Uberti; Sobre a saúde, o viés foi a falta de atendimento em traumatologia nos município e a situação financeira dos hospitais que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na região. Os manifestos sobre essas demandas foram encaminhados com embasamento de dados, ao governo federal e estadual; Os problemas com sinais de telefonia móvel e internet no interior dos municípios também foi tema de documentos encaminhados a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), bem como problemas de iluminação, atendimento e troca de postes nas mesmas localidades, para à Rio Grande Energia (RGE).

fotoPRCAMARADEVEREADORES

Mas um assunto que se tornou uma bandeira do Parlamento é a segurança. Diante da relevância do tema, foi encaminhado ao futuro governador do estado, Eduardo Leite, um ofício solicitando a permanência dos mais de 60 Policiais Militares que estão fazendo curso de formação na Serra Gaúcha. O documento pede atenção sobre a possível permanência dos brigadianos na região.

Para o presidente do parlamento, Moisés Scussel Neto, foi um ano muito produtivo. “Alcançamos muitas conquistas, nossos debates engrandeceram a região e os manifestos foram considerados pelas autoridades. O Parlamento Regional existe há apenas dois anos, e nesse último, demonstramos a força e a vontade de todos os presidentes em buscar alternativas para a região da Serra, como um todo. Demonstramos a nossa união e torço para que muitas conquistas sejam comemoradas ainda pelo grupo nos próximos anos”, ressalta.

Em 2018, o Parlamento Regional teve como presidente o vereador Moisés Scussel Neto (presidente da Câmara Municipal de Bento Gonçalves), como vice-presidente, a vereadora Patrícia Camassola Tomé (presidente da Câmara Municipal de São Marcos) e como secretário, o vereador Moisés Nekel (presidente da Câmara Municipal de Garibaldi.

A nova diretoria será empossada na primeira reunião, a ser realizada em 2019.