EMEFE Caminhos do Aprender reestrutura planejamento pedagógico para atender alunos surdos

A Secretaria de Educação por meio do Núcleo de Inclusão e Diversidade (NID) está auxiliando na reestruturação pedagógica, da turma de alunos surdos, na EMEFE Caminhos do Aprender, neste período de pandemia. O NID, em parceria com as professoras das Salas de Recursos Multifuncional, realizou estudos para confecção e trocas de materiais para serem utilizados com os alunos surdos.

Com o objetivo de facilitar a aprendizagem, a diretora Cláudia Pimentel e a professora Amanda Albernaz estão recebendo, uma vez por semana, os alunos da turma de surdos para entrega e orientação das atividades que serão realizadas juntamente as suas famílias.

Estão sendo beneficiados alunos surdos dos segundos e quintos anos do Ensino Fundamental, atendidos pela professora Amanda dos Santos Albernaz. A professora, além da formação necessária, possui seiscentas horas de curso de LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais, que é a linguagem utilizada pela comunidade surda. Amanda destaca que “estamos realizando a adaptação curricular necessária às necessidades individuais de cada aluno, utilizando jogos e materiais diversos, confeccionados aqui na escola. Assim serão minimizadas as dificuldades de realização das atividades no ensino remoto”.

A medida cumpre as regras sanitárias vigentes e o atendimento está sendo uma criança por vez. De acordo com a secretária de Educação, Adriane Zorzi, “pensando na deficiência auditiva e nas dificuldades dessas crianças de participar das aulas remotas, organizamos um cronograma semanal aonde a cada dia um aluno vai até a escola receber das mãos da professora, o material concreto e as orientações de como realiza em suas casas. Com essa atitude, queremos enriquecer a continuidade do processo inclusivo e de aprendizagem destes alunos”.

A diretora Cláudia Pimentel salienta o trabalho pedagógico que está sendo empreendido: “acredito muito na importância deste olhar individualizado, do uso de recursos variados, na qualificação dos profissionais na Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS que é o caso da professora Amanda e por todos que fazem parte (comunidade escolar) para enriquecer e ampliar este processo inclusivo”.

A presidente da Associação dos Surdos de Bento Gonçalves, Daniela Flamia, expressa o seu sentimento: “estamos felizes com esse olhar de inclusão e preocupação. Isso faz a diferença, pois alguns não têm aceso a Internet ou nem possui um aparelho de celular. Essa atitude mostra o comprometimento da escola e do Poder Público”.

“Dessa forma, estamos contribuindo no desenvolvimento e habilidades deste alunos para que eles se sintam cada vez mais pertencentes e respeitados na sociedade, que conquistem o seu espaço, mostrando a sua força e determinação para que sejam inseridos no mercado de trabalho e atividades sociais”, enfatiza Adriane Zorzi.

Assessoria de Comunicação Social

Foto: Divulgação/SMED/EMEFE Caminhos do Aprender

Farmácia Zona Sul aberta ao meio-dia à partir de segunda

Uma das prioridades da Administração Municipal é proporcionar ao cidadão acesso a saúde de forma rápida, eficaz e de qualidade. Com o objetivo de atender a demanda da comunidade facilitando o acesso do paciente ao medicamento, a Secretaria de Saúde ampliou o horário de atendimento da Farmácia Zona Sul, no bairro Botafogo.

A partir da próxima segunda-feira (12), o espaço passa realizar o atendimento das 8h às 17h, sem fechar ao meio dia. “Era uma demanda da comunidade, que tinha que esperar para pegar o medicamento. Reorganizamos nosso fluxo dentro da farmácia e conseguimos ampliar esse horário”, destacou a secretária de Saúde, Tatiane Misturini Fiorio.

 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Biblioteca Pública renova parceira com a UCS para a 36ª Feira do Livro

Nesta quarta-feira, 7 de abril, em reunião virtual, a Secretaria de Cultura, Fundação Casa das Artes e a Universidade de Caxias do Sul renovaram a parceria para a produção da identidade visual da 36ª Feira do Livro. Este é o quinto ano consecutivo que o Curso de Design participa e irá desenvolver o trabalho com o slogan “Novos tempos, novas leituras”.

A professora Aline Fagundes ressalta sobre a colaboração na construção da criação da campanha e da parceria desde 2017: “mutuamente é uma grande oportunidade. A renovação com o principal evento literário de Bento Gonçalves só traz benefícios para a comunidade, os alunos do Curso de Design, a cidade e as entidades. É o universo da Literatura nos instiga e partir do tema que nos é dado, iniciamos as pesquisas de mercado, referências, bibliografia, as tendências, entrevistas com profissionais, para depois termos um conceito e deixar a criatividade florescer”.

O diretor acadêmico do Campus Universitário da Região dos Vinhedos (CARVI), Cícero Zanoni, “é um grande prazer firmarmos essa parceria essa feira de cultura que já é uma tradição de Bento Gonçalves. Em termos acadêmicos, é muito importante estarmos conectados as demandas de solicitação de mercado, fazendo uma leitura daquilo que o cliente precisa e construir a identidade do seu produto. Institucionalmente, é um dos papéis da UCS de contribuir com o crescimento da comunidade, estando perto de seus anseios”.

O secretário de Cultura e presidente da Fundação Casa das Artes, Evandro Soares, expressa seu contemetamento em contar novamente com o Curso de Design da UCS para o evento literário: “o trabalho coordenado pela professora Aline Fagundes junto aos seus acadêmicos trouxe uma identidade particular para cada edição. Esse comprometimento e talento se destaca ainda mais com a missão da Feira do Livro que é de promover, incentivar e valorizar a leitura e o livro”.

Ainda, a reunião teve a participação do professor Givanildo Garlet, diretor da Área do Conhecimento de Artes e Arquitetura e da diretora da Biblitoeca Pública Castro Alves, Paula Gautério Porto.

Abaixo elencamos os temas e lemas das edições que o Curso de Design da UCS criou para a Feira do Livro:

2017, 32° edição
Tema: Literatura Fantástica

2018, 33° edição
Tema: Influência digital para compartilhar a literatura.
Slogan: A literatura conecta.

2019, 34° edição
Tema: O livro como espaço de diversidade sociocultural.
Slogan: O livro em todos os sentidos.

2020, 35° edição
Tema: 80 anos da Biblioteca Pública Castro Alves
Slogan: Uma feira feita de histórias.

Assessoria de Comunicação Social

Campanha de vacinação contra gripe inicia segunda-feira em Bento

Além da Covid-19, as ações de imunização para outras infecções continuam em Bento Gonçalves. Na próxima segunda-feira (12), começa a 23ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que segue até 09 de julho. O público-alvo na primeira etapa é estimado em 14 mil pessoas, e a meta da Secretaria da Saúde é vacinar pelo menos 90% dos grupos prioritários.

A campanha de vacinação contra a gripe vai coincidir com a imunização contra a Covid-19. O Ministério da Saúde não recomenda a aplicação das duas vacinas simultaneamente. “A organização da Campanha da gripe foi realizada, justamente, para não termos essa coincidência na realização das duas imunizações. A equipe da secretaria está organizada para na próxima segunda-feira receber a população para imunização, estaremos com todos cuidados e protocolos para prevenção ao coronavírus”,destaca a secretária de Saúde, Tatiane Misturini Fiorio.

Os grupos prioritários serão distribuídos em três etapas, de forma escalonada. Nesta primeira fase, que segue até 10 de maio, a vacina será oferecida para crianças de 6 meses a 05 anos 11 meses e 29 dias, Gestantes e puérperas e Povos indígenas. Posteriormente ainda nesta etapa serão imunizados os profissionais da saúde. A imunização será realizada no Centro de Referência Materno Infantil, Unidade Central e Unidade Básica de Saúde São Roque.

É necessário apresentar a carteira de vacinação.

 

Cronograma de vacinação contra gripe:

1ª etapa – de 12 de abril a 10 de maio: crianças, gestantes, puérperas e povos indígenas. Posteriormente serão imunizados os trabalhadores da saúde

2ª etapa – de 11 de maio a 8 de junho: idosos e professores

3ª etapa – de 9 de junho a 9 de julho: demais grupos prioritários estabelecidos pelo Ministério da Saúde

 

Onde vacinar:

UBS Central
Rua José Mário Mônaco, 131
Atendimento: segunda a sexta das 7h30 às 11h30 | 13h30 às 17h30

 

Centro de Referência Materno Infantil – CRMI
Rua Dr. Casagrande, 228

Atendimento: 7h30 às 11h30 | 13h30 às 17h30

 

UBS São Roque
Rua Arlindo Franklin Barbosa, 251
Atendimento: segunda a sexta das 7h30 às 11h30 | 13h30 às 17h30

 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Paróquia Santo Antônio de Bento dá início ao cronograma de visitas do Padroeiro às Comunidades

Programação prevê a realização de Missas nas igrejas ou salões de cada localidade, respeitando os protocolos sanitários

A Paróquia Santo Antônio, de Bento Gonçalves, dará início, neste final de semana, 10 e 11 de abril, ao cronograma de visitas do Padroeiro e da comissão dos festeiros às Comunidades, em preparação à 143ª edição dos festejos. A programação prevê a realização das Missas, conforme organização paroquial, nas igrejas ou salões das localidades e bairros atendidos pela paróquia.

O primeiro compromisso será no sábado, dia 10, às 16h30min, na comunidade Sagrado Coração de Jesus, do bairro Paim e, às 19h30min, no salão da comunidade Nossa Senhora do Carmo, no Borgo. Para o domingo, 11 de abril, estão programadas visitas às 09h na igreja Jesus Bom Pastor, no Cruzeiro, e às 10h30min na localidade de São Miguel, nos Caminhos de Pedra.

Todas as equipes foram orientadas, de acordo com os protocolos sanitários e será obrigatório o uso de máscara, a higienização das mãos, além do distanciamento obrigatório entre as pessoas, para não haver aglomeração. O calendário de visitas completo será divulgado posteriormente, tendo em vista a possibilidade de mudanças nas normativas e decretos.

A 143ª Festa de Santo Antônio tem seu lema inspirado no capítulo 6, versículo 8, do livro bíblico do Profeta Isaías: “Senhor, com Santo Antônio, eis-me aqui, envia-me”. Toda a programação está sendo pensada para possibilitar aos devotos do Padroeiro de Bento Gonçalves momentos de oração e fé, com a segurança e proteção necessárias para este tempo de pandemia.

Patrocinadores Máster: Auto Tradição, Super Apolo, Omega Virato, Anderle Transportes, Piva Comércio e Indústria, Sicredi Serrana, Todeschini, Arcari Empreendimentos, Loja D’art, Sonomais Colchões e Colégio Scalabriniano Medianeira.

Patrocinadores Sênior: Braido Materiais Elétricos, FVA Material de Borracharia, Vie Image, Don Raffaelo, Caitá Supermercados, Lojas Pittol, Forma Comercial, Mecânica Burati, Motolife, Multimóveis, Transambiental, Tedesco Metalúrgica, Transportes Rasador, Cainelli Gás, Genialflex, Giordani Turismo, Ponto Ótico, Real Assessoria Empresarial, Reypel Comércio, Vinhedos Transportes, Dolce Gusto, Mérica Transportes, Cinex Móveis, Construbene, Gebbework, Zen  Caminhões, Vitaseg, Dumar Transportes, Gráfica Bento, New Color, Zegla Indústria, Casamia, Colégio Sagrado e Colégio Marista Aparecida.

A equipe de festeiros é composta pelos casais: Antenor e Márcia Ferrari, Francisco e Ivani Acosta, Guilherme e Adriana Garavaglia, José e Juliane Carraro, Marcos Fracalossi e Raquel Rossatto e Ronaldo e Flávia Ancezki. Os festeiros jovens desta edição são Pedro Zanotto e Caroline Zen Cainelli, Luana Carraro, Luana Robetti, Tiago Antônio Zílio e Vinícius Rosalen.

Venda de vinhos 2021: Ânimo em fevereiro

Vinhos finos seguem arrematando melhores resultados percentuais de crescimento

Depois de um janeiro um tanto amargo, as vendas de vinhos finos, espumantes e suco de uva fecharam fevereiro com um paladar mais estimulante. Em todas as categorias o desempenho foi positivo se comparado ao mês anterior, com destaque para os vinhos finos que tiveram um aumento de 47,81%, seguido pelos espumantes moscatéis com 45,64% e pelos espumantes brut com 32,89%. O suco de uva foi o que menos cresceu alcançando 8,22%. Nos 28 dias do mês, foram comercializados 538 mil litros de vinhos finos e espumantes a mais que o mês anterior, chegando a 1,8 milhão. Estes são os dados oficiais da União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra), com base no Sistema de Cadastro Vinícola da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul.

Se comparado ao mesmo período do ano passado os vinhos finos cresceram, porém menos, com um incremento de 15,41%. No caso dos moscatéis o acréscimo foi de 25,93%. Entretanto, os espumantes brut ficaram 3,74% abaixo das vendas em relação a fevereiro de 2020 e o suco de uva ficou 6,37% aquém no mesmo comparativo. “O brasileiro começou 2021 mais retraído, comportamento que pode estar relacionado às incertezas geradas diante do agravamento da pandemia. Mesmo assim, vimos um fevereiro animador com o aquecimento nas vendas. Acreditamos que com uma safra maior em 2021 os estoques sejam abastecidos, podendo atender ao mercado que percebeu a qualidade da produção nacional, além da excelente relação custo benefício”, destaca o presidente da União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra), Deunir Argenta.

Argenta aposta na aceleração das vendas diante da ampliação de canais, da melhor distribuição, do preço justo, além do próprio lançamento de produtos das vinícolas. As restrições diante da Covid-19 têm impedido que o enoturismo cresça. Diante disso, a aposta no e-commerce e em ferramentas práticas como o próprio WhatsApp tem facilitado a venda com entrega em qualquer parte do país. O cenário em relação as exportações também é favorável, mostrando que nos dois primeiros meses de 2021, 641.435 litros saíram do Brasil, representando 77,28% a mais que no mesmo período do ano passado quando foram exportados 361.813 litros.

Comercialização de vinhos finos, espumantes e suco de uva elaborados no Rio Grande do Sul – Mercado Interno (litros)

PRODUTOS FEVEREIRO 2020 JANEIRO 2021 FEVEREIRO 2021
Vinhos Finos 809.836,84 632.307 934.606
Espumantes (Brut) 515.055 373.096 495.796
Espumantes (Moscatéis) 276.191 238.807 347.794
Suco de Uva * 13.006.011 11.252.542 12.177.672

* Suco de Uva (Natural/Integral, Reprocessado/Reconstituído, Adoçado e Concentrado)

Fonte: SISDEVIN/SEAPDR | Elaboração: Uvibra – Dados coletados em 19 de março de 2021.

Mercados não poderão abrir nos feriados sem acordo seletivo

O Sindicato dos Empregados no Comércio de Bento Gonçalves (SEC-BG) e o Sindicato Intermunicipal do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios (Sindigêneros-RS) assinaram a Convenção Coletiva de Trabalho 2020/2022. Entre as principais cláusulas do documento está a proibição de utilização de mão de obra empregada em feriados, exceto quando houver acordos individuais entre as empresas e o sindicato dos empregados, com a ciência do sindicato patronal.

Conforme a presidente do SEC-BG, Orildes Lottici, “a CCT de gêneros alimentícios traz um grande avanço para as relações de trabalho no setor. É um exemplo da importante participação dos sindicatos, tanto laboral, quanto patronal, nas verdadeiras questões que envolvem o dia a dia de funcionários e de empresas”.

O documento é válido até 28 de fevereiro de 2022 e estipula as condições de trabalho em minimercados, supermercados, fruteiras e atacarejos, nas cidades de Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Garibaldi, Nova Araçá, Nova Bassano, Nova Prata, Paraí e Veranópolis.

 

Reajustes salariais

Os salários de 2021 tiveram um reajuste de 6,22%, válido a partir de 1º de março deste ano. Já os salários referentes ao ano de 2020 foram reajustados em 3,92%. IMPORTANTE: as empresas que tiverem diferenças salariais do período passado deverão fazer a quitação em até 4 parcelas, devendo a primeira parcela ser paga juntamente com a folha de pagamento do mês de abril de 2021.

O SEC-BG recomenda que empresas e escritórios contábeis tenham conhecimento da Convenção na sua integralidade. O documento poder ser acessado também no site www.secbg.org.br. Mais informações pelo fone 3452-2535 ou WhatsApp 99633-2535.

Aviso: Sesc Bento Gonçalves atende em novo local a partir de abril

Unidade atual passará por obras de melhorias

O Sesc Bento Gonçalves atende em novo endereço a partir da próxima semana. A abertura do novo local de atendimento, que fica na Rua Barão do Rio Branco, 395 – Centro, está prevista para o dia 15 de abril. O espaço atual, localizado na Rua Cândido Costa, 88, está fechado desde o dia 02 de abril, apenas com plantão do Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) e consultas odontológicas. A mudança acontece para realização de obras de melhoria no espaço. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (54) 3452-6103, pelo WhatsApp (54) 97400-5156 ou pelo Facebook www.facebook.com/sescbentogoncalves.

As obras de readequação devem levar dois anos para conclusão. Durante este período, o Sesc Bento Gonçalves transferirá todos os seus serviços como SAC, Odontologia, Academia e Pilates, além dos atendimentos em turismo, esporte, recreação, cultura e educação para o novo endereço. Lembrando que, neste momento, os serviços operam de acordo com as liberações dos decretos estaduais e municipais, sempre seguindo as recomendações de cuidados com a saúde e os protocolos de segurança contra Covid-19.

Durante todo o ano de 2020, mesmo em meio à pandemia, o Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac esteve como sempre bem próximo à comunidade gaúcha. Seguindo as recomendações das autoridades e mantendo os cuidados com a saúde de todos, os serviços continuaram sendo entregues e fizeram diferença na vida das pessoas. Para 2021, a entidade deseja que os gaúchos vistam seus melhores sorrisos e tenham esperança no novo ciclo. O portal www.pertodevc.com.br segue com programação on-line e gratuita em variadas áreas como: empreendedorismo, educação, esporte, saúde, cultura, lazer e ação social.

Iom HaShoá: Em memória às vítimas do Holocausto, FIRS realiza evento online

Atividade acontece neste domingo, 11 de abril, com a presença virtual de um dos maiores especialistas do mundo sobre o assunto, o professor Dan Michman.

O Iom HaShoá é uma das principais datas do calendário judaico, que presta uma homenagem às vítimas do Holocausto. Em lembrança à data, a FIRS – Federação Israelita do RS promoverá um evento online neste domingo, 11 de abril, às 16h, com Dan Michman, chefe do Instituto Internacional de Pesquisa do Holocausto no Yad VaShem (Jerusalém) e professor emérito de História Judaica Moderna na Universidade Bar Ilan. O evento virtual será transmitido através do Facebook (facebook.com/oficialfirs) e YouTube da entidade (youtube.com/c/firsvideos).

O genocídio que matou mais de 6 milhões de judeus, além de outras minorias, como negros e ciganos, foi um dos maiores crimes contra a humanidade, ocorrido durante a Segunda Guerra Mundial. De acordo com o presidente da FIRS, Sebastian Watenberg, hoje, se faz necessária toda ação de reflexão sobre a data, um dos objetivos do evento. “É crucial que toda a comunidade demonstre seu tributo às vítimas deste período nefasto e reflita sobre a assustadora dimensão do que ocorreu. Mais de um terço dos judeus do mundo foi assassinado no Holocausto e isso deve ser lembrado. O professor Dan Michman, como um especialista, certamente trará uma importante conversa sobre o assunto”, pondera o presidente.

O Destino Não Existe

Por Rogério Gava

 

Um saudoso professor dos tempos de segundo grau (eu sei, hoje é ensino médio, mas sou jurássico incorrigível) dizia: “o destino é dos trouxas!”. Queria ele ensinar que a vida é o que cada um, ao final, faz dela, e que culpar as circunstâncias é o eterno argumento dos fracos de vontade. Hoje, compreendo que ele tinha razão. Viver é construir a própria rota, sem mapa ou bússola, chamando para nós a responsabilidade pelas consequências de nossos atos e decisões.

Passamos a existência fazendo escolhas. Do berço ao túmulo. Umas maiores e outras menores, mas, com certeza, todas importantes. No campo pessoal e profissional. E a gravidade de nossas opções reside também no seguinte fato: elas podem realinhar nossa trajetória a partir de nossa origem. Ou nos jogar em um eterno e condescendente “a vida fez assim”.

Se somos determinados pelo nosso nascimento, pelo contexto em que aparecemos no mundo (família, posição social, nacionalidade, gênero, dinheiro no bolso – ou não – e tudo o mais), esse ponto de partida não é uma determinação. Se há sempre uma posição na largada, da qual ninguém escapa, é verdade também que podemos escolher a partir do que nos é dado. Mora aí, em meu ver, a essência da liberdade humana: construir a própria história a partir do bom e do ruim que nos foi legado.

Claro, fazer escolhas não é nada fácil, mas quem disse que viver é simples? Ao mesmo tempo (e aí eu concordo com os livros de autoajuda), nossa vida depende, em grande parte, somente de nós. Somos os únicos timoneiros de nossas alegrias e sofrimentos. As decisões que tomamos são sempre um “sim” para algo e outros tantos “nãos” para outros. Querer fugir disso é autoengano.

E, se escolher não é trivial, penso que algo nos ajuda nessa empreitada. Em frente às escolhas, devemos ter em mente o principal: nossa essência, nossos valores, tudo aquilo que representa o que de mais sagrado temos na vida. Quando somos fiéis ao nosso íntimo, ensinou Shakespeare, jamais seremos falsos a ninguém. Muito menos a nós mesmos. E aí, a probabilidade de acertarmos aumenta.

A verdade então é que haverá sempre abertura para escolher. Viemos ao mundo com um naipe de cartas à mão. Alguns piores, outros melhores, é fato. Mas como iremos jogar depende de cada um de nós. Viver é dominar a fina arte desse jogo. Uma competência essencial para a nossa própria felicidade. A filosofia e a religião têm um nome para essa faculdade: ela se chama “livre-arbítrio”. Não somos marionetes atados a um destino legado pelos deuses. Temos o inalienável poder de decidir.

Termino com Montaigne, esse mestre gigantesco, que disse tudo a esse respeito: “pois o destino apenas suscita o incidente; a nós é que cabe determinar a qualidade de seus efeitos”. Eu acrescentaria, de bom grado, que o destino não existe; ele é, como dizia o velho professor, pura ilusão a ludibriar os néscios. E que cada um de nós, todos os dias, é quem constrói e dá sentido à própria caminhada.