Posts

Sidi “Loco” recebe presentes na redação do Integração da Serra

Na tarde desta segunda-feira (9) Sidi “Loco” acompanhado de sua mãe, dona Ivani, estiveram na redação do Jornal Integração da Serra receber alguns presentes doados por uma das leitoras do jornal, Ketlin Cobalchini. Sidi, que é conhecido e muito querido na sociedade bento-gonçalvense ganhou peças de roupas e um par de sapato.
Campanha do Integração da Serra
Em outubro o Integração da Serra fez uma campanha com o intuito de ajudar Sidi e sua mãe. Na época ele precisava de pares de calçados. Milhares de pessoas rapidamente interagiram com a página do Integração no Instagram e também no Facebook e rapidamente começaram a enviar mensagens querendo contribuir com doações.

História de vida

É possível afirmar que Sidi é um vencedor, um sobrevivente. Ele não sabe ler, nem escrever. Também não sabe olhar as horas e contar dinheiro. Segundo a mãe, até os 15 anos Sidi tinha convulsões, causadas por disritmia cerebral de sequelas do parto, ocorrido em 18 de outubro de 1976, no Hospital Santa Terezinha, de Erechim.

 

“Ele pesava quatro quilos e foi retirado a fórceps. Ficou 24 dias entre a vida e a morte no hospital em Erechim, mais 17 em outro hospital, em Passo Fundo. No décimo quinto dia teve sua primeira convulsão”. Na ocasião, Dona Ivani foi avisada pelos médicos que ele sobreviveria, mas teria sequelas. A família se mudou para Bento Gonçalves em busca de oportunidade de emprego quando Sidi tinha sete meses. Ele entrou na Escola Municipal de 1º e 2º Graus Alfredo Aveline com oito anos, em 1984, mas ficou por menos de quatro meses, quando foi transferido para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), que frequentou por nove anos. Através da APAE, foi trabalhar numa mecânica e no Corpo de Bombeiros, mas não deu certo porque, segundo Dona Ivani, ele mexia em tudo, não parava quieto.

Sidi 2

Sidi 3

Meber Metais destina doações coletadas na Campanha do Agasalho 2018

A proposta já é habitual nesta época do ano: incentivar as pessoas a vasculharem armários e gavetas em busca de malhas, casacos e jaquetas que já não estão mais em uso e repassá-los a quem precisa deles para espantar o frio. Mas nem por ser uma atividade tradicional, que se repete ano após ano, a ‘Campanha do Agasalho’ deixa de ser um importante – e necessário – exercício de solidariedade e cidadania.

 Estimulando seus colaboradores a formar uma corrente beneficente, a Meber Metais promoveu a ação social também neste ano e compartilhou com a comunidade o resultado do engajamento de sua equipe. No início do mês, a empresa entregou as doações arrecadadas durante sua Campanha do Agasalho ao Gabinete da Primeira-Dama da Prefeitura de Bento Gonçalves.

Meber Metais destina doações coletadas na Campanha do Agasalho 2018 - Crédito Divulgação Meber

Cerca de três caixas com peças de roupas foram repassadas diretamente a famílias do bairro Tancredo Neves, no mesmo dia do recolhimento (03 de julho). Outras ficaram sob os cuidados do coordenador do bairro para posterior doação aos demais beneficiados – demonstrando como a solidariedade é capaz de aquecer não só o corpo, mas acalentar os corações. “É gratificante e nos estimula saber que podemos contar com pessoas tão engajadas em causas comunitárias e dispostas a oferecer seu apoio, dedicando-se em prol de um objetivo maior. Orgulha-nos perceber que através da comunhão de esforços conseguimos tornar realidade um dos valores mais fortes: a cidadania com solidariedade. A valorosa contribuição da empresa ajudou a fazer desta campanha um sucesso”, diz Cynthia Beatriz Gomes Costa Pasin, do Gabinete da Primeira Dama.

A Meber Metais conta com mais de 150 colaboradores diretos que contribuíram para a efetivação a ação solidária. Mais informações sobre a atuação da empresa podem ser obtidas pelo site www.meber.com.br.

Parceiros Voluntários tem agenda solidária em escolas e entidades do município

ONG apoiou, durante o mês, atividades em instituições de ensino e no Lar do Ancião

No mês de junho, diversas ações articuladas pela Parceiros Voluntários de Bento Gonçalves ocorreram em instituições de ensino e entidades do município, com o apoio de empresas e profissionais engajados na causa.

Nas escolas bento-gonçalvenses, as atividades seguiram a agenda do programa ‘Tribos nas Trilhas da Cidadania’ – projeto desenvolvido por jovens e crianças que busca estimular e desenvolver a cultura do voluntariado.Os resultados da iniciativa aparecem em promoções como a realizada na Escola Municipal Ensino Fundamental Professor Felix Faccenda: em comemoração ao Dia do Meio Ambiente (lembrado em cinco de junho), os alunos das turmas de 3º ano distribuíram um informativo sobre os cuidados com a água – confeccionado com papel reciclado artesanal e produzido pelos próprios estudantes da educação infantil. Também houve o lançamento do projeto ‘Mão Amiga – Abrace Uma Causa’, que visa a arrecadar tampinhas plásticas, posteriormente doadas a entidades assistenciais. A meta é que as organizações utilizem os recursos para a aquisição de materiais necessários ao tratamento de seus pacientes.

Ação na Escola Felix Faccenda 1

Outro exemplo de engajamento social – esse envolvendo o setor privado – foi a ação realizada no Lar do Ancião, na quarta-feira,27. Por meio do programa ‘Voluntário Pessoa Jurídica’, massagistas do salão Jane Beauty proporcionaram momentos de descontração e relaxamento à, aproximadamente, 15 moradores da casa de repouso. “O resultado foi excelente. A experiência foi de muita valia para ambas as partes: os idosos relataram a satisfação por receber o serviço e os profissionais aprenderam com toda a vivência deles”, comenta a fisioterapeuta do Lar do Ancião, Thais Dendena. Foi a primeira vez desse tipo de iniciativa na entidade.

 Ação na Escola Felix Faccenda 2

Doações ao Lar do Ancião

O Lar do Ancião é uma organização que existe desde 1981 em Bento Gonçalves. São cerca de 60 idosos residentes no local. O lar oferece serviços como assistência social, enfermagem, fisioterapia e atendimento psicológico com uma equipe de mais de 30 funcionários. Para a manutenção das facilidades, o apoio da comunidade é fundamental. As maiores necessidades são doações em dinheiro, produtos de limpeza, de higiene, fraldas geriátricas e itens de alimentação em geral. Para saber como contribuir com a entidade, é possível acessar o sitewww.lardoanciaogb.com.br.

O que é a Parceiros Voluntários

A Parceiros Voluntários é uma ONG implantada no município há quase 20 anos. Mantida pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC-BG), atua em uma campanha permanente para incentivar o trabalho voluntário e inspirar novas parcerias. Os interessados em participar – sejam pessoas físicas ou jurídicas – podem escolher ações que estiverem relacionadas as suas habilidades e que, ao mesmo tempo, proporcionam bem-estar. No caso das empresas, a Parceiros Voluntários tem um programa que auxilia no planejamento e execução de ações sociais em benefício da comunidade com a participação direta dos seus colaboradores. As ações variam conforme o interesse de cada instituição: voluntariado individual, reforma de espaços, bingo com idosos, piquenique com crianças, captação de materiais para entidades e caminhadas por causas sociais são alguns dos exemplos. Mais informações podem ser obtidas pelo (54) 2105-1999.

Crédito das fotos: divulgação Parceiros Voluntários

Cooperativa Vinícola Garibaldi realiza ação solidária na comunidade

Atividade em parceria com a Cooperativa Cairú integra a programação do Dia C

Engajada na programação nacional do Dia C – série de ações voluntárias capitaneadas pelas cooperativas de todo o país na busca por um mundo mais justo e igualitário –, a Cooperativa Vinícola Garibaldi compartilhou seu compromisso social com a participação em diversas atividades no município. Uma delas presentou duas escolas do bairro Fenachamp com momentos especiais de valorização e integração. Cerca de 230 crianças das escolas Municipal Valentin Tramontina e Estadual Santa Mônica curtiram um lanche diferenciado, com Suco de Uva Garibaldi e sanduíches – e também puderam se divertir com brinquedos infláveis. A ação ocorreu nos dias 19 e 20, respectivamente, e foi realizada de forma combinada entre as Cooperativa Vinícola Garibaldi e Cooperativa Cairú.

Crianças da escola Valentin Tramontina curtiram um lanche diferenciado, com Suco de Uva Garibaldi e sanduíches - Crédito Divulgação Cooperativa Garibaldi

Externando sua postura ativa no que tange à responsabilidade social, a participação na agenda de atividades temáticas revela, também, o propósito da Cooperativa de contribuir ativamente com a comunidade. “Entendemos e procuramos desempenhar nosso papel no processo de transformação por meio do engajamento. Essa série de ações é uma forma carinhosa e espontânea de estarmos mais presentes e atuantes no município que tão bem nos acolhe”, comenta o presidente da Cooperativa, Oscar Ló.

Escola Santa Mônica também foi contemplada na programação do Dia C - crédito Cooperativa Garibaldi

A ação nas escolas soma-se a outras que ocorreram – no dia 11 de junho, mais de 30 alunos da FTEC Bento Gonçalves estiveram na Cooperativa Garibaldi participando de uma palestra sobre gestão cooperativa, quando também houve recolhimento de alimentos. A arrecadação desses donativos segue com ponto de coleta na cooperativa, acompanhando a programação que se estende até o dia 30 de junho, quando está prevista a doação de sangue numa iniciativa em parceria com o Leo Clube.

Fotos: Divulgação Cooperativa Vinícola Garibaldi

Diocese de Caxias inicia projeto Hospedagem solidária

A partir da noite da última segunda-feira, 11 junho, a Diocese de Caxias do Sul vem realizando o projeto de acolhida aos moradores de rua, chamado “Hospedagem solidária”.

As pessoas serão acolhidas no final do dia, em um espaço junto à Paróquia São Leonardo Murialdo, para a janta e banho. De manhã, antes de retornarem às ruas, receberão café da manhã.

 O projeto terá duração no período de inverno, podendo perdurar até o final de setembro. Eles serão acolhidos em todos os dias da semana, inclusive aos sábados e domingos. O espaço pode receber até 50 pessoas.
592a7cea-c19c-48ac-b1f1-1b2b230e1584

As paróquias envolvidas diretamente no projeto são da região central de Caxias do Sul: Paróquia São Leonardo Murialdo, Catedral, Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, Paróquia Santa Catarina, Paróquia São Pelegrino, além de contar com a participação de voluntários de Movimentos da Igreja Católica. A Fundação de Assistência Social (FAS) e a Guarda Municipal dão apoio ao projeto.

Para mais informações contatar com padre Eleandro Teles – Paróquia Nossa Senhora de Lourdes – 3222.1636

Doações da Campanha do Agasalho 2018 são entregues à comunidade

Iniciativa do Sicoob, em conjunto com a Parceiros Voluntários, destinou peças arrecadas para a escola Professor Félix Faccenda e a Ação Social São Roque

 Campanha Agasalho (2)

Os termômetros já registram as temperaturas baixas típicas de inverno, mas o calor da solidariedade é cada vez maior em Bento Gonçalves. A Campanha do Agasalho 2018 promovida pelo Sicoob Vale do Vinho, em conjunto com a Parceiros Voluntários de Bento Gonçalves, realizou na semana do dia 04 de junho a entrega das doações arrecadadas desde o dia 30 de abril.

As peças de roupas, agasalhos, cobertores e calçados foram entregues na Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Félix Faccenda, no bairro Municipal, e na Ação Social São Roque. Todas as doações passaram por uma triagem e foram encaminhas para essas comunidades carentes que, muitas vezes, dependem do voluntariado para a manutenção de algumas atividades. “Esse tipo de iniciativa é muito importante. As roupas vieram todas em ótimo estado, bem separadas, tanto para o inverno quanto para o verão. Elas são distribuídas para toda a comunidade carente do município”, conta Maria Rodrigues, funcionária da Ação Social.

 Campanha Agasalho (1)

A Ação Social São Roque

A Ação Social São Roque oferece diversos benefícios e atividades aos necessitados – refeições, roupas, calçados, móveis e utensílios usados, apoio emocional e espiritual, oficinas de artesanato, pintura em tecido, tricô e crochê, corte e costura, tapeçaria, dentre outras. Com sede própria desde 1986, a entidade acolhe, ainda, reuniões dos Alcoólicos Anônimos e reforço escolar, para netos das participantes do projeto. Presidida por Vânia Mendes, é mantida através do voluntariado e da venda de produtos produzidos na própria instituição. Existem diversas maneiras de ajudar a manter o projeto: doação de donativos dos mais variados tipos, contribuição financeira mensal ou até mesmo desprender parte do tempo para auxiliar em serviços de manutenção do local. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (54) 3454-3097.

Solidariedade perene

A entrega das doações arrecadadas não é motivo para que a corrente solidária se desfaça. A Parceiros Voluntários segue recebendo donativos para continuar abastecendo a comunidade carente. Os interessados em colaborar podem levar sua contribuição até a sede do CIC-BG. Outras informações pelo fone (54) 2105-1999, com a Parceiros Voluntários.

Crédito das imagens: Divulgação Parceiros Voluntários

Ação solidária proporciona momentos de reflexão na AAPECAN

Iniciativa da Parceiros Voluntários, com o apoio dos projetos Encanto mulher e COMpaixão, promoveu bate-papo com mulheres acometidas pelo câncer. Brindes foram distribuídos ao grupo

Momentos de acolhida e reflexão fazem a diferença na rotina de pessoas que passam por dificuldades na vida, especialmente por causa de doenças, como o câncer. Com esse intuito, a Parceiros Voluntários promoveu uma ação na AAPECAN – Associação de Apoio a Pessoas com Câncer, no último 25 de maio. A iniciativa teve realização do Projeto COMpaixão, coordenado pelo Instituto Federal do Rio Grande do Sul de Bento Gonçalves, e do projeto Encanto Mulher, da voluntária Michele Zanella. A ação foi em homenagem ao Dia das Mães, comemorado em maio.

Um grupo de quase 20 pessoas teve a oportunidade de acompanhar a conversa com Michele, que abordou a importância da autoestima, principalmente para as mulheres com algum tipo de câncer. “Nós temos que nos amar do jeito que somos. Olhar no espelho pela manhã e gostar do que está lá, de frente para nós. E isso é importante para mostrar a força que a mulher tem na sociedade”, considera.

_DSC0051

Além do bate-papo, alunas do 1º ano do ensino médio do IFRS embalaram a tarde com músicas ao longo da atividade. Em paralelo, foram distribuídos batons, oferecidos pela Parceiros e pelo Encanto Mulher, e plantinhas, do tipo suculentas, produzidas pelos alunos participantes do projeto COMpaixão. A iniciativa também ofertou pulseiras de pérolas, feita pelas alunas do IFRS, e sachês perfumados confeccionados pela voluntária Lenir Nunes de Freitas.

A psicóloga da AAPECAN, Scheila Romagna, confirma a relevância desse tipo de ação para as mulheres que passam por situações complicadas na vida. “Nós vemos o brilho no olhar de cada uma delas. Uma palavra acolhedora e incentivadora pode fazer toda a diferença no dia a dia, por mais simples que seja”, comenta.

_DSC0036

Sobre a AAPECAN

A Associação de Apoio a Pessoas com Câncer de Bento Gonçalves nasceu em março de 2006. A entidade oferece oficinas, palestras e grupos de apoio para a comunidade no geral, mas com foco em pessoas que possuem algum tipo de câncer. Também são ofertados medicamentos, cestas básicas e outros mantimentos para quem necessita. Para isso, é necessário estar cadastrado na associação com a comprovação de documento. Para realizar o cadastro na AAPECAN, é necessário agendar horário com a assistente social da entidade, portando a documentação necessária. Mais informações, sobre o cadastro e também sobre como doar, podem ser obtidas pelo fone (54) 3055-9400.

Sobre o voluntariado

O projeto COMpaixão existe desde 2016 e realiza diversas ações ao longo do ano. A iniciativa agrega alunos de todos os cursos do Campus do Instituto Federal de Bento Gonçalves. Para mais informações, é possível entrar em contato com a Coordenadoria de Apoio ao Educando do IFRS pelo fone 3455-3200 ou pela página do projeto no Facebook. Já o projeto Encanto Mulher existe desde 2017, a partir de uma iniciativa própria de Michele Zanella.

LEIA TAMBÉM: Junho Vermelho começa em todo Brasil

A Parceiros Voluntários, no município mantida pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves, oferece modalidades de participação para pessoas físicas ou jurídicas – que podem escolher ações relacionadas às suas habilidades e que, ao mesmo tempo, proporcionam bem-estar. As ações variam conforme o interesse de cada instituição ou indivíduo: voluntariado individual, reforma de espaços, bingo com idosos, piquenique com crianças, captação de materiais para entidades e caminhadas por causas sociais são alguns dos exemplos. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (54) 2105-1999.

Crédito das imagens: Exata Comunicação

Alunos do IFRS promovem ação solidária na APAE

Projeto COMpaixão, em conjunto com a Parceiros Voluntários, levou a primeira turma de agronomia do Instituto até a associação para cultivar a horta do local

O projeto COMpaixão, coordenado pelo Instituto Federal do Rio Grande do Sul de Bento Gonçalves, propõe aos alunos da instituição um olhar voluntário frente às necessidades de entidades do terceiro setor do município. Com o apoio e intermédio da Parceiros Voluntários, o projeto COMpaixão realizou a limpeza e o plantio de diversas variedades de frutas e legumes na horta e no jardim da APAE de Bento no dia 02 de maio. A ação contou com a presença da primeira turma do curso de agronomia do IFRS.

Alunos do IFRS promovem ação solidária na APAE (2)

Os estudantes, de 18 a 20 anos, tiveram a oportunidade de exercer o trabalho voluntário, por meio do projeto, e, ainda, aliar a atividade com a prática do curso, pelo projeto Horta do Bem. A partir dessa iniciativa, os alunos realizaram a análise do solo e aplicaram seus conhecimentos sob o acompanhamento dos professores.

Alunos do IFRS promovem ação solidária na APAE (1)

A coordenadora do projeto COMpaixão, Kelen Rigo, conta que a ideia surgiu da necessidade de promover a ida dos alunos às entidades e aliar o voluntariado à prática dos cursos. “Todos os alunos são convidados a participar da iniciativa. No caso da ação na APAE, os alunos de agronomia se dispuseram a ajudar e, com isso, puderam ser orientados pelos professores, agregando mais conhecimento, já que estão diretamente na área”, aponta.

Apesar de toda a turma se envolver nessa ação inicial, a manutenção do espaço fica a cargo do bolsista Giovane Augusto Fensterseifer. “A consciência solidária deveria estar mais presente nas pessoas. Acredito que esse ato, de ir até as entidades para ajudar no que está ao nosso alcance, contribui para uma sociedade melhor”, comenta.

Colaboração é essencial

Além do apoio da Parceiros Voluntários, que apresenta as demandas das entidades às instituições do município por meio do programa Voluntário Pessoa Jurídica, a ação na APAE contou também com a colaboração de empresas: a Tramontina doou as ferramentas utilizadas na atividade e a Sakata, empresa de São Paulo, forneceu as sementes.

Para a diretora da APAE, Bernardete Carraro Bertuol, essa iniciativa agrega um valor enorme para a associação. “Além de proporcionar um visual mais agradável para os alunos e para o público que passa em frente a entidade, a horta faz com que tenhamos produtos próprios e ecológicos. Por isso que ficamos muito felizes quando esse tipo de iniciativa chega até nós”, declara.

Sobre o voluntariado

O projeto COMpaixão existe desde 2016 e realiza diversas ações ao longo do ano. A iniciativa agrega alunos de todos os cursos do Campus do Instituto Federal de Bento Gonçalves. Para mais informações, é possível entrar em contato com a Coordenadoria de Apoio ao Educando do IFRS pelo fone 3455-3200 ou pela página do projeto no Facebook.

A Parceiros Voluntários é uma ONG implantada no município há quase 18 anos. Os interessados em participar – sejam pessoas físicas ou jurídicas – podem escolher ações que estiverem relacionadas às suas habilidades e que, ao mesmo tempo, proporcionam bem-estar. As ações variam conforme o interesse de cada instituição ou indivíduo: voluntariado individual, reforma de espaços, bingo com idosos, piquenique com crianças, captação de materiais para entidades e caminhadas por causas sociais são alguns dos exemplos. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (54) 2105-1999.

Crédito das imagens: Exata Comunicação

Vereadores participam de lançamento da Campanha do Agasalho

Com a adesão do Poder Legislativo, uma caixa para receber doações será colocada na recepção da Câmara

A Câmara Municipal de Bento Gonçalves, por meio de seu presidente, vereador Moisés Scussel Neto (PSDB), aderiu a Campanha do Agasalho 2018. A iniciativa, cujo lema neste ano é “Se um abraço aquece, imagine milhares”, foi lançada oficialmente no Salão Nobre da prefeitura na manhã da última segunda-feira , 7, pelo Gabinete da Primeira-Dama.

São mais de 40 pontos de coleta de agasalhos e poderão ser doadas roupas, calçados, lençóis, cobertores e colchões. Com a adesão do Poder Legislativo, uma caixa para receber doações será colocada na recepção da Câmara (Rua Dr. Casagrande, nº 270). Os donativos podem ser entregues até o dia 29 de junho, quando encerra a campanha.

Em seu pronunciamento a primeira- dama, Cynthia Pasin, disse que a arrecadação antecede os meses de inverno para no momento em que o frio se tornar mais intenso, as necessidades das famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade ou risco social sejam atendidas. “As arrecadações ocorrem durante o ano todo. O engajamento da sociedade é de grande importância para que a Campanha atinja seu objetivo”, disse.

Para o presidente da Câmara Municipal, vereador Moisés Scussel Neto (PSDB), a campanha tem um simbolismo importante na demonstração de solidariedade da nossa sociedade. “Muito além de doar, estes momentos nos fazem refletir s o verdadeiro sentido do ser humano e muitas vezes, deixarmos de lado o eu e olharmos para o próximo”, ressaltou.

IMG_9841

Para finalizar a solenidade de lançamento, as alunas da Escola Egídio Fabris, Julia Rodrigues Ramos e Assíria Geovana Siqueira e dos alunos da Escola Santa Helena, Ricardo Adriano Noskoski e Leonardo Sassi Ribeiro, integrantes do projeto Transformando Vidas, do Gabinete da Primeira-Dama, fizeram apresentações musicais.

O prefeito Guilherme Pasin, o vice-prefeito Aido Bertuol, os vereadores Eduardo Virissimo (PP), Neri Mazzochin (PP), Paulo Roberto Cavalli (PTB), Sidinei da Silva (PPS), Valdemir Marini (PTB) e Volnei Christofoli (PP), além de membros do Poder Executivo e representantes de entidades da sociedade civil estiveram presentes no evento.

Legenda: Com o lema “Se um abraço aquece, imagine milhares”, foi lançada oficialmente no Salão Nobre da prefeitura na manhã desta segunda-feira (7), a Campanha do Agasalho 2018. (Créditos: Câmara Municipal de Bento Gonçalves).

Talentos musicais da Abraçaí se apresentam na Casa das Artes

A 6ª edição da apresentação da Orquestra de Violões e do Coro  ABRAÇAÍ Canta ocorre no próximo dia 24 de abril, em Bento Gonçalves, na Fundação Casa das Artes, às 19h30min, com entrada franca.

No concerto, intitulado “ A música que a gente faz”, será apresentado parte do trabalho da orquestra e do coro formado por crianças e adolescentes atendidos pela Associação Bentogonçalvense de Convivência e Apoio a Infância e Juventude (ABRAÇAÍ). O evento, promovido através de impostos federais captados através da Lei de Incentivo à Cultura, objetiva integrar os beneficiários atendidos à música e aos meios culturais, possibilitando a geração de novos talentos e a inserção sociocultural.

31180308_2149612718603251_1782630720280199168_n