Posts

Esportivo anuncia meio-campista com passagem pelo futebol europeu e elenco chega a 30 jogadores para temporada 2021

A pedido do técnico Luiz Carlos Winck, Alviazul reforça grupo com o atleta William de Amorim e se prepara para a disputa do Campeonato Gaúcho e da Copa do Brasil

A proximidade da estreia do calendário de jogos na temporada 2021 faz com que o Clube Esportivo Bento Gonçalves invista em contratações pontuais para fechar o grupo que disputará a primeira divisão do Campeonato Gaúcho e a Copa do Brasil no primeiro semestre do ano. O atual elenco alviazul conta com 30 jogadores – sete a mais em relação à quantidade de atletas que iniciou a pré-temporada no dia 11 de janeiro.

O mais recente reforço chega para fortalecer o setor de meio-campo. A pedido do técnico Luiz Carlos Winck, o meia William Douglas de Amorim, de 29 anos, chega do Altay, da Turquia. O atleta é natural de Votorantim-SP, mas possui dupla nacionalidade romena – fruto dos quase oito anos que passou atuando no futebol do país europeu. De Amorim também acumula passagens pelo Xanthi, da Grécia, Kayserispor, da Turquia, e, no Brasil, passou pelas categorias de base do Corinthians e do Grêmio e pelo Arapongas – antes de construir a carreira no exterior.

Com isso, o jogador se soma aos outros 29 atletas do grupo. São eles: Anderson Gavineski, Jonathan Walker, Igor Rafael Schwaikartt e Tiago Kuhn Wiest (goleiros); Éric Da Costa, Jean Zdunek, Júnior Alves, Leonardo Dagostini e Igor da Silva Amaral (zagueiros); Itaqui, Maurício da Luz Rodrigues, Michael de Oliveira e Samuel Balbino (laterais); Guilherme Assis, Lucas Dalarosa, Jocinei Schad, Juninho Tardelli, Lucas Hulk, Mateus Norton, Mateus Santana, Nathan Dutra e Rennan Gonçalves de Oliveira (meio-campistas); Anderson Dim, Daniel Cruz, Emerson Brito, Vinicius Martins, Warlei Antônio De Paula, Wesley Pacheco e Vini Santos (atacantes).

 

Preparação antes da estreia

Para finalizar os testes durante a pré-temporada, o Esportivo enfrentou a equipe sub-23 do Grêmio, no Estádio Montanha dos Vinhedos, no último sábado, dia 20. A partida terminou empatada pelo placar de 2 a 2 – os gols do Alviazul foram marcados na segunda etapa pelos atacantes Vini Santos e Warlei. Com o resultado, a equipe encerra o calendário de amistosos com uma vitória, um empate e duas derrotas.

O time que entrou em campo teve: Anderson, Itaqui, Jean (Mateus Norton), Júnior Alves (Éric Costa) e Michael (Balbino); Lucas Hulk (Nathan), Mateus Santana, Vini Martins (Vini Santos) e Juninho Tardelli (Jocinei); Daniel Cruz (Emerson) e Wesley Pacheco (Warlei).

Foco nos jogos oficiais

Agora, o Esportivo concentra todo o foco na estreia do Gauchão 2021 no próximo sábado, dia 27, diante do São José, em Bento Gonçalves, às 16h. Após a estreia em casa, o Alviazul viaja até São Leopoldo para encarar o Aimoré, no dia 03 de março, às 20h, e, na sequência, recebe o Brasil de Pelotas, no dia 07, às 16h. Há, ainda, a participação na Copa do Brasil, com adversário a ser definido pela CBF – o jogo deve ocorrer nas semanas dos dias 10 ou 17 de março.

 

Ficha técnica do atleta:

Nome: William Douglas de Amorim

Posição: Meio-campo

Idade: 29 anos

Histórico: chega do Altay, da Turquia. Atuou por quase oito anos no futebol romeno e acumula passagens pelo Xanthi, da Grécia, Kayserispor, da Turquia, e pelas categorias de base do Corinthians e do Grêmio, além do Arapongas

Link para entrevista com o atletahttps://we.tl/t-4UJeq5jgjl

Foto: Kévin Sganzerla/Divulgação Clube Esportivo

Clube Esportivo concentra forças na formação de atletas

Alviazul não disputará competições oficiais no segundo semestre, direcionando esforços para o trabalho nas categorias de base e em projetos fora das quatro linhas durante o segundo semestre deste ano

Clube que carrega a tradição de uma história centenária – mas nem por isso desvia o olhar dos desafios que o futuro reserva – assim o Esportivo de Bento Gonçalves posiciona-se estrategicamente para o segundo semestre de 2018. Com entendimento pleno de suas responsabilidades – financeiras, sociais e comunitárias –, a diretoria traçou importantes definições não apenas para os próximos meses, mas planejando a perenidade da atuação institucional.

Em coletiva de imprensa realizada na manhã de 19 de junho, houve o anúncio de que a equipe profissional não disputará competições oficiais no segundo semestre de 2018. “Essa decisão é reflexo de um planejamento seguro e consciente para as próximas temporadas. O futebol é paixão, promove o engajamento das pessoas, por isso a nossa vontade era de, logicamente, continuar atuando dentro das quatro linhas. Porém, optamos pela razão: é essencial, antes, nos organizarmos fora de campo e, assim, projetar um time cada vez mais preparado para voltar ao seu lugar de destaque no futebol gaúcho”, esclarece o presidente do clube, Anderson Zanella.

Zanella

Isso não significa, porém, que o Esportivo ficará inativo pelos próximos meses – o trabalho continuará durante o ano inteiro, com foco em outras prioridades. Uma delas é focar nas ações que tornam o clube uma referência na formação de jovens atletas.

Foco na formação de atletas

A aposta nas bases é o diferencial do clube para o restante da temporada. O compromisso do Esportivo está na continuidade das atividades de sua escolinha, que atualmente atende 200 jovens. Esse valioso serviço social oferecido à comunidade se mantém pelo apoio do clube e por meio de mensalidades. A intenção da diretoria é buscar leis de incentivo e recursos que permitam ampliar a oferta, se possível de forma gratuita. “Nossa proposta é a de buscar os jovens na comunidade, oferecer a eles uma espécie de contra turno escolar. Assim, podemos atuar de maneira mais efetiva na formação de atletas, o que reflete tanto no futebol profissional, pois formamos as pratas da casa, como em futuras vendas que nos auxiliam economicamente”, comenta o presidente.

Dentro de campo, os atletas mirins também são os protagonistas no restante de 2018. A sub-17 é a categoria que disputa competições mais avançadas, a nível estadual. E, nessa perspectiva, a implantação do sub-19 promete qualificar ainda mais o projeto formador do clube.

Projetos paralelos

O Esportivo também tem assinalados projetos paralelos como as reformas estruturais do complexo Montanha dos Vinhedos. No curto prazo, está prevista a instalação de elevadores no estádio – dentro de 30 dias serão entregues -, a fim de, cada vez mais, facilitar a acessibilidade da comunidade em apoiar o time nos jogos. Outro projeto essencial é o andamento das obras de construção dos campos suplementares. Projetos licitatórios estão em andamento, e também serão formulados, para a conclusão da estrutura.

Já preparando a comunidade para as comemorações do centenário do clube – o Esportivo completa 100 anos em agosto de 2019 – uma nova facilidade está sendo planejada para aumentar o envolvimento dos sócios e torcedores do clube: a instalação de um moderno software no site da instituição para que possam ser vendidos produtos oficiais e realizadas novas associações. Em breve o sistema deve ser apresentado ao público.

Ainda no decorrer das próximas semanas, o clube pretende socializar a prestação de contas do semestre, priorizando a transparência na gestão pela qual a atual diretoria quer que o Esportivo seja cada vez mais reconhecido.

Crédito foto: Exata Comunicação

Esportivo aposta na formação de jovens por meio das categorias de base

Objetivo do clube é ir além da simples formação profissional, contribuindo para o desenvolvimento pessoal dos jovens. No total, são 180 crianças e adolescentes atuando nas categorias de base

A medida da atuação de um clube vai muito além de seu desempenho dentro das quatro linhas do gramado – e está relacionada, também, à responsabilidade social que ele exercita junto à comunidade onde está inserido. O Esportivo, de Bento Gonçalves, entende bem esse compromisso: acredita e trabalha de forma contínua no desafio de formar cidadãos por meio do esporte. Exemplo disso são os projetos desenvolvidos com as categorias de base.

Muito mais do que celeiro de jogadores para a equipe profissional, a iniciativa contribui de forma prática com a promoção do bem-estar social, integrando jovens talentos e mostrando-lhes que há alternativas para quem almeja um futuro promissor. A base do Clube Esportivo é, atualmente, referência em Bento Gonçalves e região. Ali estão concentradas 150 crianças de 6 a 15 anos, que frequentam a escola do clube, e 30 jovens na categoria sub 17.

Categorias de base 4

Além de incentivar o talento futebolístico da garotada, o trabalho visa a formação de cidadãos íntegros e preparados para o convívio social. “Essa iniciativa logo começou a ser mais do que apenas futebol. O projeto entrou na vida desses meninos como uma oportunidade de adquirem senso de organização, de responsabilidade, de respeito e de comprometimento com algo maior. Em muitos casos, está ligado à esperança de que existem, sim, outros caminhos a seguir”, diz o presidente do clube, Anderson Zanella.

Como funcionam as categorias e suas rotinas

Quem pretende fazer parte das categorias de base do Esportivo precisa de disposição para encarar uma rotina regrada de treinamentos. Ao ingressar no projeto, os jovens são organizados conforme a idade em divisões que são do Sub 6 ao Sub 17. Logo passam a cumprir uma agenda de compromissos no clube, com treinos pelo menos duas vezes por semana, no Estádio da Montanha (na Av. Osvaldo Aranha). São cerca de cinco horas de atividade que ocorrem sempre no turno oposto ao das aulas – estar estudando é requisito indispensável para integrar o grupo. Essa regra contribui para estimular o desenvolvimento dos atletas na escola.

Categorias de base 5

Os jogadores mirins têm uma agenda que valoriza o cumprimento de obrigações e responsabilidades, ajudando-os a se transformarem em cidadãos mais disciplinados. Uma das recompensas por esse esforço vem com a participação em competições locais e estaduais. Durante essas atividades, o clube oferece aos atletas subsídio em alimentação e transporte. Atualmente, as categorias sub 10, sub 11, sub 12, sub 13, sub 14 e sub 15 disputam o “Estadual Inovação de Futebol”. Já o “Campeonato SESC de Futebol de Base” tem a participação das categorias sub 14 e sub 16.

De olho no futuro

Quando chegam ao sub 17, os atletas são avaliados e capacitados para o ingresso em uma possível carreira profissional. Por isso, os nascidos nos anos de 2001 e 2002 têm treinamentos diários no turno da tarde, das 13h30 às 16h30. Essa categoria, atualmente, disputa o campeonato estadual de juvenil A, da Federação Gaúcha de Futebol. Para eles, há também o auxílio de hospedagem e alimentação. Hoje, são cerca de 15 adolescentes que residem no alojamento alviazul – alguns deles vindos de outras cidades em busca de oportunidades no clube bento-gonçalvense.

Categorias de base 3

O ingresso no clube

Os jovens interessados em participar da escolinha devem fazer a matrícula na secretaria do clube, acompanhados de pais ou responsáveis. O período da chamada “peneira”, onde são feitas seleções mais amplas para a categoria sub 17, é no início do mês de fevereiro de cada ano. Há uma série de documentos necessários para a inscrição, como atestado médico e de escolaridade, além do pagamento de uma taxa de inscrição e de mensalidade. Mais informações podem ser obtidas com o coordenador geral das categorias de base, Acácio Eggres, pelo [email protected] ou pelo fone (54) 3452-2165.

Fotos: Divulgação Clube Esportivo

Esportivo terá ingressos a R$ 10,00 para partida contra o Tupi, no próximo domingo

Clube espera contar com estádio cheio no jogo deste fim de semana

 O Esportivo precisa do apoio de sua torcida para consolidar a caminhada rumo à elite do futebol gaúcho – esperando casa cheia em seus compromissos em Bento Gonçalves. Para isso, a direção do clube oferece um incentivo extra para que a comunidade participe dos jogos: preço promocionais nos ingressos. A próxima partida do alvi-azul, no estádio Montanha dos Vinhedos, terá entrada no valor único de R$ 10,00 – o jogo será no próximo domingo, dia22, às 16 horas, contra o Tupi de Crissiumal.

“O Clube Esportivo necessita, mais do que nunca, do apoio de sua torcida. Com essa iniciativa estamos convocando a comunidade bento-gonçalvense para que venham ao estádio no próximo domingo e empurrem a equipe rumo a vitória e ao acesso”, diz Anderson Zanella, presidente do clube.

LEIA MAIS: Esportivo sensibiliza diretoria do CIC-BG em busca de apoio

Os ingressos custando dez reais podem ser adquiridos antecipadamente ou no dia do jogo, no estádio.

 Time segue invicto com Cristian de Souza

 Com 100% de aproveitamento sob o comando do técnico Cristian de Souza, o Clube Esportivo de Bento Gonçalves conquistou a primeira vitória fora de casa na Divisão de Acesso 2018. Diante do Passo Fundo (domingo, 15), a equipe buscou superação para virar o placar e vencer por 2 a 1 o time da casa.

LEIA TAMBÉM: Sparkling Night Run está confirmada para 10 de novembro

O primeiro tempo terminou 1 a 0 para os donos da casa. Mas a gana pela vitória e o placar desfavorável no início da segunda etapa motivou a equipe alviazul a buscar o resultado. Os comandados de Cristian de Souza não davam chances ao Passo Fundo e chegou ao gol aos 16 minutos, num chute forte de Reimond. Com o empate, o Esportivo seguiu criando chances de gol, enquanto o adversário não conseguia passar do meio de campo. Aos 27 minutos, a insistência do clube bento-gonçalvense se transformou em gol, quando o atacante Jean Carlos marcou depois da jogada de Vinícius. Administrando o placar, o Esportivo garantiu os seus primeiros três pontos jogando fora de casa.

Após um início com certa pressão pela retomada dos bons resultados, o técnico alviazul segue com a mesma responsabilidade de tentar alcançar o acesso, mas com uma maior tranquilidade. “A expectativa na estreia era a vitória, independente do rendimento. Agora, no jogo de ontem, já podemos perceber uma evolução da equipe, que sabia do grande potencial do adversário e mesmo assim jogou ao seu estilo. Se na última partida já havíamos conquistado certo afastamento da possiblidade de rebaixamento, o jogo deste fim de semana, que era de seis pontos, nos deixa ainda mais próximos do nosso objetivo”, aponta Cristian.

 Em busca do acesso

 Há cinco jogos sem perder, o Esportivo soma 13 pontos conquistados e permanece na 5ª colocação, porém a apenas um ponto do 4º colocado, o União Frederiquense. O time será justamente o próximo adversário alviazul na quinta-feira (19), às 15h30min, na Arena União, em Frederico Wesphalen. Se vencer a briga direta pela vaga na zona de classificação, o Esportivo pode até mesmo ultrapassar o Tupi, dependendo de resultados paralelos, que será seu adversário na sequência da competição, dessa vez jogando em casa, no próximo domingo (22), às 16h.

VEJA TAMBÉM: Curso Básico de Mecânica para Mulheres em Bento

Esportivo promove reestruturação para a reta final da Divisão de Acesso

Clube busca jogadores experientes e uma nova comissão técnica para retomar os bons resultados e avançar de fase

Fora da zona de classificação, mas com a esperança bem viva de conquistar o tão almejado ingresso à elite do futebol gaúcho – assim está a vida do Esportivo de Bento Gonçalves na Divisão de Acesso gaúcha. A equipe encerrou o primeiro turno da competição no sexto lugar, a 3 pontos do G-4. Em busca da conquista de bons resultados, o clube promoveu uma reestruturação do departamento de futebol.

O início das mudanças veio com o reforço do plantel de jogadores. Foram quatro contratações nos últimos dias. Duas delas vieram do Avenida, de Santa Cruz do Sul, semifinalista do Campeonato Gaúcho desse ano e que foi eliminado pelo favorito Grêmio. O primeiro deles é o atacante Welder, de 23 anos, que já possui uma vasta bagagem no futebol gaúcho, com passagens por Cruzeiro-RS, Guarany de Bagé, Pelotas, São Paulo-RG e Avenida. No time, foi titular em 12 partidas na atual temporada. O outro é o meia Diego Torres, que anotou o único gol da equipe do Periquito contra o Grêmio na semifinal do Gauchão.

Cristian de Souza é o novo técnico do Clube Esportivo

Além deles, o zagueiro Tiago Gasparetto, que estava atuando na Penapolense-SP pela série A2 do Campeonato Paulista, integra o grupo; e o meia Eduardinho, destaque do Veranópolis. O jogador de 34 anos tem diversas passagens por clubes gaúchos, porém é conhecido principalmente por ser um dos ídolos do ex-clube. O atleta soma oito temporadas atuando no Veranópolis, intercalando passagens pelo Chapecoense, Luverdense, Santo André, Águia, Náutico e Boa Esporte. Eduardinho joga tanto como volante como meia ofensivo, e chega ao Esportivo para ser um dos titulares da equipe.

Nova composição técnica

A principal mudança para a reta final do Gauchão ocorreu na comissão técnica. O agora ex-treinador do clube Rodrigo Bandeira deu lugar a Cristian de Souza, de 40 anos. Ele é natural de Quaraí, mas foi formado pelo Esportivo e teve sua passagem entre os anos de 2000 a 2008. O técnico atuou no sub-17, sub-20 e sub-23 do Grêmio entre 2009 e 2011, comandou o sub-17 do Figueirense em 2014 e o sub-20 do Ceará em 2015, além da equipe principal de forma interina, em 2016. Soma passagens pelo Rio Branco-AC e pelo Paraná. Em 2017 levou o Água Santa à terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

LEIA TAMBÉM: Escolinhas oferecem acesso ao esporte gratuitamente em Garibaldi

Dez anos depois, Cristian volta com a missão de conseguir o acesso a elite do futebol gaúcho. “É uma convocação, não é nem um convite. Não tinha muito o que pensar, tinha que vir e dar a minha colobaração”, afirma o técnico alviazul. Apesar do momento complicado na tabela, Souza mantém a confiança no poder de reação do grupo que tem em mãos. E já crava que domingo é a primeira final do ano. “Nós pedimos o apoio do nosso torcedor, para que passem confiança ao grupo e venham ao estádio com o intuito de motivar os jogadores dentro de campo”, salienta Cristian.

A diretoria do clube também sofreu mudanças. Rogério Capoani assume a vice-presidência do clube. O presidente Anderson Zanella agradece a colaboração da comissão e passa confiança a equipe. “Não tem motivo para preocupação demasiada. É um momento complicado, sim, mas as medidas tomadas foram as melhores possíveis. Foi uma oxigenação nova no vestiário”, reitera Zanella. Segundo o presidente, a diretoria continuará trabalhando com responsabilidade e respeito por essa importante instituição de quase 100 anos.

Próximos compromissos

O último jogo do Alviazul foi contra o Igrejinha, fora de casa, em 1º de abril, quando empatou sem gols. Para tentar iniciar com pé direito o returno da competição, o adversário será o mesmo. A partida vai ocorrer no estádio Montanha dos Vinhedos, no próximo domingo (08/04), às 16h. Para tentar se aproximar do objetivo final, que é o acesso, todos os novos reforços estarão à disposição de Cristian e sua comissão técnica.

Depois o Esportivo encara uma sequência de duas partidas fora de casa. São elas no dia 15 de abril, um domingo, contra o Passo Fundo, e na quarta-feira subsequente (18/04) diante do União Frederiquense. Para alcançar o acesso, o clube precisa ingressar na zona dos quatro melhores de sua chave. No momento, o Alviazul está na sexta colocação, a três pontos do Tupi, quarto colocado. Até o final da primeira fase, serão mais sete partidas. Se conquistar o ingresso ao G-4, o time precisará eliminar seus adversários nas quartas e semi-finais para ser finalista e conquistar o objetivo da temporada.

Jogador de futsal de Bento estreia no Inter Movistar, da Espanha

Atleta foi contratado após uma temporada vitoriosa no Benfica, de Portugal

esporte-(1)O jogador de futsal Elisandro Teixeira Gomes, de Bento Gonçalves, está atuando como pivô na forte equipe do Inter Movistar, de Madri, Espanha. Ele foi contratado para a temporada de 2017/18, após realizar grandes atuações no Benfica de Portugal, em 2016. O atleta se apresentou no último dia 2 de agosto para integrar a equipe espanhola, detentora de cinco títulos mundiais. Aos 30 anos, o “Imperador”, como é conhecido popularmente, chega para ser o terceiro reforço da equipe espanhola nas competições nacionais e internacionais.

esporte-4O pivô iniciou a sua carreira nas categorias de base da ACBF, onde foi lançado ao profissional, passando por clubes como Assoeva, São Paulo, Jaraguá Futsal, Joinville/Krona, Corinthians, Intelli e Benfica. Também atuou na Seleção Brasileira de Futsal, em 2014. Pelo clube português, na temporada 2016/17, o bento-gonçalvense marcou 34 gols em 33 jogos.

Fé e foco

Antes de partir para Madri, para o contrato de dois anos, esteve em Bento Gonçalves com a esposa Adri Carli Gomes e a filha do casal, Camily Vitória, de 11 anos, visitando familiares, moradores do bairro Conceição. Elisandro atribui a conquista de ter sido contratado pelo melhor time do futsal do mundo a sua fé em Deus, ao treino diário de mais de seis horas, a esporte3alimentação balanceada e a vida regrada. “Vou além do normal. A maioria dos jogadores de futsal treinam quatro horas por dia, duas de manhã e duas à tarde. Eu treino mais. Além disso, sou disciplinado e agradeço sempre a Deus por ter me mostrado como é a vida com ele”. Fé e foco são as diretrizes da carreira do atleta que, aos 10 anos, identificou seu talento para o futebol em “peladas” com outros garotos da vila.

Após encerrar a carreira, o atleta pretende voltar a Bento Gonçalves para ensinar futsal a crianças e jovens da periferia do município. Ele afirma que a iniciativa vai ajudar jovens em vulnerabilidade social a encontrar no esporte uma alternativa à criminalidade.

Pré-temporadas e vestibular da UFRGS movimentam Bento Gonçalves em Janeiro

fotoufrgs-divulgacaoNeste mês de janeiro, Bento Gonçalves, além do fluxo normal de turistas, sedia as pré-temporadas do Tubarão, de Santa Catarina e do Juventude, de Caxias do Sul. Sedia ainda as provas do vestibular da UFRGS. A equipe do Tubarão chegará amanhã, dia 06, e permanecerá até o próximo dia 16, concentrada no Dall Onder Vitória. A permanência da equipe do Juventude, no Dall Onder Grande Hotel, será de 10 a 20 deste mês.
 
Já as provas da UFRGS ocorrem de 8 a 11 nas cidades de Bento Gonçalves, Imbé/Tramandaí e Porto Alegre. Em Bento Gonçalves serão 2.760 candidatos. Os locais de prova são na Faculdade Cenecista, Instituto Cecília Meireles, Escola Mestre Santa Bárbara, Colégio Estadual Landell de Moura, Escola General Bento Gonçalves e na Escola Irmão Egídio Fabris.
Foto: Divulgação UFRGS