Posts

Hospital Tacchini: nas suas veias corre amor: doe sangue, doe vida!

O Hemocentro Regional de Caxias do Sul (Hemocs), é a unidade de referência responsável por captar e distribuir as bolsas de sangue aos hospitais na região. O Médico hematologista, Victor Hugo da Rocha Lenz Pereira, responsável técnico da Agência Transfusional, explica que devido ao fato do Hospital Tacchini ser referência para o tratamento de câncer na região, a maior parte dos pacientes demandam grande quantidade de hemoderivados da Agência Transfusional. “Hoje, cerca de 80% das transfusões do SUS são de pacientes com câncer e diante disso necessitamos sempre de reposição para continuar prestando um serviço de qualidade para a população”, esclarece.

É fundamental que a população entenda a importância do gesto de doar sangue. Uma ato de amor que pode fazer toda a diferença na vida de outra pessoa.

Para atender a demanda dos pacientes internados no Hospital Tacchini, todas as coletas são feitas no Hemocs e para isso você doador pode agendar o transporte gratuito, o qual será feito com auxílio da Secretaria Municipal da Saúde.

Quem tiver interesse em doar sangue deve contatar a Unidade de Coleta e Transfusão de Sangue, diretamente no Hospital Tacchini ou pelo telefone 54 3455-4151.

É importante salientar que as pessoas que residem em outras cidades, mas que fazem tratamento no Hospital Tacchini pelo SUS, também devem contribuir, realizando sua doação ou indicando outras pessoas que possam fazer a doação. 

Critérios para doação de sangue:

– apresentar bom estado de saúde;

– ter entre 18 e 67 anos. Doadores de 16 e 17 anos podem realizar doação com consentimento formal de um responsável legal;

– peso mínimo de 50Kg;

– não ter contraído alguma hepatite viral após os 11 anos de idade;

– não ter diagnóstico de Doença de Chagas;

– não apresentar risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis.

– não estar amamentando;

– não ter ingerido álcool 12h antes da doação;

– não ter fumado 1h antes da doação.

Primeira edição da Campanha Prato Cheio é realiza em 2018

Iniciativa do Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac estimula doação de alimentos não perecíveis em todo o RS

 Começou a primeira edição de 2018 da Campanha Prato Cheio. Até o dia 30 de abril,, é possível realizar doações de alimentos não perecíveis nas Unidades do Sesc e em instituições apoiadoras como Senac, Sindicatos filiados ao Sistema Fecomércio/RS e empresas parceiras em todo o Rio Grande do Sul. O objetivo da iniciativa é arrecadar mantimentos para o Programa Mesa Brasil Sesc, que destina as doações a entidades sociais cadastradas.

LEIA TAMBÉM: Projeto Transformando Vidas dá início às atividades da 5ª edição

Colaborar com a campanha é uma oportunidade para a comunidade participar de forma ativa na Rede de Solidariedade formada por entidades sociais e doadores. Podem ser doados alimentos não perecíveis, dentro do prazo de validade e com embalagens íntegras. As doações entregues serão repassadas às entidades sociais, seguindo orientações de nutricionistas do Programa Mesa Brasil.

Sobre o Mesa Brasil – O Mesa Brasil Sesc é uma rede permanente de solidariedade, que atua desde novembro de 2003 no Rio Grande do Sul com o objetivo de evitar o desperdício de alimentos e diminuir as carências nutricionais da população. Para alcançar essas metas, conta com o apoio de empresas, entidades sociais e voluntários. No Rio Grande do Sul, o Mesa Brasil Sesc é realizado pelo Sistema Fecomércio-RS nas cidades de Porto Alegre e Região Metropolitana, Cachoeira do Sul, Ijuí, Erechim, Santa Maria, Rio Grande e Vales do Taquari e Rio Pardo (Lajeado, Estrela, Santa Cruz do Sul e Venâncio Aires), sempre em parceria com as prefeituras municipais. Outras informações podem ser obtidas no site www.sesc-rs.com.br/mesabrasil.

Parceiros Voluntários realiza ações de solidariedade com público  jovem

Alunos de várias turmas da Escola Municipal Félix Faccenda vivenciaram uma semana repleta de fantasia – mas também com uma boa dose da melhor realidade que um voluntário pode entregar. Duas ações coordenadas pela Parceiros Voluntários comprovaram que, em época de Páscoa, doces são ótimos acompanhamentos para o renascimento da esperança.

Na quarta-feira, 28, foi a vez da equipe Jane Beauty visitar a escola para cortar o cabelo da meninada. Já na segunda-feira, 26, a equipe da Iva Espaço de Beleza visitou as instalações do projeto Pelotão Curumim e cortou o cabelo dos 30 adolescentes que frequentam a entidade. Nesse mesmo dia, a senhora coelha passou pelo bairro Municipal para deixar mais açucarada a vida da criançada, ao mesmo tempo em que os reais preceitos da Páscoa foram celebrados de forma a contemplar as atividades escolares.

Páscoa

 Tradicional aliada da Parceiros Voluntários, a Jane Beauty atua ao lado da ONG há três anos. Cada mês, um setor do centro estético envolve-se com uma entidade indicada pela Parceiros Voluntários. “Assim, fizemos com que toda a equipe (de 38 pessoas) se envolva para ajudar o próximo”, comenta Janete Grégio, diretora da empresa, que nesta ação cortou o cabelo de cerca de 100 crianças.

 Para explorar a ludicidade da Páscoa, a voluntária Kely Ginar Viana estreou no papel de senhora coelha, atendendo a um chamado da escola. Como atividade de produção textual, os alunos convidaram a coelhinha para o colégio, aprendendo, dessa forma, a como escrever uma cartinha.  Pela primeira vez, Kely vestiu uma fantasia e, além de distribuir doces, contou a história da data. “Estava nervosa, mas abracei a causa da escola, porque a gente recebe muito mais do que dá nessas ações, ainda mais com crianças que têm um coração muito puro”, diz a voluntária. Numa outra atividade, os alunos precisaram pesquisar uma receita de Páscoa e levar para a escola. Após, escolheram uma para preparar no refeitório e se deliciar com o quitute.

Jane

 A supervisora pedagoga da escola, Luciane Comparini, comenta que as atividades da Parceiros Voluntários reforçam os vínculos entre escola e comunidade, além de promover alegria aos estudantes. “É muito importante estar junto deles, conversando, passando um tempo diferente, isso levanta a autoestima das crianças”, opina.

LEIA MAIS: Filmes clássicos de ficção científica é o tema de mostra de cinema em Bento Gonçalves

Foto: Exata Comunicação

AEARV doa alimentos à Secretaria de Assistência Social

As contribuições da Associação dos Engenheiros e Arquitetos da Região dos Vinhedos para o desenvolvimento de Bento Gonçalves vão além das ações em favor dos profissionais que representa – estendem-se, também, em benefício de toda a comunidade. Cerca de 60 quilos de alimentos foram doados pela AEARV à Secretaria Municipal de Habitação e Assistência Social (SEMHAS) no dia 21 de março.

doacao

A ação faz parte de uma das premissas da entidade, que é a de ser uma associação atuante também nas questões que ultrapassam a defesa e a valorização da classe. “Uma entidade precisa se preocupar e se ocupar, também, com os assuntos que dizem respeito à sociedade na qual ela está inserida. Então, esse engajamento é uma forma de devolver à comunidade um pouco daquilo que ela nos proporciona, tanto para a instituição quanto para os profissionais por ela representados”, disse o presidente da AEARV, Diego Panazzolo, que fez a entrega à secretária interina da pasta, Milena Bassani. “Cada vez que chegam doações assim nossos olhos brilham, queremos agradecer pelas pessoas que serão beneficiadas”, comentou Milena.

LEIA TAMBÉM: AEARV comemora 40 anos em 2018 com o desafio do fortalecimento profissional

 Os donativos foram recolhidos como acesso à palestra “Patologia de obras Civis”, promovida pela AEARV na noite de 20 de março, no auditório da Meber Metais, com os engenheiros civis Luiz Alberto Modesti e Guilherme Modesti, da Avalisinos.

Palestra

 Perante cerca de 60 profissionais, eles demonstraram como a falta de cuidado, experiência e conhecimento implica em consequências como desabamentos, incêndios, deficiência de recuperação ou construção, por exemplo, nas edificações. “Tudo começa por um bom planejamento. Por meio da troca de experiências e da demonstração de casos que já ocorreram, queremos ajudar os profissionais a oferecerem obras mais seguras, rentáveis e com maior garantia, visando à promoção do conhecimento”, disse Luiz Alberto Modesti.

Foto: Exata Comunicação

Projeto “Leãozinho do Bem” segue arrecadando tributos

Cidadãos e empresas de Bento Gonçalves ainda podem destinar parte de seu Imposto de Renda (IR) para contribuir com ações sociais desenvolvidas na cidade. Para tanto, basta aderir ao projeto “Leãozinho do Bem”, que estimula a doação de um percentual do tributo para iniciativas locais.

Microsoft PowerPoint - apresentacao_leaozinho [Somente leitura]Até o final do mês de abril, as pessoas físicas interessadas em ajudar essa importante causa podem direcionar até 3% do valor pago ao Governo Federal para entidades conveniadas ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica). No caso de pessoas jurídicas, o limite é 1%.

O procedimento de destinação da parcela do IR exige que, no momento da declaração à Receita, as pessoas físicas utilizem o formulário completo. As jurídicas devem informar o lucro real.

A estimativa é que, anualmente, pelo menos R$ 3 milhões poderiam permanecer na cidade auxiliando as instituições parceiras, mas, em 2015, por exemplo, as destinações alcançaram apenas R$ 292,5 mil, menos de 10% do total. Com a nova mobilização gerada pelo projeto, a expectativa é que esse montante possa crescer neste ano.

Idealizado pela Associação dos Profissionais e Empresas de Serviços Contábeis de Bento Gonçalves (Apescont-BG), o Leãozinho do Bem conta com o apoio do Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC-BG), do Sicoob Meridional, do Comdica e da imprensa local. Quer conhecer um pouco mais sobre o projeto? Acesse o site www. leaozinhodobem.com.br e a página no Facebook.

Entidades que podem ser beneficiadas

Associação Amigos das Crianças
Associação Atlética Banco do Brasil (AABB)
Associação Atlética de Bento Gonçalves (AABG)
Associação Bento-gonçalvense de Convivência e Apoio à Infância e Juventude (ABRAÇAÍ)
Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE)
Associação dos Deficientes Físicos de Bento Gonçalves (ADEF)
Associação dos Deficientes Visuais de Bento Gonçalves (ADVBG)
Associação dos Surdos de Bento Gonçalves (ASBG)
Associação Integrada ao Desenvolvimento Down (AIDD)
Bento Vôlei
Círculo Operário
Fundação Todeschini
Lar da Caridade