Posts

Cooperativa Vinícola Garibaldi reafirma excelência de produtos com coleção de reconhecimentos

Em 2020, marca conquistou 67 distinções em concursos pelo mundo

Nos últimos anos, os produtos da Cooperativa Vinícola Garibaldi experimentaram uma forte tendência de internacionalização. A presença em concursos mundo afora veio coroada por um grande número de premiações – 67 somente neste ano –, alavancando a imagem da marca no Brasil e no mundo, com produtos de qualidade certificada internacionalmente.

Mas como uma vinícola de forte presença comunitária consegue obter tamanho alcance global? A resposta está no fazer bem feito. “Gostamos de empregar paixão em todas as partes do processo que envolve elaborar um rótulo. É o manejo no campo, o constante contato com o associado, o cuidado na colheita e nos métodos de vinificação”, aponta o presidente da cooperativa, Oscar Ló.

 Depois de ter sido pelos últimos dois anos seguidos a vinícola brasileira mais premiada, a marca gaúcha voltou a registrar em 2020 um desempenho performático em conceituados concursos mundiais. Foram distinções em países-ícones da produção vitivinícola – Itália e França – e também em nações que importam grande quantidade de vinho, caso da Inglaterra.

Na Itália, a vinícola estreou no exclusivo 5StarWines – The Book 2021, guia internacional organizado pela Vinitaly, a maior feira de vinhos do país. E com dois produtos, Garibaldi Prosecco Rosé Brut – o único do Brasil e o Espumante Garibaldi Moscatel. Na França, o feito foi com o Espumante Garibaldi Chardonnay, eleito o melhor do Brasil entre os participantes do concurso Citadelles du Vin, enquanto o Garibaldi Espumante Prosecco Rosé, o Garibaldi Espumante Moscatel e o Garibaldi Espumante VG Extra Brut saíram medalhados do Decanter World Wine Awards, na Inglaterra.

Outro destaque foi a medalha conquistada no mais antigo concurso de vinhos da Ásia, o Japan Wine Challenge, realizado em Tóquio, no Japão. O Espumante Moscatel Amaze, produção exclusiva para o mercado internacional, saiu do certame com medalha, a única de uma vinícola brasileira na prova.

Mas as quase 70 premiações alcançadas neste ano também tiveram a contribuição de conquistas obtidas no Brasil. Por aqui, por exemplo, o Riesling Granja União concedeu à casa o título de melhor vinho branco não aromático da Avaliação Nacional de Vinhos – Safra 2020. A vinícola também saiu do Brazil Wine Challenge com o maior número de espumantes premiados do certame – oito no total.

Com esse retrospecto obtido tanto nos certames internacionais quanto nos nacionais, a Cooperativa Vinícola Garibaldi reafirma as estatísticas como uma das vinícolas brasileiras mais premiadas no mundo – título do qual foi bicampeã em 2018 e em 2019. Mas reforça, principalmente, as peculiaridades de seus produtos, assinados pelo talento de quem está há quase 90 anos fazendo o que mais sabe: engarrafar qualidade em cada rótulo.

Foto: Cassius Fanti

Linha de vinho frisante cresce 130% nas vendas em 2020

Relax, da Cooperativa Vinícola Garibaldi, dobrou a produção no comparativo com ano anterior

O segundo lote da linha Relax, vinho frisante revitalizado pela Cooperativa Vinícola Garibaldi, chegou ao mercado em novembro com 16 mil caixas entregues ao varejo. O produto estava esgotado desde setembro – quando o sucesso nas vendas fez desaparecer, em cerca de um mês, todo o estoque da bebida. A produção – e os negócios – com a linha Relax foram 130% maiores em 2020 no comparativo com o desempenho em 2019. E os resultados poderiam ser ainda melhores – há demanda, mas novos envases neste ano foram descartados pela falta de garrafas.

“Ficamos realmente impressionados com o desempenho do produto nas gôndolas. Temos o case de um cliente em São Paulo que, em um único dia, vendeu todas as 300 garrafas que havia adquirido”, conta o gerente de Marketing, Maiquel Vignatti. Da parceria entre os departamentos de marketing, comercial e técnico da cooperativa, mais a expertise da agência de design Philogus, nasceu o trabalho de reposicionamento do produto, contemplando a revitalização do rótulo e da proposta de comunicação, que conversa com a inspiração do mundo fashion para atrair a atenção dos jovens consumidores e, também, identificar a bebida como opção de consumo descomplicada, ideal para o happy hour, uma confraternização em casa, beira da piscina e quaisquer outras situações casuais.

Soma-se ao acerto da estratégica comercial a qualidade do produto como fator decisivo para a bebida estar conquistando tantos adeptos. O Relax da Cooperativa Vinícola Garibaldi foi eleito o melhor rosé do Brasil, na avaliação da 9ª edição da Grande Prova Vinhos do Brasil. O vinho do tipo frisante foi o vencedor na categoria Rosé, conquistando a medalha duplo ouro.

Para 2021, o planejamento da Cooperativa Vinícola Garibaldi prevê novo incremento no volume de produção para o Relax e, ainda, adição de um novo rótulo à família dos vinhos frisantes.

Cooperativa Vinícola Garibaldi traz única medalha ao Brasil em concurso no Japão

A mais antiga e prestigiosa competição de vinhos da Ásia premiou, com a medalha de bronze, o Espumante Moscatel Amaze, da Cooperativa Vinícola Garibaldi. A bebida foi a única do país a receber distinção na 23ª edição do Japan Wine Challenge, realizado entre os dias 14 e 17 de setembro, em Tóquio. Mais de mil amostras de 30 países, como Austrália, Chile, França, Alemanha, Itália, e Nova Zelândia, foram inscritas e julgadas por um time internacional de juízes.

Com o anúncio dos vencedores, a marca gaúcha ratifica sua posição como uma das vinícolas brasileiras mais premiadas em concursos mundo afora e também comprova sua aceitação no mercado oriental. Neste ano, a cooperativa abriu mercado, pela primeira vez, justamente com o Japão, onde ocorreu o concurso. O país nipônico receberá 5 itens do portfólio da marca, com espumantes e suco de uva.

Esse não foi o único país que a vinícola abriu fronteiras no Oriente. Taiwan também recebeu os espumantes da marca pela primeira vez, aumentando, assim, a presença num mercado gigante no qual a China já é um tradicional parceiro dos produtos Garibaldi.

O espumante premiado integra uma linha exclusiva para exportação da vinícola. São bebidas leves e com baixo teor alcoólico que apresentam ainda características frutadas, com a cara do Brasil.

Foto: Cassius Fanti

Cooperativa Vinícola Garibaldi recebe prêmio de cooperativismo

Case de sucesso integra outras 4 cooperativas no projeto de intercooperação. Marca gaúcha é destaque por projeto de integração entre cooperativas

A Cooperativa Vinícola Garibaldi ergue as taças para celebrar mais uma importante conquista em seu quadro de condecorações: o troféu recebido no 3º Prêmio Ocergs de Cooperativismo. O destaque foi na categoria Intercooperação, que reconhece a adoção de práticas que possibilitem apoio a outras cooperativas em prol de resultados sociais e econômicos com significativa relevância. A premiação é promovida pela Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul.

Cooperativa Vinícola Garibalfi foi case de sucesso

Baseada no case “A Intercooperação nas Cooperativas Vinícolas da Serra Gaúcha”, a Garibaldi contou sobre o projeto que desenvolve em parceira com outras quatro cooperativas da região seguindo o objetivo de facilitar as compras coletivas de insumos para o campo. Juntas, Cairú, Nova Aliança, São João, Pradense e Garibaldi somam cerca de 4 mil associados, recebendo aproximadamente 15% de toda produção de uvas para processamento da Serra gaúcha. “Esse projeto prova que a intercooperação é viável e sustentável em toda a cadeia produtiva, fortalecendo o segmento desde o trabalho no campo até as ações de venda no varejo”, comenta o presidente da Cooperativa Vinícola Garibaldi, Oscar Ló.

Vinícola brasileira mais premiada

Argentina, Chile, Espanha, Itália, França e Brasil são alguns dos países onde a qualidade dos produtos assinados pela Vinícola Garibaldi conquistou avaliadores de concursos de vinhos. Como resultado, a marca gaúcha soma 75 títulos e medalhas apenas em 2018, figurando como a vinícola brasileira mais premiada no período.

Cooperativa Vinícola Garibaldi já soma 75 premiações em 2018

Marca se consagra como a brasileira mais premiada em concursos nacionais e internacionais

Argentina, Chile, Espanha, Itália, França e Brasil são alguns dos países onde a qualidade dos produtos assinados pela Cooperativa Vinícola Garibaldi conquistou avaliadores de concursos de vinhos. Como resultado, a marca gaúcha soma 75 premiações até outubro deste ano, figurando como a vinícola brasileira mais premiada no período.

O grande destaque da Cooperativa são os espumantes: nas premiações, representam a maior parte das medalhas e títulos – incluindo o de Melhor Espumante do Cone Sul no Catad’Or Wine Awards; já em vendas, as bebidas borbulhantes são o carro-chefe da marca. “Esses reconhecimentos são reflexo de um trabalho focado na união das famílias através do cooperativismo; na atenção dedicada aos vinhedos junto aos produtores e na sintonia entre tradição, tecnologia e investimentos em inovação”, pontua o presidente Oscar Ló.

BV1I4438

As conquistas mais recentes foram na Avaliação Nacional de Vinhos – Safra 2018; Grande Prova Vinhos do Brasil; 49º International Wine & Spirit Competition (Inglaterra) e Vinus 2018 (Argentina). No topo do ranking de produtos da Cooperativa Vinícola Garibaldi mais premiados neste ano até o momento – somando medalhas, menções honrosas e outros títulos – estão os espumantes Garibaldi Moscatel (13), Garibaldi Prosecco (12) e Garibaldi Chardonnay (9).

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

Em 2018, a Cooperativa Vinícola Garibaldi celebra a passagem de seu 87º aniversário, festejando a concretização de mais um ano em sua história – que começou a ser escrita pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época. Atualmente, congrega 400 famílias associadas, distribuídas em 15 municípios da Serra gaúcha. Seu portfólio tem 70 produtos distribuídos em 12 marcas, entre vinhos tintos e brancos, espumantes de diversas variedades, linhas de exportação, frisantes, filtrados, sucos de uva e opções orgânicas.

Cooperativa Vinícola Garibaldi é case em congresso internacional de cooperativismo

Destaque foi para o aumento na venda de espumantes, investimentos, premiações e ações ligadas a comunidade e associados

Qualificação, investimento, posicionamento no mercado, crescimento nas vendas e destaque em concursos internacionais são algumas das engrenagens que impulsionam a Cooperativa Vinícola Garibaldi na última década. Por isso, a marca de Garibaldi (RS) foi apresentada como case de sucesso no 1º Congresso Internacional de Cooperativismo Agroindustrial, realizado nos dias 10 e 11 de setembro, em Buenos Aires. O evento realizado pela Confederação Intercooperativa Agropecuária (Coninagro) reuniu participantes da Argentina, Espanha, França, República Checa, Chile, e Brasil.

JAB_1671

Em solo argentino, o presidente da Cooperativa, Oscar Ló, apresentou a trajetória e os fatores que contribuem para o bom momento da vinícola – desde ações ligadas a associados, comunidade e funcionários até investimentos no parque fabril. “Até o ano 2000, desenvolvemos muitos produtos de baixo valor agregado, a granel, mas já em 2003 nosso foco principal passou a ser agregar valor. Para isso, investimos em qualidade do vinhedo ao envase”, afirmou. Os títulos conquistados pela marca comprovam que as estratégias para agregar valor estão dando certo: são mais de 200 medalhas nos últimos cinco anos somente para espumantes – destaque para o título de “Melhor Espumante do Cone Sul” concedido ao Garibaldi Moscatel no concurso chileno Catad’Or Wine Awards.

JAB_1095

Brinde aos bons resultados

No primeiro semestre deste ano, a cooperativa cresceu 12,5% em relação ao mesmo período do ano passado. É um forte indicativo de que a meta de faturamento para 2018 será atingida, estipulada em R$ 150 milhões. Só em espumante, o aumento nas vendas no primeiro semestre foi de 50%, enquanto o do segmento ficou em 9,75%, na comparação com igual período de 2017. A expectativa é ultrapassar a produção de 2,5 milhões de garrafas da bebida neste ano.

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

Em 2018, a Cooperativa Vinícola Garibaldi celebra a passagem de seu 87º aniversário, festejando a concretização de mais um ano em sua história – que começou a ser escrita pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época. Atualmente, congrega 400 famílias associadas, distribuídas em 15 municípios da Serra gaúcha. Seu portfólio tem cerca de 70 produtos distribuídos em 12 marcas, entre vinhos tintos e brancos, espumantes de diversas variedades, linhas de exportação, frisantes, filtrados, sucos de uva e opções orgânicas.

 Texto: Exata Comunicação

Foto: Ass. de imprensa da Coninagro

Cooperativa Vinícola Garibaldi conquista sete medalhas em concurso na Argentina

Duas delas foram de Duplo Ouro, atestando excelência dos rótulos na avaliação

A Cooperativa Vinícola Garibaldi teve a qualidade de seus rótulos consagrada no 15º Concurso Internacional de Vinos y Licores “Vinus 2018”: arrematou sete medalhas – duas delas Duplo Ouro, produtos que conquistaram nota acima de 93 pontos. Realizado em Mendoza, na Argentina, entre os dias 9 e 10 de agosto, o concurso recebeu mais de 450 amostras de 17 países.

Seu grande diferencial está no sistema de avaliação das bebidas: às cegas, cerca de 50 jurados sabem apenas o ano e a faixa de preço de cada vinho. Assim, eles fazem as degustações pelo sistema de virtudes de cada produto, seguindo a relação preço x qualidade – o resultado, portanto, assemelha-se à opinião de consumidores e pontuações normalmente conferidas a críticos e revistas especializadas.

CAF_6905

O desempenho dos espumantes da Cooperativa no Vinus 2018 ficou assim: duas medalhas Duplo Ouro (Garibaldi Moscatel e Garibaldi Prosecco); quatro medalhas de Ouro (Garibaldi Chardonnay, Garibaldi Moscatel Rosé, Garibaldi Vero Demi-Sec e Garibaldi Vero Brut Rosé) e uma medalha de Prata (Garibaldi Pinot Noir).

Melhor espumante do Cone Sul

Outro momento importante para a marca em 2018 é o título de Melhor Espumante do Cone Sul, outorga concedida pelo júri do importante concurso chileno Catad’Or Wine Awards para o Garibaldi Moscatel. Por lá, o resultado também inclui medalha Gran Ouro para o Garibaldi Moscatel e medalha de Ouro para o espumante Garibaldi Prosecco.

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

Em 2018, a Cooperativa Vinícola Garibaldi ergue as taças para comemorar a passagem de seu 87º aniversário, celebrando a concretização de mais um ano em sua história – que começou a ser escrita pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época. Atualmente, congrega 400 famílias associadas, distribuídas em 15 municípios da Serra gaúcha. Na safra deste ano, os produtores entregaram à vinícola cerca de 20 milhões de quilos de uva.

Foto: Cassius André Fanti

Cooperativa Vinícola Garibaldi apresenta Vero Demi-Sec Rosé

Jovem e versátil, espumante é elaborado pelo método Charmat com uvas Cabernet Sauvignon e Merlot

 A Cooperativa Vinícola Garibaldi traz novidades borbulhantes ao apresentar o espumante Garibaldi Vero Demi-sec Rosé. O rótulo chega ao varejo neste mês com a promessa de conquistar os paladares pelo equilíbrio de sabores em sua composição. Elaborada com uvas Cabernet Sauvignon e Merlot pelo método Charmat, a bebida se destaca por sua jovialidade, refrescância e notas aromáticas frutadas – versátil e perfeita para ser apreciada desde o happy hour até a sobremesa.

“Essa bebida funciona muito bem para quem aprecia espumantes um pouco mais adocicados do que Brut, porém mais consistentes que o moscatel. O novo Garibaldi Vero Demi-sec Rosé tem ótimo equilíbrio entre açúcar e acidez, além de aromas frutados e levemente cítricos”, explica o enólogo Ricardo Morari.

Lançamento Cooperativa Garibaldi Vero Demi Sec Rose

Outra característica marcante do espumante é a versatilidade nas harmonizações, pois combina tanto com pratos que levam condimentos agridoces quanto com sobremesas – especialmente frutas secas, canapés, queijos, bolos e mousses. O lançamento na linha Vero atende à crescente demanda por espumantes rosés, variedade que vem não só despertando a curiosidade entre os apreciadores dos produtos vitivinícolas, mas também conquistando sua preferência. Nos últimos três anos, a produção de espumantes rosés cresceu cinco vezes e hoje representa 30% de todos os espumantes elaborados pela cooperativa

 Características

Método: Charmat

Visual: coloração vermelho cereja, aspecto brilhante e boa formação de perlage.

Olfato: aromas que lembrar notas de morango, mamão papaia e frutas cítricas.

Paladar: suave, cremoso e refrescante.

Harmonizações sugeridas: frutas frescas, bolos, mousses, canapés, queijos, frios e patês.

 Crédito da imagem: Divulgação Cooperativa Garibaldi

Garibaldi Experience, nova atração da Cooperativa Vinícola Garibaldi

Vinhos, espumantes e chocolates combinam sabores no Garibaldi Experience, nova atração da Cooperativa Vinícola Garibaldi

Harmonização temática no Complexo enoturístico da vinícola convida para uma experiência sensorial ousada

 Três dos sabores que melhor representam a Serra gaúcha protagonizam a nova experiência que a Cooperativa Vinícola Garibaldi oferece aos visitantes em seu varejo a partir de junho. Vinhos, espumantes e trufas de chocolates combinados em perfeita harmonia são a receita para surpreender o paladar de quem se aventurar por essa deliciosa novidade: a Garibaldi Experience.

As degustações harmonizadas trazem bebidas derivadas da uva e trufas artesanais. A experiência ousada inclui três espumantes e dois vinhos, cada qual combinado a uma variedade do doce, feito à base de chocolate e com recheios saborizados. Essa composição foi elaborada com o auxílio da enóloga Maria Amélia, da Vinho & Arte. Com anos de experiência no segmento, ela acredita que a nova atração tornará o roteiro dos enoturistas ainda mais completo e inesquecível. “Já trabalhamos com vinhos e espumantes há muitos anos e agora desenvolvemos esse projeto que une três elementos comuns no imaginário de quem visita a Serra gaúcha: vinho, espumante e chocolate. É uma proposta diferente para o inverno, convidativa para que as pessoas provem esse universo de sabores”, comenta.

Garibaldi Experience - Barbara Salvatti

 Como é a degustação harmonizada

A nova experiência da Cooperativa Vinícola Garibaldi é um convite ousado. “O vinho é uma bebida intensa e complexa, com os fatores de paladar e aromas bem marcantes. Já o chocolate tem uma mega intensidade. No caso dos espumantes, o desafio aumenta por conta da sutileza da bebida, contraposta às propriedades de gorduras e açúcar do doce derivado do cacau – um só pedacinho pode sufocar os atributos gustativos do líquido borbulhante. A parceria entre os três pode até não ser muito técnica, mas é uma combinação empírica, passional”, pondera Maria Amélia.

O programa é composto por três espumantes, dois vinhos e cinco sabores de trufas, apresentando algumas das possibilidades de degustação resultante da combinação entre eles. Conheça as sequências sugeridas:

1ª sugestão: Vinho Chardonnay e Trufa de maracujá

A combinação ressalta o cítrico e acidez do vinho, que traz algumas notas desta fruta em seu aroma, balanceando com a doçura do chocolate, proporcionando uma sensação muito agradável.

2ª sugestão: Espumante Prosecco e Trufa de laranja

Uma brincadeira que remete ao Spritz, drink famoso da região do Vêneto, que combina Prosecco, Laranja e Aperol. A sensação refrescante vem da combinação surpreendente com toques agridoces.

3ª sugestão: Espumante Rosé Pinot Noir e Trufa de cereja

Essa combinação traz uma releitura do lugar comum das frutas vermelhas, ou seja: o sensorial do morango contraposto ao espumante. Como um drink, remete Kir Royal, com suas notas que lembram ao cassis.

4ª sugestão: Vinho Merlot e trufa de chocolate meio amargo

Essa proposta ressalta as propriedades do cacau, matéria-prima do chocolate, e suas características de aromas – destacados pela combinação com os taninos do vinho.

5ª sugestão: Espumante Moscatel e Trufa champagne

Essa trufa tem uma combinação poderosa: chocolates branco e preto, com toque de espumante da própria cooperativa. Sua combinação aposta no equilíbrio de sabores para ressaltar o uso criativo do Moscatel como sobremesa.

O encontro, com cerca de 45 minutos de duração, mescla momentos teóricos e práticos para que os participantes aprendam a explorar os sentidos e potencializar as sensações despertadas pela combinação de vinhos e chocolates. As sessões são realizadas para grupos com pré-agendamento, que pode ser feito pelo fone e whatsapp em (54) 3464.8104 ou pelo e-mail [email protected]

SERVIÇO

O quê: Degustação harmonizada de vinhos, espumantes e chocolates

Onde: Cooperativa Vinícola Garibaldi (av. Independência, 845 – Garibaldi/RS)

Horário: de segunda-feira a sábado, das 9h às 17h; nos domingos e feriados, das 10h às 15h

Duração: 45 minutos

Quanto: R$ 30,00 por pessoa.

Informações e agendamento: (54) 3464.8104 | [email protected]

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

Em 2018, a Cooperativa Vinícola Garibaldi ergue as taças para comemorar a passagem de seu 87º aniversário. Além de celebrar a concretização de mais um ano em sua história – que começou a ser escrita pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época –, festeja os números positivos que encabeçam o balanço do exercício de 2017. Graças a um trabalho sólido de planejamento e investimentos, a Cooperativa viu seu faturamento aumentar mais de 10% no comparativo com 2016, batendo na casa dos R$ 134 milhões.

 Foto: Barbara Salvatti/Exata Comunicação

Cooperativa Vinícola Garibaldi amplia previsão de investimentos para R$ 7,5 mi em 2018

Montante será aplicado em melhorias no parque fabril, aumentando a capacidade produtiva

 Depois de cravar um faturamento de R$ 134 milhões em 2017 – valor 10% maior do que o registrado em 2016 –, a Cooperativa Vinícola Garibaldi impressiona mais uma vez ao rever sua previsão de investimentos para esse ano: serão cerca de R$ 7,5 milhões aplicados em melhorias estruturais no setor produtivo ao longo de 2018. O montante é praticamente o dobro do inicialmente previsto para ser aportado na vinícola nesse período.

 Tamanho otimismo tem uma justificativa bastante forte: a necessidade de aumentar a capacidade produtiva da vinícola para atender à crescente demanda dos consumidores pelos espumantes da marca. A comercialização dos rótulos da Garibaldi cresceu 37% em 2017. “Tivemos um evidente ganho de mercado no segmento de espumantes, o que antecipou a consolidação de uma das diretrizes do planejamento da Cooperativa Vinícola Garibaldi: investir na ampliação do recebimento de uvas brancas, apostando na consolidação desse filão como carro-chefe da marca”, explica o presidente Oscar Ló.

 Os investimentos confirmados para 2018 permitirão aumentar a capacidade produtiva em cerca de 20%.  Estão programadas as compras de equipamentos para modernizar o setor produtivo, agregando mais agilidade e eficiência aos processos. Já no segundo semestre deste ano, a vinícola receberá um novo filtro tangencial e dois tanques de pressão. Também haverá a mecanização de uma linha de produção, automatizando desde o recebimento da uva entregue pelo produtor até a expedição das garrafas destinadas ao mercado.

 Filtração

Outro investimento nos planos da Cooperativa é a qualificação dos colaboradores, para que consigam acompanhar as evoluções tecnológicas implantadas no parque produtivo e contribuam com o desafio de agregar resultados ainda melhores ao processo. Atualmente, a vinícola emprega 180 profissionais – quadro que deve apresentar crescimento ao longo do ano. Além desses colaboradores internos, a Cooperativa Garibaldi congrega 400 famílias associadas, distribuídas em 15 municípios da Serra gaúcha. Na safra deste ano, os produtores entregaram à vinícola cerca de 20 milhões de quilos de uva.

Foto: Cassius Fanti