Posts

Outubro Rosa entra no calendário oficial de Bento Gonçalves

Projeto do vereador Elvio de Lima foi aprovado por unanimidade na Câmara, dia 04

 A luta contra o câncer ganhou um importante aliado em Bento Gonçalves: o reforço na conscientização da comunidade sobre a importância dos cuidados preventivos com a saúde. As ações do ‘Outubro Rosa’ – campanha que promove a disseminação de informações sobre o diagnóstico precoce dos cânceres de mama e de colo uterino e seus tratamentos – foram inclusas no calendário oficial do município. O projeto de Lei é de autoria do vereador Elvio de Lima (MDB) e foi aprovado por unanimidade na sessão do dia 04 de junho, na Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves. “Essa medida tem um grande valor para a sociedade pois coloca em pauta um tema de fundamental importância. Quando chamamos a atenção para a disseminação de informações e orientações, estamos promovendo um serviço de saúde pública e contribuindo para o bem-estar das pessoas”, avalia o parlamentar.

A proposição de Elvio de Lima acresce na Lei Municipal nº 5.381, que dispõe sobre o Calendário Oficial de Datas Comemorativas do Município de Bento Gonçalves, o ‘Outubro Rosa’ e suas atividades, durante todo o mês, na agenda local. O movimento, que ocorre em diversas partes do mundo, é simbolizado pelo uso de um laço rosa – em sinal de alerta sobre o tema – e vem acompanhado de uma série de ações educativas, como palestras, debates, passeatas e outros tipos de orientação.

O objetivo é mostrar às pessoas a relevância da realização de exames visando o diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo uterino. Os encontros também são oportunidade para estimular a população a adotar hábitos de vida mais saudáveis – uma das formas conhecidas para evitar a ocorrência das doenças cancerígenas.

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, e o segundo tipo mais frequente no mundo, conforme dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer). Quando diagnosticado com antecedência e tratado oportunamente, apresenta chances de cura bastante altas. Entretanto, no Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas – muito provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estágios avançados.

 Elvio De Lima

Foto: divulgação

Simpósio do Câncer de Mama é realizado em Bento no próximo dia 23

O Hospital Tacchini, em parceria com o Instituto do Câncer e Instituto Tacchini de Pesquisa em Saúde, realiza em Bento Gonçalves o Simpósio do Câncer de Mama no próximo dia 23 de maio. O evento ocorrerá no Dall’Onder Grande Hotel, no salão Chardonnay, a partir das 18 horas.

Design sem nome (2)O encontro apresentará o cenário do câncer de mama na região nordeste do estado, com base no registro de atendimentos prestados pelo Instituto do Câncer. Na ocasião, ações serão discutidas entre os profissionais da saúde para ampliar a prevenção, detecção e tratamento precoce da doença.

Programação: 

18 horas: Recepção e entrega do material informativo

18h 3omin: Apresentação da UNACOM Bento Gonçalves, do Instituto do Câncer do Hospital Tacchini, seguida por Dro Fernando Mariano Obst – Diretor do Instituto do Câncer do Hospital Tacchini.

18h 45min: Atualização em Câncer de Mama, com o Dro Felipe Werges, mastologista
Chefe do Serviço de Mastologia do Sistema de saúde Mãe de Deus e professor adjunto da PUC-RS.

19h 45min:  Debate

20h30min: Jantar

Mulheres com câncer tornam-se personagens do mundo fantasy em Mostra Fotográfica

Mulheres que venceram o câncer fazem parte de um mundo mágico no ensaio fotográfico realizado pelo projeto Borboletas da Rede do Bem. A mostra está exposta na Fundação Casa das Artes até o dia 31 de março. As visitações ocorrem nos horários das 8h às 11h45min e 13h30min às 17h45min.

16602642_1439603779418066_5702952855082877529_nCada uma das nove mulheres participantes, entre 20 e 88 anos, se tornarem fadas, magas, anjas, guerreiras e índias, personagens que tivessem semelhanças com cada uma das modelos.  Participaram das fotos Angela Bissolotti, Jaqueline Borile Fávero, Aline dos Santos, Rachel Casagrande, Salete De Toni, Liziane Firmini, Simone Dias Jannke, Sheila Caron Matevi e Nona Maria Putton. “A experiência de estar viva para fazer parte deste projeto me enche de amor e gratidão”, agradece Aline dos Santos, 39 anos.

O nome da Mostra Borboletas foi isnspirada na frase de Rubem Alves “Não haverá borboletas se a vida não passar por longas e silenciosas metamorfoses” e buscou retratar a beleza das metamorfoses na vida das modelos. Segundo Eliana Passarin, fotógrafa do projeto, “as mulheres quando foram convidadas encantaram-se com a proposta, pois era algo alegre, com estética feliz, longe do culto apenas da doença e com cunho solidário.”

16708258_1439603836084727_3556829724361868909_nO projeto foi desenvolvido pela fotógrafa Eliana Passarin, com o apoio da maquiadora Letícia Gowaski, do design Alexandre Pillotti, apresentação da jornalista Rosane Marchetti e do ator João Signorelli.

Rede do Bem

A Rede do Bem é coordenada por Salete De Toni e não é ligada a nenhuma ONG ou instituição. São voluntários que arrecadam recursos por meio da venda de cartões postais do projeto e de camisetas. A renda é doada para mulheres que estão passando pela doença e em situação de vulnerabilidade social.