Posts

Corsan destina R$ 27 milhões no tratamento de água e esgoto em Bento Gonçalves

O governo do Estado, através da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), está investindo mais de R$ 27 milhões em obras de ampliação dos sistemas de abastecimento de água e de tratamento de esgoto no município de Bento Gonçalves.  Na área de esgotamento sanitário, estão sendo investidos R$ 9,2 milhões na construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Barracão, localizada no bairro Cruzeiro, às margens da ERS-444. O recurso foi obtido através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 1).

DCIM100MEDIADJI_0049.JPG

A ETE Barracão irá tratar demanda de esgoto cloacal de 40 l/s, atendendo aproximadamente 16.650 habitantes dos bairros Santa Marta, Santo Antão, Santa Helena, Barracão, Imigrante e Fenavinho. Essa será a primeira estação de tratamento de esgoto do município. A ETE terá um modelo construtivo diferenciado, pois será pré-fabricada, sendo a primeira desse modelo construída pela Corsan no estado. A estrutura de aço, fabricada fora e montada no local, tem um prazo menor de construção comparado ao modelo de concreto convencional.

Na última semana, a empresa responsável pela obra iniciou os trabalhos de limpeza e terraplanagem do local. Após a conclusão da obra e o início das operações, a Corsan prevê o tratamento de 30% do esgoto no município. Também foram implantadas 23 mil metros de redes coletoras e emissários, assim como o acréscimo de 1.145 unidades de caixas de calçada, em um investimento de R$ 13,5 milhões. Só na área do sistema de esgotamento sanitário, a Corsan está investindo mais de R$ 22 milhões no município.

Bento Gonçalves também recebeu R$ 4,6 milhões para a execução das obras da Estação Elevatória de Água Bruta, câmara de manobras e subestações transformadoras. A obra, em fase de conclusão, vai garantir a operação contínua do recalque de água bruta para a estação de tratamento de água da cidade.

Crédito Texto e Foto: Jean P. H. Maidana/ASCOM SOP

Comunicado de Garibaldi – Meio Ambiente pede atenção ao consumo

A Prefeitura de Garibaldi, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, solicita à população que dê atenção especial à redução de resíduos e que haja consciência no consumo de água neste momento.

Devido à paralisação dos profissionais dos transportes rodoviários, a empresa Biasotto, que realiza a coleta e destinação dos resíduos sólidos domiciliares de Garibaldi, não está conseguindo acessar alguns pontos do município.

Além disso, a empresa comunicou nesta terça-feira, dia 29, que os depósitos da mesma ultrapassaram 80% de sua capacidade, uma vez que o transporte dos resíduos ao destino final está impossibilitado.

Na última semana, a Corsan comunicou que a unidade de Garibaldi conta com insumos para o tratamento da água para até o final do mês, podendo se estender até o final desta semana.

Por isso, o secretário de Meio Ambiente, Arnaldo Seganfredo, reforça o pedido de consciência no consumo de água e no descarte de itens. “Sabemos que o feriadão é um momento em que as pessoas costumam fazer faxina, mas pedimos encarecidamente que economizem água e aguardem para descartar seus resíduos”.

Moradores do interior de Bento Gonçalves serão atendidos com a ligação de água potável na linha Zemith

Na noite da última terça-feira, 3, no Vale dos Vinhedos, a Administração Municipal, representantes da Corsan e o Vereador Volnei Christofoli anunciaram aos moradores da linha Zemith, que serão iniciadas as obras para a ligação da rede de água potável às famílias. Uma reivindicação durava mais de 30 anos.  “ Estivemos mobilizados, unindo forças com os moradores, equipe da Corsan e com o Prefeito Pasin buscando a liberação dessa rede de água. Serão quatro mil e duzentos metros neste momento, mas continuaremos lutando para atender as famílias do interior de nosso município. “ afirma o Vereador Volnei Christofoli.

índice
Fotos créditos Ana Paula Bruscato

No Dia Mundial da Água, é hora de economizar o líquido mais precioso do planeta

Informações: MSLGROUP ANDREOLI

Já parou para pensar na quantidade de água e energia que você consome todos os dias? Na hora do banho, de usar o aspirador ou mesmo no momento de lavar a louça, é muito importante poupar recursos naturais – e ainda dá para economizar dinheiro fazendo isso.

Nas últimas décadas o consumo de água cresceu duas vezes mais do que a população e a estimativa é que a demanda cresça 55% até 2050. Se continuarmos esbanjando, em 2030 o mundo enfrentará um déficit no abastecimento de água de 40%. Ou seja, precisamos economizar mesmo!

O mesmo vale para o consumo de energia. Estima-se que daqui a trinta anos a população passe de sete para mais de nove bilhões de pessoas. Serão necessários quase três planetas Terra para manter o atual estilo de vida da humanidade. Não queremos que isso aconteça, certo? Por isso, para economizar água, energia e dinheiro, separamos dicas eficientes e que você pode adotar agora mesmo.

1. Não lave mais louça
Não estamos dizendo que você precisa deixar a louça suja na pia para sempre, mas comprar uma lava-louças é a melhor opção. Sabia que para cada copo que sujamos, são necessários mais dois copos de água limpa para lavá-lo? Em quinze minutos de torneira aberta na pia gastam-se em média 90 litros de água. Na lava-louças, a economia pode chegar a 27 mil litros em um ano, o que vale a 55 caixas d’água de 500 litros!

2. Peneirando o chuveiro
Uma opção barata e fácil, os arejadores, também chamados de “peneirinhas”, misturam ar à água dando a sensação de maior volume. A eficiência é a mesma, mas os respingos que levam ao desperdício serão menores. E ele pode ser implantado na pia também. A peça custa cerca de R$ 60 e você nem precisa chamar o encanador – basta rosquear os arejadores nos bicos das torneiras e chuveiros e pronto. Fácil!

3. Sem desperdício
Já pensou em reutilizar a água da pia do banheiro na descarga? A pia fica acoplada ao vaso sanitário, e toda a água utilizada nela é direcionada à descarga. Isso proporciona uma economia de até 70% da água usada no banheiro.

4. “Lavar roupa todo dia”. Só que não
Uma lavadora de cinco quilos consome 135 litros de água a cada uso. Acumule roupas da semana para lavar de uma só vez e, se for possível, reuse aquela blusinha de segunda, que continua limpa, na sexta. Lavar roupas sem necessidade é bobagem!

5. Em modo “stand by
Você sabia que os aparelhos domésticos ficam em stand by e gastam energia mesmo nessa função? Não adianta só desligar os aparelhos no comando, é preciso tirá-los da tomada também. Isso pode acontecer com TVs, computadores, carregadores de celular, equipamento de canal a cabo e etc.

6. Na dança do balde
Enquanto você está encolhido no canto do box esperando a água do chuveiro esquentar, prepare um balde para receber a água fria. Você pode reutilizá-la para lavar as roupas, o quintal, o carro etc. No final do dia, você poupou mais de 8 litros de água! Você também pode captar água enquanto toma banho. É só colocar uma bacia sob os seus pés.

7. Aproveitando a piscina ao máximo
Você pode reutilizar a água da piscina de montar para regar os jardins quando não for mais usá-la! Verifique se o nível de cloro não está alto para as plantas, pois isso pode matá-las. Você provavelmente não vai utilizar toda a água de uma piscina de 10 litros, por exemplo, então dividi um pouquinho com o seu vizinho não terá problema nenhum e fará com que todos saiam felizes: você, seu bolso, a água e as plantinhas.