Posts

Prefeitura firma convênio de acesso ao Sistema de Consultas Integradas

A Prefeitura de Bento Gonçalves firmou convênio com a Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP) referente ao acesso ao banco de dados do Sistema Consultas Integradas. O termo de cooperação que viabiliza a iniciativa foi assinado nesta quinta-feira, 28, pelo prefeito Guilherme Pasin e o secretário Estadual, Cézar Schirmer. O vice-prefeito, Aido Bertuol, o secretário Municipal de Segurança, José Paulo Marinho, e de Governo, Diogo Segabinazzi Siqueira, participaram do ato.  A ação faz parte do Sistema de Segurança Integrada com os Municípios (SIM).

Os convênios têm como objetivo estruturar as atividades de segurança desenvolvidas em âmbito municipal e proporcionar a ampliação da base de pesquisa dos órgãos estaduais, fundamental para os trabalhos das forças policiais.

divulgacao

 Para Schirmer, a medida é fundamental para qualificar o trabalho das prefeituras no combate à criminalidade. “Hoje, vivemos um contexto em que a informação é uma das principais armas que dispomos no enfrentamento ao crime. Sendo assim, a possibilidade de disponibilizarmos aos servidores um escopo cada vez maior de dados se torna um diferencial”, disse.

 O prefeito Guilherme Pasin destacou que é imprescindível a união de esforços entre todas as instituições. “Esse sistema irá proporcionar mais efetividade e agilidade no trabalho realizado. Essa união de esforços em prol da segurança, é um beneficio para o cidadão”, afirmou.

 O termo de cooperação possui política de proteção aos dados, de ambas as partes, e prevê que não haja repasse de recursos financeiros na sua operacionalização – cada órgão deverá utilizar a estrutura já disponível. Após a formalização dos convênios, haverá um período de 90 dias de adaptação, para que cada Prefeitura possa dimensionar os recursos humanos e materiais necessários.

Em contrapartida, será disponibilizado o acesso da SSP ao Sistema de Dados do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e do Cadastro de Alvarás, bem como outras informações de interesse da secretaria. O convênio tem duração de 60 meses, com possibilidade de renovação.

Como funciona o sistema

– Criado em 2004 para fins de investigação, o programa permite que policiais e autoridades, mediante senha, consultem bancos de dados de diversos órgãos, como Detran, Departamento de Identificação e Justiça.

– Podem ser consultados endereços, nomes dos pais, fotos, se a pessoa se envolveu em ocorrência criminal, inquéritos policiais e processos judiciais, se já esteve presa, se é foragida, se tem carro ou arma, entre outras coisas.

Administração Municipal presta homenagem a Policiais Militares

Agentes participaram da captura dos assaltantes envolvidos no ataque ao carro-forte da empresa Brinks

 Na tarde desta terça-feira, 3, na Via Del Vino, a Administração Municipal prestou homenagem aos Policiais Militares, que participaram da ação de captura dos assaltantes envolvidos no ataque ao carro-forte da empresa Brinks, no dia seis de fevereiro.

 O fato ocorreu no quilômetro 198 da BR-470, no fim da manhã, quando bandidos fortemente armados atacaram um carro-forte da empresa de transporte de valores, que percorria o trajeto Bento Gonçalves/Veranópolis.

 Com munição antiaérea, como uma metralhadora calibre 50, oito bandidos utilizaram um caminhão e dois veículos para provocar o ataque. Após a investida, se embrenharam na mata. Não bastasse esta ação, após a fuga, uma família foi mantida refém em Monte Belo do Sul. Foram vários dias de buscas, que resultaram na prisão de cinco meliantes.

IMG_5714

 Participaram da operação 103 agentes de segurança, da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Civil e Brigada Militar, que também contou com o apoio de um helicóptero.

LEIA TAMBÉM: Projeto Transformando Vidas dá início às atividades da 5ª edição

 Durante a homenagem, o secretário Municipal de Segurança de Bento Gonçalves, tenente-coronel José Paulo Marinho destacou: “É o reconhecimento do Poder Público Municipal aqueles homens e mulheres que fazem parte dos órgãos de Segurança Pública Federal e Estadual, que todos os dias arriscam suas vidas para manter a paz social a ordem pública e a segurança da comunidade.”

 “Este momento de reconhecimento público no coração de Bento Gonçalves pode parecer simples, mas para nós é significativo. É um momento de apontarmos nossos heróis. Muito obrigado por tudo que fizeram por Bento Gonçalves, é um orgulho contar com cada um de vocês, juntos estaremos construindo uma cidade muito melhor para se viver, enfatizou o prefeito Guilherme Pasin.

 Durante a solenidade, o chefe da Polícia Rodoviária Federal, Lucas Martins, o comandante do 3º BPAT, tenente-coronel Glauco Alexandre Braga, comandante do 3º BRBM, major Rovani da Costa Silveira e o delegado da DPPA, Arthur Hermes Reguse falaram em nome de seus grupos e agradeceram a homenagem e o reconhecimento do Poder Público ao trabalho desenvolvido em meio às dificuldades enfrentadas.

Foto: José Martim Estefanon

Doações da comunidade ao Consepro de Bento Gonçalves crescem mais de 200% em 2017

Em um complexo exercício de solidariedade, as contribuições de pessoas físicas e pessoas jurídicas realizadas no ano passado  ao Consepro (Conselho Municipal de Segurança Pública), registraram um impressionante crescimento de quase 206% em relação a 2016. Os números fazem parte do relatório financeiro de 2017, divulgado pelo órgão nesta semana. Os recursos arrecadados foram destinados a Brigada Militar, a Polícia Civil, Justiça Restaurativa e na execução das ações do Conselho.

Presidente do Consepro em 2018, Laercio Pompermayer

Cada Real adicionando ao montante ajuda a fortalecer os organismos de repreensão ao crime em Bento Gonçalves. Mais do que esperança, empresas e moradores depositaram nos cofres do Consepro R$ 470.021,88 – em 2016, as contribuições foram de R$ 153.605,03. Essa foi a maior fonte de recursos da entidade, respondendo por 44,2% do montante da receita total de R$ 1.062.648,87. “O que temos a dizer à comunidade é muito obrigado. É ela que tem viabilizado boa parte das melhorias que estão sendo implantadas e que ajudam a manter serviços com mais qualidade”, diz o presidente do Consepro, Laércio Pompermayer. Em contrapartida à evolução dos recursos doados por empresas e moradores, o auxílio advindo da prefeitura caiu quase 28%, passando de R$ 417.747,01 em 2016 para R$ 301.000,86 no ano passado.

LEIA TAMBÉM: AEARV doa alimentos à Secretaria de Assistência Social

Do total da receita, o Consepro aplicou R$ 890.470,07 nas forças de segurança da cidade. A Brigada Militar ficou com a maior parte dos recursos, com R$ 566.484,28 – ou seja, 63% do total. Com a verba, entre outras aquisições, o Consepro doou três veículos de grande porte – Kia Sorento –, concluiu o Centro Integrado de Operações – monitoramento por câmeras da cidade – e entregou uniformes e equipamentos de segurança.

A Polícia Civil recebeu R$ 103.224,37, fatiando de forma quase equânime os recursos entre os 1º e 2º Distritos Policiais, a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento e a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher. No Consepro, foram investidos R$ 146.501,42 e na Justiça Restaurativa, R$ 3.853,00.

SAIBA MAIS: Fisioterapia e videogame são aliados no tratamento de pacientes

Com números positivos e assertividade em suas campanhas, o Consepro segue apostando na conscientização como instrumento eficaz na soma de novos doadores para a segurança pública. Na última quarta-feira, a entidade ofereceu um café da manhã aos colaboradores da agência Centro do Banrisul para explicitar a causa e solicitar apoio na busca por arrecadações do Posto de Identificação. Como a taxa é quitada no banco, a ideia é que a colaboração espontânea seja oferecida aos clientes no momento do pagamento da identidade. No ano passado, quase R$ 78 mil aportaram ao Consepro via Posto de Identificação.

VEJA TAMBÉM: Hospital Tacchini repagina Centro Obstétrico