Posts

Serra Gaúcha recebe palestras sobre a importância da mudança do mindset no mercado de trabalho

Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Canela foram as cidades serranas que receberam palestras do XVI Ciclo de Debates de Administração do RS (CIDEAD 2018) na última semana de setembro deste ano. Com a temática central “Administração no Ecossistema de Inovação”, o evento lotou auditórios na região serrana do Estado, levando conhecimento aos estudantes, profissionais e comunidade como um todo.

Noite de resgate do passado e debates sobre o futuro da Administração resumiu a edição de Caxias do Sul, realizada nesta quarta-feira (26/09), no Teatro da UCS – Universidade de Caxias do Sul. O encontro evento reuniu mais de 400 participantes, que, além dos conhecimentos sobre ambientes de inovação, tiveram a oportunidade de prestigiar as homenagens aos 50 anos do curso de Administração da UCS.

 A Adm. Claudia Abreu, presidente do CRA-RS, destacou a importância da conscientização dos profissionais para o registro profissional. “O CRA-RS tem papel de fiscalização, regulamentação e ética profissional. Com o registro do CRA-RS, o bacharel passa a ter uma profissão regulamentada com código de ética”, disse ela, ao parabenizar a UCS pelos 50 anos do curso. “A UCS é a universidade que mais registra alunos no CRA-RS”, enalteceu. O reitor da Universidade, Evaldo Antonio Kuiava, falou sobre a contribuição do curso para a comunidade da região e importância da atuação da instituição dentro dos ambientes de inovação. “O momento é de recordar o que somos e cultivar e semear com inovação em direção ao futuro”, disse ele. O coordenador do curso de Administração da UCS, Adm. Marco Aurélio Bertolazzi resgatou a trajetória da instituição no campo das Ciências da Administração, cuja primeira turma colou grau em dezembro de 1971. “É um curso feito de histórias e da relação entre todos os seus públicos”, ressaltou.

 O presidente do Sindaergs, Adm.  João Alberto Araújo Fernandes falou em gratidão e união ao homenagear a UCS. “Sem união das entidades e de todos os profissionais das áreas da Administração não chegamos a lugar nenhum”, disse. Para o presidente da AANERGS, Adm. Enir José Alves da Silva, um curso se faz forte, há 50 anos, com a parceria de todos. As entidades homenagearam a universidade com placas. Também recebeu uma placa o primeiro acadêmico a se matricular na primeira turma de Administração da UCS, João Alberto de Conto.

 Em Bento Gonçalves não foi diferente. Na noite desta quinta-feira (27/09), mais uma palestra do XVI CIDEAD lotou o auditório da FTEC Bento Gonçalves para discutir o tema. O vice-presidente de Fiscalização e Registro do CRA-RS, Adm. Bruno José Ely que, na oportunidade, esteve representando a presidente do Conselho, Adm. Claudia, destacou a importância da formação profissional de qualidade. “E é isso que as instituições estão fazendo trazendo o XVI CIDEAD para vocês. Precisamos, juntos, formar profissionais com competência, qualidade e ética”, ressaltou ele, acrescentando que é fundamental sair do discurso e colocar ideias inovadoras em prática. A partir disso, o Adm. Mauro André Dal Pizzol, da FTEC, enalteceu o Ciclo de Debates e lembrou da extrema importância do registro acadêmico, seja como estudante, seja como bacharel. “Isso nos fortalece como acadêmicos e nos faz profissionais”, atentou ele.

 Canela foi cenário de mais um debate na última sexta-feira (28/09) e o tema encheu os participantes de motivação para saírem do linear e partirem para o pensamento exponencial. Na oportunidade, o vice-presidente Administrativo do CRA-RS, Adm. Sérgio José Rauber, destacou a importância do Ciclo no Estado. “É preciso sair do discurso do empreendedorismo e compreender como podemos colocar em prática ideias inovadoras, refletindo também no desenvolvimento da região”, destacou.

ECOSSISTEMAS DE INOVAÇÃO: “Se a gente perder nossa capacidade de se reinventar, vamos sim ser substituídos por um robô”

O Adm. Jefferson Marlon Monticelli, doutor em Administração na área de competitividade e relações interorganizacionais, ministrou a palestra sobre ecossistemas de inovação e o papel fundamental do Administrador nesse contexto. Ele falou em pessoas, tecnologias e cultura ao definir ecossistemas de inovação, ressaltando a chamada hélice tripla: governos, universidades e empresas. “Quando se trabalha juntos, é possível se aproximar da inovação”, enfatizou, listando propostas para os ambientes de inovação brasileiros: sonhar grande, ter, crescimento, comprometimento e reinvestimento. “Precisamos entender que o mundo e nós estamos mudando e, diante disso, é fundamental sair de uma linha linear e partir para o crescimento exponencial, sair do reprodutivo para o produtivo. Os modelos mentais devem ser revistos”, exaltou.

Cinco dicas para ser feliz no trabalho

Você é daqueles que chega aos domingos depressivo porque o dia seguinte é segunda-feira? Você sabia que 64% dos executivos brasileiros estão infelizes no trabalho? Essa foi a constatação de um estudo realizado por Fredy Machado e analisado em seu livro “É possível se reinventar e integrar a vida pessoal e profissional”, do selo Benvirá, da Editora Saraiva. O autor acredita que é possível mudar essa realidade quando as pessoas conseguem definir o propósito de vida e buscam uma integração entre vida pessoal e trabalho.

O estudo foi realizado num universo com mais de 300 profissionais, incluindo atuantes no “C” level das empresas, de 21 estados brasileiros, com 14 países representados e 18 brasileiros expatriados – sendo a maioria homens.

Confira abaixo cinco técnicas para alcançar felicidade profissional e pessoal:

Alinhamento do propósito pessoal

É preciso definir os valores e crenças que orientam sua trajetória para se sentir satisfeito com sua vida pessoal e profissional. Fredy faz um convite à reflexão até encontrar algo que realmente faça sentido e descreva detalhadamente tudo que dá propósito à vida, e propõe – “você pode começar criando uma pequena lista e depois produzir um texto que explique e defina cada item dessa lista. Depois analise o que os elementos têm em comum e determine o seu principal propósito. Conectar-se com você mesmo e ter uma vida integrada é uma tarefa de dedicação plena que demanda tempo”.

Alinhamento do propósito da empresa em que trabalha

Já é cientificamente comprovado que pessoas felizes produzem mais ao realizar seu papel profissional. Segundo um estudo de meta-análise realizado pela Universidade da Califórnia, em Riverside, o trabalhador feliz é, em média, 31% mais produtivo, as vendas são 37% mais elevadas, além disso, a criatividade é três vezes maior do que a de outros colaboradores menos felizes. Fredy destaca que não importa qual a sua posição no mundo corporativo “O principal é saber se o seu propósito de vida está alinhado com o propósito da empresa, pois isso pode ter grande influência no seu bem-estar e na sua felicidade”.

Diagnóstico da sua vida hoje

Faça um diagnóstico claro de como está a sua vida hoje, em todos os níveis: pessoal, profissional, relação com a comunidade. Fredy salienta que “antes de qualquer coisa, faça uma análise sobre todos os aspectos da sua vida atual, levando em conta os seguintes tópicos: boa forma e saúde, carreira, riqueza/dinheiro, crescimento pessoal/espiritual, diversão/recreação, amor, amigos/família, lar, ambiente físico, criatividade e autoexpressão”.

Procure feedback

Um sistema genuíno de feedback pode afetar toda a organização. Procure pessoas que te conheçam bem e peça que sejam 100% sinceras com o que irão falar e alertar: “os empresários e as empresas devem firmar compromissos claros com seus funcionários e serem sempre os mais objetivos possíveis no relacionamento, pois isso cria uma maior reciprocidade e senso de compromisso entre eles”.

Planejamento estratégico para sua vida

Faça um planejamento que envolva tudo no que você estiver inserido e promova uma integração entre seu propósito de vida, desejos, profissão e o que você oferece para sociedade – isto é o que os americanos chamam de “Give back“.

A busca por uma maior integração entre vida pessoal e trabalho é fundamental para o desenvolvimento de qualquer que seja sua atividade.

SOBRE O AUTOR

Fredy Machado (Frederico Augusto Arantes Machado) é um executivo multi-qualificado em gestão de talentos, gestão estratégica, finanças, comunicação e marketing em mercados locais e internacionais.

Senac Bento oferece palestras gratuitas sobre mercado de trabalho  

O Senac Bento Gonçalves promove a palestra O Jovem Aprendiz e o Mercado de Trabalho no dia 7 de maio, às 16h. Quem ministra a atividade – que é um bate-papo para empresários – é a docente Rosângela Jardim. Já no dia 8 de maio, às 19h30, a escola oferece a palestra Educação Profissional como caminho para o mercado de trabalho, que será ministrada pela professora Tatiany Nardino. Ambas acontecem na própria escola, localizada na Rua Saldanha Marinho, 820.

 As atividades são gratuitas e fazem parte da programação da 13ª Feira de Oportunidades, que acontece entre os dias 7 e 12 de maio, nas unidades do Senac-RS. A programação completa da Feira pode ser conferida no site www.senacrs.com.br/fo, no qual também é possível realizar as inscrições. Para participar é necessário fazer a doação de 1kg de alimento não perecível. Mais informações sobre o evento, no Senac Bento Gonçalves, podem ser obtidas pelo telefone (54) 3452-4200.

576584326

576584326