Posts

Câmara nega pedido de abertura de CPI para apurar situação financeira da prefeitura

CâmaraO  Pedido de Abertura da CPI  das  Finanças, de autoria do Vereador Moacir Camerini, para apurar a  situação financeira da prefeitura de Bento Gonçalves, em função dos atrasos nos pagamentos dos servidores, das empresas terceirizadas, estagiários e dos fornecedores, foi negado na sessão ordinária da noite da última quarta-feira (11).

Vereadores que votaram contra:

Amarildo Lucatelli  -PP (Líder de Governo)
José Elvio de Lima – PMDB
Gilmar  Pessuto – PSDB
Gustavo  Sperotto -DEM
Marcos  Barbosa -PRB

Neri  Mazzochin – PP
Paulo  Cavalli – Paco – PTB
Rafael  Pasqualotto – PP
Sidinei da Silva – PPS
Valdemir  Marini- PTB
Eduardo  Virissimo – PP
Volnei  Christofoli – PP
Moises  Scussel  – PSDB

Vereadores que  votaram a favor:

Moacir Camerini- PDT ( autor da proposta)
Agostinho  Petroli – PMDB
Idasir Dos Santos – PMDB
Jocelito  Tonietto  – PDT

Vereador Camerini pede abertura de CPI para avaliar finanças do município

vereador-camerini-00000003O Vereador Moacir Camerini (PDT)  solicitou, nesta quarta-feira (11),  a Mesa Diretora da Câmara, a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito(CPI) para apuração da situação financeira do município de  Bento Gonçalves. Conforme Camerini, o objetivo é analisar os  atrasos da prefeitura nos pagamentos de empresas que prestam serviços terceirizados, estagiários e os fornecedores.  Ainda segundo ele, a CPI também deve esclarecer excesso de gasto da prefeitura com despesa pessoal.  Ele afirma  que  o  Tribunal de Contas (TCE) apurou que o município, em 2015,  ultrapassou  o limite fiscal de 56,07% do orçamento com despesa pessoal.