CONEXÃO PSI: Trabalho igual, Salário igual!

Finalizando o mês dos trabalhadores, gostaríamos de trazer uma reflexão acerca de um tema que envolve a questão de gênero no mundo corporativo, que é a necessidade de se conseguir igualdade de remuneração para homens e mulheres que fazem o mesmo tipo de trabalho, com o mesmo número de horas. No Brasil, e na grande maioria dos países, essa prática ainda impera, sendo uma das formas de discriminação contra as mulheres que precisa ser combatida e eliminada.

Mesmo que, nas últimas décadas, as mulheres tenham marcado presença no mercado de trabalho de forma significativa, sua remuneração continua sendo deficitária, conforme mostra o estudo divulgado pela CNN Brasil, em abril de 2021, indicando que “as mulheres ganham 19% a menos que os homens – no topo, a diferença é de mais de 30%”. O curioso de tudo isso é verificar que essa diferença não se dá pelo fato de “ser mulher”, mas por socialmente serem vistas como “impossibilitadas de se comprometerem full time com os negócios e assumirem cargos de alto nível, ou pior, de um dia estarem “na idade” de ser mãe, justificando o rebaixamento num futuro imprevisível, conforme revela o documentário “Explicando”, da Netflix.

Poder argumentar, discutir e refletir sobre esse assunto é exigir que mulheres melhor preparadas e melhor qualificadas tenham oportunidade de assumirem postos de comando e ganhem igual aos homens nas mesmas condições. É impedir que mulheres sejam enquadradas aos estereótipos de gênero que predominam no mercado de trabalho e que, na maioria das vezes, é segregado em feminino e masculino.

Estes questionamentos são importantes, pois debater algo que é naturalizado em uma sociedade é sempre um passo indispensável para que mudanças efetivas sejam viabilizadas. É muito desafiador propor resoluções para um determinado problema social, quando a sociedade não tem conhecimento do problema ou simplesmente o ignora, com a desculpa de que não podemos fazer nada para mudar.

Dentro dessa temática, cabe destacar os Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs), resultado de uma colaboração entre a Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e Empoderamento das Mulheres (ONU Mulheres) e o Pacto Global das Nações Unidas, que objetivam nortear e delegar o poder às mulheres no ambiente e no mercado de trabalho e na comunidade. Entre eles destacam-se:

● Liderança; 

● Igualdade de oportunidade, inclusão e não discriminação; 

● Saúde, segurança e fim da violência; 

● Educação e formação; 

● Desenvolvimento empresarial e práticas da cadeia de fornecedores; 

● Liderança comunitária e engajamento; 

● Acompanhamento, medição e resultado.

Segundo a ONU Mulheres, num mundo cada vez mais globalizado e interligado, a utilização de todos os ativos socioeconômicos é crucial para o desenvolvimento dos negócios e sustentabilidade do planeta. No entanto, apesar dos progressos, as mulheres continuam a enfrentar a discriminação, marginalização e exclusão, ainda que a igualdade entre homens e mulheres seja um preceito internacional universal, um direito humano fundamental e inviolável (Cartilha dos Princípios de Empoderamento das Mulheres – ONU Mulheres e Rede Brasileira do Pacto Global).

Dessa forma, refletir sobre a importância do “trabalho igual, salário igual” (importante causa defendida também pela BPW) é uma forma estratégica de crescimento na luta pelo combate à desigualdade, que também envolve questões éticas e sociais mundiais.

ㅤㅤㅤ

Referências

Rodrigues L. Estudo revela tamanho da desigualdade de gênero no mercado de trabalho. Artigo publicado na Agência Brasil em 4 de março de 2021.

Souza S. Desigualdade salarial entre homens e mulheres – Uma perspectiva sobre a série “Explicando” do Netflix. Artigo publicado no Linkedin em 5 de maio de 2020.

ㅤㅤㅤ

O Projeto BPW Conexão Psi completou, no mês de maio, um ano de trabalho com Rodas de Conversa, abrindo às pessoas a oportunidade de refletir e realizar trocas saudáveis em prol da saúde mental, emocional e social.

Com muita alegria, ocupamos este espaço no Jornal Integração da Serra e também abrangência nacional como Projeto da BPW.

Seguimos aguardando sua participação! Venha conversar conosco!

Próxima data: 28 DE JUNHO

Contato nas redes sociais.

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *