Sidi 1

Sidi “Loco” recebe presentes na redação do Integração da Serra

Na tarde desta segunda-feira (9) Sidi “Loco” acompanhado de sua mãe, dona Ivani, estiveram na redação do Jornal Integração da Serra receber alguns presentes doados por uma das leitoras do jornal, Ketlin Cobalchini. Sidi, que é conhecido e muito querido na sociedade bento-gonçalvense ganhou peças de roupas e um par de sapato.
Campanha do Integração da Serra
Em outubro o Integração da Serra fez uma campanha com o intuito de ajudar Sidi e sua mãe. Na época ele precisava de pares de calçados. Milhares de pessoas rapidamente interagiram com a página do Integração no Instagram e também no Facebook e rapidamente começaram a enviar mensagens querendo contribuir com doações.

História de vida

É possível afirmar que Sidi é um vencedor, um sobrevivente. Ele não sabe ler, nem escrever. Também não sabe olhar as horas e contar dinheiro. Segundo a mãe, até os 15 anos Sidi tinha convulsões, causadas por disritmia cerebral de sequelas do parto, ocorrido em 18 de outubro de 1976, no Hospital Santa Terezinha, de Erechim.

 

“Ele pesava quatro quilos e foi retirado a fórceps. Ficou 24 dias entre a vida e a morte no hospital em Erechim, mais 17 em outro hospital, em Passo Fundo. No décimo quinto dia teve sua primeira convulsão”. Na ocasião, Dona Ivani foi avisada pelos médicos que ele sobreviveria, mas teria sequelas. A família se mudou para Bento Gonçalves em busca de oportunidade de emprego quando Sidi tinha sete meses. Ele entrou na Escola Municipal de 1º e 2º Graus Alfredo Aveline com oito anos, em 1984, mas ficou por menos de quatro meses, quando foi transferido para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), que frequentou por nove anos. Através da APAE, foi trabalhar numa mecânica e no Corpo de Bombeiros, mas não deu certo porque, segundo Dona Ivani, ele mexia em tudo, não parava quieto.

Sidi 2

Sidi 3

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *