Ide e Evangelizai

Por César Anderle 

Inúmeras vezes no Evangelho da igreja Católica aparecem estas palavras: Ide e Evangelizai.

 

Os apóstolos relatavam estas palavras com veemência e autoridade. Jesus Cristo pedia para eles propagarem a Boa Nova.

 

Hoje, em nossos tempos, cada um de nós tem o compromisso de propagar essas palavras, afinal somos ou não somos católicos? Cremos ou não cremos nas palavras de Cristo?

 

Fico triste ao ouvir as pessoas que dizem não acreditar em um ser superior. Fico triste ao saber que muitos católicos deixam de acreditar em nossa religião. Fico triste ao vivenciar diversas formas de religião que somente buscam o interesse alheio.

 

Os apóstolos relatavam que Jesus seguia com eles para Evangelizar, ou seja, jamais ia um somente, mas sempre dois ou mais. Isso porque em dois, qualquer trabalho fica menos árduo. Um sustenta o outro, um dá forças para o outro.

 

Um trabalho feito em equipe sempre é menos ardoroso, o fardo fica mais leve e, inclusive, prazeroso. Temos de nos unir, seja numa empresa, na família, ou seja, na comunidade.

 

O espírito de união faz crescer e fortificar os laços de amizade e fraternidade entre as pessoas. Somos todos iguais perante Deus, mas temos de respeitar as diferenças de cada um. Só assim poderemos agir com serenidade.

 

O mundo, e o nosso país, se encaminham, infelizmente, para um possível caos. Falta de água, fome, desigualdade social, falta de emprego, de oportunidades… Enfim, uma série de anormalidades que, tenho certeza, não é obra de Deus e sim obra de nós humanos. O nosso recente desejo de ter mais, de buscar a própria independência sem se importar com o outro (às vezes uma pessoa necessitada está bem ao nosso lado e nem percebemos), essa busca incessante de prazer a todo custo está nos matando, está nos levando ao extremo da insanidade. Não sei quanto tempo o globo e o próprio ser humano suportarão.

 

A natureza já vem dando sinais visíveis e concretos do estrago que todos nós fazemos a cada dia: seca no verão, seca em pleno inverno, enchentes pontuais, colheitas de grãos frustradas. O mundo não irá acabar dentro de 15, 20 anos, mas as gerações futuras irão sofrer as consequências de nossas atitudes. Temos de refletir e buscar soluções unidos. Temos de agir como agia Cristo no início de sua pregação, ir junto, mostrar o caminho, compartilhar as emoções, as informações, demonstrar amor, empatia, enfim, fazer valer cada ideia dada em busca do melhor para a comunidade, para a cidade, para o país, enfim, para o mundo.

 

Na fé não é diferente. É necessário evangelizar em conjunto. Um faz bem, dois fazem melhor, mas três conseguem alcançar os objetivos mais rapidamente.

 

Ide e Evangelizai serve para mim, serve para você, serve para todos nós. Não deixemos para amanhã, façamos hoje o que tem de ser feito hoje, seja a oração de uma Ave Maria, a reza do terço, a doação de um agasalho, o cumprimento a um amigo, a ajuda a um desconhecido.

 

Façamos a nossa parte, sejamos leais com os outros e conosco mesmo, sejamos sempre coerentes em nossas atitudes.

 

Tenha fé e sucesso sempre!

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *