Profissionais de Bento preparam forma de descontaminação de respiradores N95 e aventais de TNT

Com a pandemia do Coronavírus (Covid-19) a utilização de equipamentos de proteção individual (EPIs) por profissionais de saúde aumentou. E com isso algumas alternativas de descontaminação se fazem necessárias para evitar o desabastecimento.

 

O Instituto Nacional de Saúde (NIH) anunciou que Pesquisadores confirmaram a eficiência de alguns métodos de descontaminação dos respiradores N95 usados por profissionais da saúde, para que possam ser reutilizados. Uma parte substancial da pesquisa já mostrou que as máscaras projetadas para uso único podem ser usadas mais de uma vez durante uma crise. E, em março, o Centro de Controle de Doenças autorizou a reutilização devido à escassez causada pela pandemia de Covid-19.

 

Nas últimas semanas, o Food and Drugs Administration (FDA, agência sanitária americana) emitiu aprovações de emergência para vários sistemas de descontaminação de máscaras.

 

Em Bento Gonçalves, a Coordenadora do Setor de Saúde Bucal da Secretaria da Saúde, Giovana De Bacco buscou alternativas para que a descontaminação pudesse ser realizada, garantindo EPIs para os profissionais da cidade. “Precisávamos de soluções, que nos auxiliassem na desinfecção destes materiais, e as pesquisas nos mostraram que isso era possível, e a partir de agora poderemos fazer esse trabalho na cidade”, disse.

 

Em parceria com a empresa Maquinapack foi criado, em dois dias, o equipamento, que utiliza o metódo de ciclos de calor seco, a 70 graus Celsius ou 158 graus Fahrenheit, por 30 minutos, estratégia que permite dois processos de descontaminação.

 

Desde o último Decreto Municipal, as máscaras caseiras passaram a ser orientadas para uso massivo da população. O público tem sido alertado a não usar e nem tentar comprar máscaras N95 porque estariam privando os profissionais de saúde de equipamentos que salvam vidas.

Foto: Giovana De Bacco 

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *