Semana gelada terá mínima de zero grau na Serra Gaúcha

Uma grande e forte massa de ar frio de origem polar avança sobre o Brasil nesta semana. Até o próximo dia 8 o país deve sentir um resfriamento muito intenso, que ocorre poucas vezes durante um inverno. Segundo informações do Climatempo muito provavelmente será a mais intensa de 2019 e talvez só tenhamos uma com esta força este ano.

A semana na Serra Gaúcha deve ser ainda mais gelada com previsão de geada e mínima de zero grau. A manhã desta segunda-feira teve mínima de 7° grau em algumas regiões e a máxima não passa dos 15° ao longo do dia. O cenário deve ser praticamente o mesmo até a quinta-feira, dia 4, quando as temperaturas despencam ainda mais e as máximas não devem passar dos 9°.

A semana gelada

A chegada desta massa polar confere com a previsão climática feita pela Climatempo de que o frio do inverno de 2019 ficará concentrado em julho. A previsão deste resfriamento extremamente forte na primeira semana de julho não muda a previsão de que o inverno de 2019 terá poucos eventos de frio e é sob a influência de um El Niño fraco.

Geada

A geada poderá se formar de maneira generalizada sobre o Sul do Brasil, atingindo Curitiba e o norte do Paraná, e em áreas do Centro-Oeste e do Sudeste. Desta vez, a geada pode ser severa em áreas do Sul e do Sudeste, com danos para a agricultura.

É possível que tenhamos geada em Mato Grosso do Sul, em muitas áreas de São Paulo, incluindo a Grande São Paulo, no centro, oeste e sul de Minas Gerais, nas áreas serranas e no sul do Rio de Janeiro. Não se poderia descartar também um risco de geada até para o sul de Goiás e a formação de geada nas áreas de grande altitude na divisa de Minas Gerais com o Espírito Santo, como a serra do Caparaó.

inverno

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *