Carnaval Retrô celebra identidade garibaldense

O centro histórico de Garibaldi voltou a ser palco de um grande evento

Em meio ao casario centenário, a primeira edição do Carnaval Retrô já mostrou a que veio: milhares de pessoas se reuniram na Rua Buarque de Macedo, antecipando as comemorações da maior festividade brasileira. Ao som de marchinhas, axé e samba, o Bloco do Bepi comandou a festa no sábado, 23 de fevereiro.

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (6)

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (8)

Com o tema “Tropeiros e Mascates”, a comissão de frente, composta pela Cia Teatral Acto e pelo CTG Sentinela da Serra, homenageou quem trouxe a base para o comércio da região. Com integrantes da Escola de Música da Orquestra Municipal de Garibaldi, da KGB Máfia, do Jaz Flor de Uva e da Banda Musical Profº Danilo Chisini, o público foi convidado a acompanhar o Bloco do Bepi, que, em movimento, tocou as tradicionais marchinhas de carnaval. O trajeto contemplou a Rua Buarque de Macedo e suas imediações. O nome Bepi brinca com o apelido de Giuseppe em talian – dialeto que veio com os imigrantes italianos – além de lembrar a figura de Giuseppe Garibaldi, que dá nome à cidade, e de tantos Josés que fizeram história na cidade.

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (27)

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (16)

Depois, no palco montado no entroncamento da Rua Buarque com a Rua Borges de Medeiros, a Banda do Bloco do Bepi animou a noite com clássicos carnavalescos que misturaram axé, samba e marchinhas transformando garibaldenses e visitantes em animados foliões.

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (19)

Para o secretário de Turismo e Cultura, Paulo Salvi, a ideia era mesclar uma data tão importante para o Brasil, com a identidade de Garibaldi, reunindo famílias em torno da alegria. “Foi emocionante ver o resgate do evento e perceber crianças, jovens e idosos compartilhando o mesmo espaço no verdadeiro espírito carnavalesco”, define.

Bloco do Bepi_Créditos Alexandra Ungaratto (3)

Exposta durante o evento, a exposição “Carnaval Garibaldi” retorna ao Museu Municipal onde as imagens em preto e branco, que datam de 1912 até a década de 1960, permanecem para apreciação do público até o dia 15 de março.

Banda do Bloco do Bepi_ Créditos Alexandra Ungaratto (7)

O Carnaval Retrô é uma promoção da Prefeitura Municipal de Garibaldi, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura. A organização ficou a cargo de umacomissão e contou com o apoio da Secretaria de Mobilidade Urbana, Brigada Militar, Escola de Música da Orquestra Municipal de Garibaldi, KGB Máfia, Jaz Flor de Uva, Banda Musical Profº Danilo Chisini, Arquivo Histórico Municipal, Conselho de Políticas Culturais (Concult), Associação Garibaldi Gastrô, Cia Teatral Acto, CTG Sentinela da Serra, jornalista e cartunista Eliseu Demari e do designer Renan Boeira.

????????????????????????????????????

Créditos das fotos: Alexandra Ungaratto e Jean Teixeira

1 responder
  1. Dilnei Soares
    Dilnei Soares says:

    Pela reportagem, foi um sucesso esse evento! Parabéns aos promotores e organizadores do Carnaval de Garibaldi! Acho que o jornal deveria ter feito um vídeo do evento, para melhor divulgação!

    Responder

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *