Hospital Tacchini: nas suas veias corre amor: doe sangue, doe vida!

O Hemocentro Regional de Caxias do Sul (Hemocs), é a unidade de referência responsável por captar e distribuir as bolsas de sangue aos hospitais na região. O Médico hematologista, Victor Hugo da Rocha Lenz Pereira, responsável técnico da Agência Transfusional, explica que devido ao fato do Hospital Tacchini ser referência para o tratamento de câncer na região, a maior parte dos pacientes demandam grande quantidade de hemoderivados da Agência Transfusional. “Hoje, cerca de 80% das transfusões do SUS são de pacientes com câncer e diante disso necessitamos sempre de reposição para continuar prestando um serviço de qualidade para a população”, esclarece.

É fundamental que a população entenda a importância do gesto de doar sangue. Uma ato de amor que pode fazer toda a diferença na vida de outra pessoa.

Para atender a demanda dos pacientes internados no Hospital Tacchini, todas as coletas são feitas no Hemocs e para isso você doador pode agendar o transporte gratuito, o qual será feito com auxílio da Secretaria Municipal da Saúde.

Quem tiver interesse em doar sangue deve contatar a Unidade de Coleta e Transfusão de Sangue, diretamente no Hospital Tacchini ou pelo telefone 54 3455-4151.

É importante salientar que as pessoas que residem em outras cidades, mas que fazem tratamento no Hospital Tacchini pelo SUS, também devem contribuir, realizando sua doação ou indicando outras pessoas que possam fazer a doação. 

Critérios para doação de sangue:

– apresentar bom estado de saúde;

– ter entre 18 e 67 anos. Doadores de 16 e 17 anos podem realizar doação com consentimento formal de um responsável legal;

– peso mínimo de 50Kg;

– não ter contraído alguma hepatite viral após os 11 anos de idade;

– não ter diagnóstico de Doença de Chagas;

– não apresentar risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis.

– não estar amamentando;

– não ter ingerido álcool 12h antes da doação;

– não ter fumado 1h antes da doação.

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *