CDL-BG compartilha responsabilidade social com o projeto Transformando Vidas

O poder da solidariedade é grande o suficiente para promover mudanças radicais na sociedade – motivo pelo qual a Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves incentiva permanentemente seu exercício junto à comunidade onde está inserida. Seguindo esse ideal, a entidade confirmou seu apoio à 5ª edição do projeto Transformando Vidas (anteriormente conhecido como Sonho de Menina Moça).

Na tarde de 10 de agosto, promoveu o primeiro encontro oficial entre o padrinho representante da entidade, o diretor Ari Fachinetto, e Andrine Capello, de 15 anos, aluna do 9º ano da EMEF Professora Maria Borges Frota (Caic). A oportunidade permitiu compartilhar valiosas informações sobre a experiência da jovem com a iniciativa. O projeto coordenado pelo Gabinete da Primeira Dama da Prefeitura de Bento Gonçalves é destinado a jovens – meninas e, pela primeira vez, meninos – quem têm ou completam 15 anos em 2018 e sejam provenientes de famílias inscritas no CAD Único (Programa Bolsa Família). A iniciativa oferece atividades como oficinas, visitas e acompanhamentos – que iniciaram em março deste ano e serão concluídas no dia 18 de agosto com o baile de debutantes – momento que Andrine aguarda com ansiedade. “Eu era bem tímida, com vergonha de falar em público, mas aprendi que é preciso ‘me soltar’. O que eu mais gostei no programa foi aprender a me portar em uma entrevista de emprego, tanto que já consegui trabalho como Jovem Aprendiz”, destaca.

Andrine Capello e Ari Fachinetto (1)

Comunicativa e focada em seus objetivos, Andrine deseja morar em outras cidades no futuro para conhecer realidades diferentes. “Acordo 5h45min para me arrumar e pegar ônibus para o trabalho. Chego em casa 12h45min para almoçar e cuidar do meu irmão mais novo, de dois anos. Termino a rotina à noite, com os estudos. É cansativo, mas estou gostando e sei que vai valer a pena”, conta.

Conhecer histórias inspiradoras como a de Andrine – e como iniciativas solidárias são capazes de incentivar o potencial das novas gerações – é uma das grandes lições compartilhadas pela participação no projeto. “Essa ação social é muito boa porque ajuda jovens a verem novos horizontes. Em três anos que represento a entidade como padrinho, vejo participantes e suas famílias felizes com os resultados. Para a CDL-BG, é importante apoiar e integrar essas iniciativas que valorizam a comunidade tanto no presente quanto a longo prazo, gerando aprendizado mútuo”, avalia o diretor da CDL-BG, Ari Fachinetto.

Transformando Vidas

O projeto visa estimular a participação social de jovens adolescentes, oriundos de famílias de baixa renda, em atividades e ações organizadas e planejadas com o apoio do poder público municipal e a comunidade. As ações englobam diversas áreas, como saúde, cultura, trabalho, educação e comportamento, oportunizando a convivência social e a vivência de novas experiências para sua apresentação à sociedade. Cada adolescente é apadrinhado por uma empresa ou entidade que assume despesas de com roupa para o dia do evento de encerramento, passagens de ônibus, lanches, fotos, filmagens, etc.

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *