festa da música 2

FESTA NACIONAL DA MÚSICA

MÚSICA TOMOU CONTA DA CIDADE

Bento Gonçalves “bombou”

Bento Gonçalves ¨bombou” com a programação da Festa Nacional da Música 2019, ocorrida de 18 a 23 de outubro deste ano no Dall’Onder Grande Hotel, na Fundação Casa das Artes e na Rua Coberta. A música tomou conta da cidade, mobilizando milhares de pessoas de todas as faixas etárias, em torno de shows com artistas de projeção nacional, do projeto Ninho da Criação, de palestras, de encontros de estudantes com artistas, da Noite de Homenagens e da Noite de Shows para Televisão e Redes Sociais. O evento, em sua 15ª edição, reuniu em torno de 300 artistas de diversos estilos musicais e representantes de gravadoras.

Mais de 20 mil pessoas prestigiaram as mais de 20 atrações na Rua Coberta

O Show Nacional, na noite de terça-feira (22 de outubro), protagonizado por artistas participantes da Festa Nacional da Música, reuniu mais de 20 mil pessoas na Rua Coberta. Foram quase cinco horas de música e mais de 20 atrações, entre cantores e bandas conhecidas do público, que dividiram o palco com jovens artistas, em uma coleção de grandes sucessos.

Cinco horas de música

A cantora Sandra de Sá, referência mundial do Soul Music, colocou o público para dançar e espantar o frio, um aquecimento de luxo para a noite de shows. Ao lado do trio Soul de Brasileiro, composto por Simone, Floresta e Sandamí, interpretou sucessos como “Soul de Verão” e “Olhos Coloridos”. Sandamí (ex banda Sambô) que estava na bateria, também aproveitou e cantou o sucesso “Mercedes Benz” (Janis Joplin) em ritmo de samba.

Mistura de ritmos

Os gaúchos da banda Fresno foram os anfitriões do que o próprio cantor e band-leader Lucas chamou de “#rolêaleatório”. A mistura de ritmos tomou conta do palco quando se juntaram a ele os regueiros Tales de Polli, vocalista da banda Maneva, e Jô Zeider, da Planta e Raiz. Clima que mudou completamente quando a Fresno convidou ao palco a dupla Bruninho e Davi e, depois, o cantor de forró Frank Aguiar. O bloco apresentou clássicos como “Evidências” e “Morango do Nordeste”.

Sula Miranda e os novos sertanejos

O ritmo sertanejo também marcou presença na noite de shows. Sula Miranda, a rainha dos caminhoneiros, emocionou a plateia com clássicos como “Caminhoneiro do Amor” e “Nova York”. Ao lado da dupla Roberty e Ruan, grande revelação do sertanejo, cantou “Saudade Matadeira”. Como uma grande vitrine para novos artistas, outros nomes puderam mostrar seu trabalho na Festa Nacional da Música. Prata da casa, Felipe Girardi levantou o público. Além dele, cantaram Tuta Guedes e as duplas Noelle e Junior e Fredy e Fábio.

O grande encontro do pagode

Quantos grupos de pagode cabem em um grande palco? A Festa Nacional da Música mostrou que não há limites, quando a música é de qualidade. No bloco pagode, o Zueira foi o anfitrião, convidando os amigos do Bom Gosto, Turma do Pagode, Pixote, Adriano Ribeiro, André Marinho, Adryana Ribeiro e Delacruz. A plateia foi ao delírio com grandes clássicos do samba e do pagode como “Vou Fazer Acontecer”, “Patricinha de Olho Azul” e “Camisa 10”.

festa da música 8

Novos talentos

O palco da Festa Nacional da Música também foi espaço para mostrar novos talentos e revelar artistas. Alguns conhecidos do público. Outros com muitos seguidores na internet. Alguns com bandas que se formaram há pouco tempo, outros com músicos de apoio de diferentes formações. O Show Nacional também contou com a participação da banda Elixir Inc., de Rodrigo Zor e do Sem Reznha.

“O amor é a única revolução verdadeira”

O palco da Festa Nacional da Música, voltada para todos os estilos, não deixou de fora um grande encontro do pop e rock nacional. Os Detonautas foram os anfitriões desse bloco, que reuniu Felipe Pezzoni, Vitor Kley e Sylvinho Blau Blau.

festa da música 4

Com uma mensagem de otimismo e empatia, Tico Santa Cruz declarou que “o amor é a única revolução verdadeira”, chamando o público para entoar sucessos como “Quando o Sol se For”. Nessa mesma vibração, um grupo de crianças subiu ao palco para entoar o hit “O Sol”, acompanhando o cantor Vitor Kley, autor do sucesso. Fechando a noite, o Dj Zullu compartilhou o palco com o cantor Naldo, com muita energia.

Noite de homenagens

Emoção tomou conta do evento que distinguiu 16 artistas e personalidades

O evento foi marcado ainda pela Noite de Homenagens, ocorrida na segunda-feira, (21 de outubro), nas dependências do Dall’Onder Grande Hotel. Na ocasião, foram prestadas 16 homenagens, entre artistas e personalidades que movimentam o cenário musical brasileiro. Os agraciados da Festa Nacional da Música 2019 foram: o tenor Thiago Arancam, os cantores Bruninho e Davi, o sambista Dudu Nobre, o cantor Vitor Kley, o cantor Paulo Ricardo, o maestro Eduardo Lages, o compositor Antônio Villeroy, o cantor/compositor Serjão Loroza, a banda Fresno, formada por Lucas Silveira, Gustavo Mantovani, Mario Camelo e Thiago Guerra, a cantora Midian Lima, o compositor Bruno Caliman, o empresário Gustavo Vianna, o empresário Sérgio Affonso, o administrador Chico Ribeiro, o administrador Northon Vanalli e a Audio Porto e a Fábrica do Futuro, representada pelos irmãos Rafael e Francisco Hauck.

Cerimônia de Premiação. FOTOS - Jackson Ciceri (7)

O padre Antônio Maria foi o primeiro convidado a entregar o troféu nas mãos do maestro Eduardo Lages. Os dois entoaram, juntos, “Nossa Senhora”, imortalizada na voz do Rei Roberto Carlos. A canção foi acompanhada com comoção pelo público. O que seguiu foi um desfile de atrações musicais dos mais diferentes estilos.

A dupla Bruninho e Davi, Fresno, Thiago Arancam, Bruno Caliman e o festejado Vitor Kley representaram a nova geração da música nacional. Arancam, que entoou “My Way” à capela, disse que a emoção da premiação em Bento Gonçalves era superior a dos prêmios que ele já havia recebido ao longo de sua carreira, em todo o mundo.

Sérgio Affonso (Warner Music Brasil), Gustavo Vianna (Abramus), Chico Ribeiro (UBC), Norton Vanalli (Sonotec) e os irmãos Rafael e Francisco Hauck (Audio Porto/Fábrica do Futuro) representaram os profissionais que movimentam, inovam e fazem acontecer a indústria musical. Eles foram muito

festejados pelos artistas em reconhecimento genuíno pelo empenho em sempre impulsionar o mercado nacional.

A cantora gospel Midian Lima arrancou lágrimas da plateia ao entoar “Jó”, um de seus grandes sucessos. Já o gaúcho Antonio Villeroy contou histórias de sua carreira e interagiu musicalmente com o público cantando “Pra rua me levar”, gravada por inúmeros artistas, acelerando o ritmo da festa.

Serjão Loroza encheu o auditório com soul music de altíssima qualidade, na companhia de Sandra de Sá e do grupo Soul de Brasileiro. Com seu carisma, ele destacou que a música é o somatório de esforços coletivos. “É nóis”, repetiu em discurso e canção.

festa da música 6

Samba e Rock

Comemorando 20 anos de carreira, Dudu Nobre chamou toda a turma do samba e do pagode para subir ao palco. Pretinho da Serrinha, Turma do Pagode, Grupo Bom Gosto e Rappin’ Hood (que entregou o troféu a Dudu) foram alguns dos nomes que, na palma da mão, acompanharam um pout pourri dos maiores sucessos do sambista.

Para fechar a noite, Paulo Ricardo subiu ao palco para festejar a música. Ele, que recebeu o troféu das mãos de Tico Santa Cruz, ressaltou que a homenagem era um resumo de sua carreira. Ele chamou o maestro Eduardo Lages para cantar “Estradas de Santos”. E, para finalizar, com sua banda fez “Loiras Geladas” e “Rádio Pirata”, colocando a plateia para dançar.

Festival Promessas

O Festival Promessas foi marcado por apresentações de 11 artistas, na Rua Coberta, que empolgaram cerca de 15 mil pessoas com seus maiores sucessos, em um clima de muita fé e devoção. O cantor e apresentador Fabinho Vargas comandou a festa. Ele ressaltou a relevância do Festival, feito de forma voluntária pelos artistas. “A recompensa é nossa oferta de amor, aplauso, carinho e respeito”.

A Banda da Associação de Ministros Evangélicos de Bento Gonçalves (Asmeb) abriu o festival, trazendo hits como “Vitória no Deserto”. Em seguida, Thayna Lane colocou a plateia para cantar sucessos conhecidos, como “Alfa e Ômega”.

Na sequência, o clima do festival esquentou com o roqueiro PG. Ele trouxe sucessos antigos de sua carreira e também novidades como “Adorai somente a Deus”. As meninas do Ministério Aliança do Tabernáculo também encantaram o público.

Quase no final da festa, a cantora Midian Lima, uma das homenageadas da Festa Nacional da Música, subiu ao palco. Emocionada, ela levou os fãs às lágrimas com canções como “Jó”. Ela também entregou, nas mãos do realizador da Festa, Fernando Vieira, uma medalha comemorativa pelos 30 anos da Gravadora MK.

Finalizando a noite, o nome mais esperado pelo público, Isadora Pompeo, com seu estilo leve e jovem, fez a plateia cantar junto. A canção “Como nunca antes” foi entoada em uníssono, encerrando com chave de ouro o Festival Promessas. Após o término das apresentações, o público se mobilizou para recolher papéis e outros descartes na Rua Coberta, deixando limpo o ambiente e dando um show de cidadania.

festa da música 3

Galpão Crioulo

As gurias deram o tom da noite tradicionalista de sexta-feira (18 de outubro), na abertura da Festa Nacional da Música, que reuniu grandes nomes da música gaúcha na Rua Coberta. Na ocasião, a alegria do tradicionalismo e o talento da mulher gaúcha tomaram conta de Bento Gonçalves. O público lotou a Rua Coberta para receber os artistas, durante a gravação do programa Galpão Crioulo, da RBS TV.

ninho da criação

 

Um dos projetos do evento, o “Ninho da Criação” deu lugar a um misto de emoções e vozes afinadas na noite de domingo (20 de outubro), no auditório da Fundação Casa das Artes. No palco, seis renomados compositores – Marcos Sabino, Paulo Massadas, Nando Cordel, Carlos Colla, Peninha e Bruno Caliman – dividiram com o público, histórias de suas criações e cantaram sucessos como “De volta para o aconchego”, “Dia de domingo”, “Gostoso demais”, “Sozinho”, “Domingo de manhã” e ‘Whisky a go go” entre outras.

festa da música 7

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *