Dia do Vinho - Capa

10ª edição do Dia do Vinho ocorre em âmbito nacional

Por Rodrigo De Marco

Edição Kátia Bortolini 

A programação da 10ª edição do Dia do Vinho inicia nesta sexta-feira, dia 17, em 44 municípios de onze regiões produtoras de seis Estados brasileiros, se estendendo até o dia 2 de junho, envolvendo cerca de 160 empreendimentos. Nesta décima edição consecutiva, o evento, lançado no último dia 30 de abril em Monte Belo do Sul, ocorre com logomarca renovada, passando a denominar-se para Dia do Vinho Brasileiro. A ação, promovida pelo Sindicato Empresarial de Gastronomia e Hotelaria (SEGH) – Região Uva e Vinho e pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), além do Rio Grande do Sul, abrange os estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

No Rio Grande do Sul, a novidade está com a adesão do município de Rolante, com o roteiro Caminho das Pipas, além dos municípios de Guaporé e Nova Pádua, na Região Uva e Vinho. Em São Paulo a novidade é o Roteiro do Vinho de Jundiaí. Também, entre as novidades da edição está a participação de Minas Gerais através de Andrades, do Paraná por meio da Vinopar, e de Santa Catarina com os roteiros Vales da Uva Goethe/Urussanga e Vinho de Altitude, envolvendo sete municípios.

O Dia do Vinho Brasileiro 2019 está sendo promovido pelo Ibravin por meio do projeto Vinhos do Brasil, pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR/RS), pelo Wine in Moderation, e pelo SEGH como resultado do Projeto Eventos Integrados e Integradores – reinterpretação da concepção de evento, sendo fomentado pelo Ministério do Turismo, e inspirado na lei que instituiu o Dia do Vinho no Rio Grande do Sul, comemorado no primeiro domingo de junho de cada ano.

Dia do Vinho interna

Vitrine para o vinho, enoturismo e regiões produtoras do Brasil

Para a diretora executiva do Sindicato Empresarial da Gastronomia e Hotelaria Região Uva e Vinho (SEGH), Márcia Ferronato, o evento representa a união de quem trabalha valorizando o enoturismo.

“É um evento feito a muitas mãos, por quem ama o que faz e valoriza o enoturismo e os vinhos do Brasil. O Dia do Vinho é um movimento, forma uma grande rede de cooperação. Uma ocasião para dar destaque aos territórios vitivinícolas, aos empreendimentos e ao enoturismo. A cada edição, percebendo a visibilidade, mais destinos aderem e o empresário da gastronomia, hotelaria, vinícola, enfim, do trade turístico, compreende que este movimento é uma oportunidade. O SEGH, o Ibravin e o comitê organizador acreditam que o evento é mais uma vitrine para falar do vinho, do enoturismo e das regiões produtoras do Brasil”, destaca.

Márcia ressalta que, dentre os destaques da programação, constam dezenas de festividades realizadas nas cidades e nos roteiros turísticos para que todos entrem no clima de festa, marcando com muitos brindes a data. “É uma programação intensa, que visa evidenciar o vinho e a nossa cultura”.

Dia do Vinho - Márcia

Cultura do vinho está mais forte

O presidente do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Oscar Ló, está otimista em relação a edição 2019. “O Dia do Vinho Brasileiro é uma ação muito importante para a divulgação do setor vinícola e também para fomentar a economia nas regiões onde a vitivinicultura está presente. A maioria das cerca de 500 vinícolas registradas no Rio Grande do Sul é de pequeno porte. Entre elas, existem várias voltadas ao enoturismo, beneficiadas pelo evento. A promoção fomenta a economia das regiões onde a cultura do vinho está mais forte”, diz.

Segundo ele, a cada edição o evento tem mantido uma média de crescimento de 10% em relação a anterior quanto ao envolvimento de pessoas, vinícolas e estabelecimentos comerciais. “A expectativa é que continue crescendo o engajamento de regiões produtoras. Temos mais Estados que produzem uva para processamento. Queremos que todos Estados produtores se engajem na campanha e estimulem o aumento do consumo per capita do Brasil, de apenas 2 litros/ano. O apelo do Dia do Vinho Brasileiro é para ser um momento festivo, de promoção, engajamento do setor e fortalecimento da imagem como produto”, acrescenta.

Dia do Vinho - Oscar Ló

União e bom momento para o setor

“O Dia do Vinho Brasileiro é, sem dúvida, um momento importante no calendário da vitivinicultura nacional. É um período em que diversos estabelecimentos promovem ações em torno do vinho, entre elas a gastronomia e momentos de lazer e cultura. Nos dias da comemoração, as constantes ações deverão alavancar as vendas nas principais cidades participantes, e impulsionar em outras regiões diversas. Trata-se, sem dúvida, de uma força que se une com outras ações para promover e valorizar o vinho nacional, convidando a todos para apreciarem o bom vinho nacional. Seu crescimento, concomitante ao desenvolvimento do setor, deverá sim cooperar com o aumento do consumo per capita nas regiões que atenderem ao chamado do Dia do Vinho Brasileiro”, afirma o presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE), Daniel Salvador.

De acordo com Salvador, nesse novo formato de projeção nacional o evento ganha ainda mais prestigio entre os apreciadores da produção e consumo do vinho. Segundo ele, se de um lado o cenário econômico é desfavorável, de outro se presencia uma fase de muita maturidade do setor.

“A décima edição vem se somar com essa fase positiva do setor. Nossa expectativa é que o Dia do Vinho Brasileiro promova o vinho nacional e todos estabelecimentos participantes. Temos um caminho para trilhar coletivamente no que tange a políticas públicas, no intuito de melhorarmos a competitividade das vinícolas de forma igualitária na prateleira, e quando esse dia chegar estaremos fortes e unidos, com produtos que representam cada região no seu estilo e terroir”, destaca.

Ele acrescenta que, no que tange ao cenário gaúcho, além do evento proporcionar as diversas ações pelos estabelecimentos participantes, também é uma forma do setor mostrar que a união entre os setores responsáveis e envolvidos diretamente na cultura da vitivinicultura é gratificante para todos. “O Dia do Vinho Brasileiro reforça este tema da união, porque o seu apelo maior está baseado em uma ação coletiva voluntária dos participantes. Também, reforça que o vinho nacional merece, sim, estar nas cartas de todos os restaurantes, por mérito de sua competência e qualidade, e deve ser valorizado principalmente pelos brasileiros”, conclui.

Dia do Vinho - Daniel Salvador

A história do Dia do Vinho

A história do evento inicia com a lei que instituiu o Dia do Vinho no Rio Grande do Sul, comemorado no primeiro domingo de junho de cada ano. A lei foi promulgada em 12 de dezembro de 2003. O projeto partiu do então deputado estadual Iradir Pietroski.

Em 2008/2009, a região é comtemplada com o projeto “Eventos Integrados e Integradores: reinterpretação da concepção de eventos” através de recurso do Ministério do Turismo. Com a implantação do projeto e análise dos eventos regionais, surge a ideia de criar um evento integrado com tema comum. Nasce assim o evento Dia do Vinho e também instituísse o comitê executivo com suporte do SEGH – Sindicato Empresarial da Gastronomia e Hotelaria Região Uva e Vinho (antigo SHRBS).

Em 2010 acontece a primeira edição do evento integrado e integrador “Dia do Vinho”, na Região Uva e Vinho – Serra Gaúcha, com respaldo do comitê executivo e coordenação do SEGH, com o objetivo de promover o enoturismo e os vinhos brasileiros, fomentar a integração dos destinos enoturísticos, através das prefeituras, entidades, vinícolas, hotelaria, gastronomia, atrativos, valorizar eventos comunitários e ampliar o fluxo turístico.

A partir de 2011 o Ibravin passa a dividir a responsabilidade da realização do evento com o SEGH. Com tanta oferta o evento já nasce com programação de uma semana, sempre encerrando as atividades no segundo domingo do mês de junho.

Nas primeiras edições acontece com uma semana de programação na região Uva e Vinho/RS. Os Vinhos da Campanha Gaúcha e Roteiro de Vinhos de São Roque aderem ao movimento.

Com mais adesões e ampliação da programação, em 2015 o evento passa a ofertar duas semanas de atividades para celebrar o mundo do vinho. Na 7ª edição a adesão de mais regiões do país, o Vale de São Francisco/Nordeste e Vinhos do Vale Central Gaúcho/RS.

Em 2019, comemora-se 10 anos desta ação que se transformou em um grande movimento, passando a se chamar Dia do Vinho Brasileiro.

Dia do Vinho - Quadro

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *