Très chic: Cooperativa Vinícola Garibaldi brilha em concurso francês

Espumantes da marca conquistaram três medalhas no tradicional Challenge International du Vin

A Cooperativa Vinícola Garibaldi está ficando cada vez mais fluente no idioma francês – e a prova de proficiência são as premiações que vêm da Terra do Champagne. A marca gaúcha acaba de conquistar três medalhas no tradicional concurso Challenge International du Vin, realizado nos dias 12 e 13 de abril em Bordeaux, na França. Entre as 3.579 amostras inscritas por 37 países, destacaram-se os espumantes Garibaldi Moscatel e Garibaldi Moscatel Rosé, com medalha de Ouro, e Garibaldi Chardonnay Brut, com medalha de Prata.

A avaliação, que soma mais de 40 anos, reúne profissionais e consumidores especialistas em vinhos, uma sutil mistura que permite selecionar vinhos premium representativos dos gostos dos consumidores. O concurso é a maior competição internacional de vinhos realizada na França em abordagem de qualidade, atestando a aplicação de rigorosos padrões técnicos à sua organização.

Déjà vu

Ainda em 2019, a Cooperativa Vinícola Garibaldi recebeu outras quatro medalhas de Ouro na França. Elas vieram do concurso Citadelles du Vin e Vinalies internacionales. Os contemplados foram os rótulos Garibaldi Chardonnay Brut, Garibaldi Prosecco Brut e Garibaldi Moscatel duas vezes. Até o momento, a marca conta com 20 títulos conquistados apenas neste ano.

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

A história da Cooperativa Vinícola Garibaldi começou a ser escrita em 1931, pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época. Atualmente, são 400 famílias associadas, localizadas em 15 municípios da Serra gaúcha. Seu portfólio tem 65 produtos distribuídos em 12 marcas, entre espumantes, vinhos tintos e brancos, linhas de exportação, frisantes, filtrados e sucos de uva – além de opções orgânicas e biodinâmicas.

O premiado espumante Garibaldi Moscatel - foto Cassius Fanti

0 respostas

Deixe uma resposta

Escreva um comentário
Sinta-se livre para contribuir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *